conecte-se conosco


Saúde

5 dicas para melhorar a autoestima

Publicado

Saúde

5 dicas para melhorar a autoestima
Redação EdiCase

5 dicas para melhorar a autoestima

Aprenda alguns exercícios simples e abra o caminho para a autorrealização

Por Madalena Feliciano 

A forma como uma pessoa enxerga a si mesma é chamada de autoestima. É ela que causa felicidade ou tristeza em uma pessoa, que a faz sentir bem consigo mesma ou não. Ela é, também, uma poderosa aliada que permite atingir grandes conquistas, além de fazer com que a pessoa acredite no próprio potencial e se coloque no caminho para realizar os sonhos.

Porém, a autoestima só pode ter todo o potencial utilizado quando as pessoas estão bem consigo mesmas, coisa que nem sempre acontece. Muitas vezes, o indivíduo se torna seu próprio inimigo. As pessoas se colocam para baixo, e isso as impede de alcançar as metas pessoais.

Com exercícios simples, é possível aumentar a autoestima, abrindo caminho para a autorrealização. O primeiro passo para tratar a baixa autoestima é a autoaceitação. Depois, é necessário observar se é o caso de mudar algum comportamento ou procurar algum profissional de saúde mental.

Para te ajudar nesse processo, a gestora de carreira Madalena Feliciano separou 5 passos simples para aumentar a sua autoestima. Confira! 

> Entenda como a violência doméstica atinge mulheres lésbicas, bissexuais e trans

1. Analise sua vida 

Você realmente está vivendo a vida que gostaria? O seu trabalho lhe traz felicidade? Está satisfeito consigo? O primeiro passo é analisar como a pessoa está levando a vida, para determinar quais aspectos necessitam ser mudados. Com uma simples ferramenta de Coaching, “Roda do Equilíbrio da Vida”, pode-se facilmente identificar quais áreas deverão ser trabalhadas e quais ações serão necessárias.

2. Não tome decisões precipitadas 

Mesmo julgando que sua vida necessita de melhoria, o ideal é não se apressar muito. Não querer mudar do dia para noite é fundamental, pois o resultado não é imediato e, sim, progressivo. Com pequenas ações diárias podemos chegar ao cenário desejado.

3. Não se critique demais 

É comum as pessoas exagerarem no primeiro momento e se cobrarem demais por mudanças drásticas. Tudo deve ser levado de modo saudável. Estar próximo a pessoas positivas e se manter em alerta aos pensamentos negativos é um exercício simples e com excelentes resultados.

4. Encare seus problemas

O ideal é não fugir dos obstáculos. Fugir do que dá medo é compreensível, mas não ajuda em nada no processo de melhora e autoconhecimento.

> Entenda como a saúde mental influencia no seu peso

5. Trabalhe o autoconhecimento

Reconhecer seus defeitos e qualidades, encarando-os como um conjunto de características que formam o indivíduo, é essencial. Responsabilizar-se por suas escolhas é uma etapa importante no amadurecimento e melhoria pessoal. Além disso, a análise com um profissional de saúde especializado é uma excelente ferramenta quando você sente que precisa de ajuda.

Acompanhe mais informações sobre saúde na  revista ‘Saúde e Bem-estar’

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
publicidade

Saúde

Saúde: 10 estados e DF recebem novas ambulâncias do Samu

Publicado

O Ministério da Saúde anunciou, nesta quarta-feira (17), a entrega de novas ambulâncias do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) para 10 estados e o Distrito Federal (DF). Os veículos vão substituir as ambulâncias com mais de cinco anos de uso.

O lote abrange  82 ambulâncias, que serão utilizadas para fortalecer o atendimento de urgência e emergência para a população. O investimento federal é de R$ 22,6 milhões.

Nessa etapa, foram contemplados os estados de Alagoas, Rondônia, Mato Grosso, Roraima, Santa Catarina, Amazonas, Piauí, Paraíba, Sergipe, São Paulo e o Distrito Federal.

O Samu está presente em mais de 3,8 mil municípios do país e atende uma população de cerca de 180 milhões de brasileiros, abrangendo cerca de 85% do território nacional. As informações foram divulgadas pelo Ministério da Saúde.

Edição: Aline Leal

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Brasil tem 247 mortes e 21.927 mil casos de covid-19 em 24 horas

Publicado

O Brasil registrou, desde o início da pandemia, 682.010 mortes por covid-19, segundo o boletim epidemiológico divulgado hoje (17) pelo Ministério da Saúde. O número total de casos confirmados da doença é 34.223.207.

Em 24 horas, foram registrados 21.927 novos casos. No mesmo período, foram confirmadas 247 mortes de vítimas do vírus.

Ainda segundo o boletim, 33.128.198 pessoas se recuperaram da doença e 412.999 casos estão em acompanhamento. O boletim de hoje não traz os dados atualizados dos óbitos em Mato Grosso do Sul.

Boletim Epidemiológico 17.08.2022 Boletim Epidemiológico 17.08.2022

Boletim epidemiológico do Ministério da Saúde atualiza os números da pandemia de covid-19 no Brasil – Ministério da Saúde

Estados

De acordo com os dados disponíveis, São Paulo lidera o número de casos, com 5,98 milhões, seguido por Minas Gerais (3,85 milhões) e Paraná (2,72 milhões). O menor número de casos é registrado no Acre (147,9 mil). Em seguida, aparece Roraima (174,1 mil) e Amapá (177,8 mil).

Em relação às mortes, de acordo com os dados mais recentes disponíveis, São Paulo apresenta o maior número (173.791), seguido de Rio de Janeiro (75.244) e Minas Gerais (63.330). O menor número de mortes está no Acre (2.025), Amapá (2.157) e Roraima (2.165).

Vacinação

Até hoje, foram aplicadas 473 milhões de doses de vacinas contra a covid-19, sendo 178,8 milhões com a primeira dose e 159,9 milhões com a segunda dose. A dose única foi aplicada em 4,9 milhões de pessoas. Outras 105 milhões já receberam a dose de reforço.

Edição: Maria Claudia

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso