conecte-se conosco


Policial

PM prende três pessoas por roubo e porte ilegal de arma em Rondonópolis

Publicado

Policial

Em ação rápida, policiais militares do grupo de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) prenderam dois homens, de 22 e 24 anos, e uma mulher de 20 anos pelos crimes de roubo e porte ilegal de arma, na tarde desta quarta-feira (22.06), em Rondonópolis. Na ação, foram apreendidas duas armas de fogo, celulares e quantia em dinheiro.

Conforme o boletim de ocorrência, por volta de 16h50, a equipe do Raio foi acionada para verificar uma denúncia, em um estabelecimento comercial, na região central da cidade. Segundo a denúncia, dois homens armados teriam invadido o local, roubado celulares e dinheiro e teriam fugido em uma motocicleta.

Em diligências, os policiais conseguiram localizar os suspeitos, que foram detidos no estacionamento de um supermercado.

Em revista pessoal aos suspeitos, foram encontrados um revólver de calibre .38 e um revólver de calibre .32, ambos municiados. Questionados sobre o roubo, os suspeitos confessaram o crime e receberam voz de prisão.

Na Delegacia de Rondonópolis, os dois suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas do roubo. Um dos funcionários informou que o roubo começou após uma mulher ter ido ao estabelecimento para comprar um aparelho celular que ele teria anunciado a vendasnas redes sociais. A vítima disse que os criminosos teriam ido direto em seu aparelho e perguntaram por outros celulares que estariam na loja. 

Diante das afirmações, as equipes policiais questionaram se a mulher mencionada pela vítima estaria envolvida na ação criminosa. O fato foi confirmado pelos homens presos e a mulher, que estava presente na Delegacia como suposta vítima, também recebeu voz de prisão pela participação no roubo.

Disque-denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

 
Fonte: PM MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal apreendem caminhão com madeira irregular na fronteira

Publicado

Um caminhão carregado de madeira irregular foi apreendido na noite de quinta-feira (30.06), no município de Comodoro, região oeste do Estado, após ação conjunta da Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal. Três pessoas foram presas em flagrante pelo crime ambiental.
 
Os policiais civis de Comodoro e os agentes da PRF realizavam barreiras na região de fronteira, visando o combate a extração ilegal de madeira em terras Indígenas, quando na noite de quinta-feira (30), avistaram um caminhão transportando a matéria prima. 
 
A fiscalização policial foi montada na Rodovia BR 174, próximo ao KM 555, entre os municípios de Comodoro e Vilhena, no Estado de Rondônia.  Durante a abordagem foi verificado que o veículo era ocupado pelo motorista e mais dois indivíduos.
 
Na ocasião não foram apresentados os documentos obrigatórios, além da documentação exigida para o transporte de madeiras, como o Documento de Origem Florestal e a Guia Florestal, além disso, o caso do transporte da madeira feito no período noturno, constitui uma agravante ao crime ambiental previsto na Lei Federal  9.695/98.
 
Diante dos fatos, o caminhão com a carga de madeira foi apreendido, e os três suspeitos conduzidos para Delegacia de Comodoro, onde foram interrogados e autuados em flagrante delito.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Tio de 62 anos é preso pela Polícia Civil por estupro de vulnerável contra sobrinha

Publicado

Um homem investigado pela Polícia Civil pelo estupro de vulnerável contra a própria sobrinha foi preso nesta sexta-feira (01.07). O crime ocorreu na cidade de Denise e é investigado pela Delegacia de Barra do Bugres.

A Polícia Civil apurou que o investigado de 62 anos cometeu os abusos sexuais contra a vítima que atualmente está com 13 anos. Os abusos teriam iniciado quando ela tinha 10 anos.

A vítima procurou ajuda do Conselho Tutelar após assistir a uma palestra na escola sobre violência sexual, na cidade de Denise.

O fato foi registrado na Polícia Civil que deu início à investigação e apurou que, além do suspeito de 62 anos, outro tio da vítima também é investigado por cometer abusos contra a adolescente.

A partir das informações coletadas na investigação, a delegada Renata Evangelista representou pela prisão dos dois envolvidos. As buscas seguem para localizar o segundo envolvido.

O homem preso nesta sexta-feira respondeu anteriormente por outro crime de estupro.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso