conecte-se conosco


Policial

Sesp já aplicou 92% dos recursos em emendas parlamentares para as Forças de Segurança

Publicado

Policial

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) apresentou, nesta terça-feira (21.06), relatório com prestação de contas sobre a aplicação dos recursos federais e de emendas parlamentares estaduais para a Comissão de Segurança Pública e Comunitária da Assembleia Legislativa.

De acordo com o relatório, entre 2019 e 2021 os deputados estaduais destinaram R$ 23,5 milhões à Segurança Pública. Do montante, já foram aplicados 92% em obras, equipamentos, serviços à população e melhorias das condições de trabalho dos profissionais do setor.

O secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp, Juliano Chirolli, detalhou onde e como foram aplicados os recursos. Como exemplo, citou ainda a queda de 41% nos índices de roubos no primeiro quadrimestre deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. “Os recursos estão nos permitindo prestar serviços de melhor qualidade à população”, disse.

Na Polícia Militar, por exemplo, a Sesp aplicou R$ 9,8 milhões na aquisição de fardamento para todos os policiais, compra de viaturas e armamentos, implantação do sistema de radiocomunicação digital, entre outros projetos.

Na Polícia Judiciária Civil (PJC), o Governo do Estado investiu R$ 6,9 milhões em emendas parlamentares estaduais em aquisições de armamentos, equipamentos tecnológicos veículos, mobiliários e melhorias em infraestrutura física de unidades.

No Sistema Penitenciário os investimentos oriundos de emendas estaduais somaram R$ 2,9 milhões, possibilitando compra de veículos, armas, coletes, munições, mobiliários, entre outros.

“Não tenho dúvidas da eficiência e do empenho dos servidores da Sesp na aplicação dos recursos e nas ações de segurança. O mato-grossense precisa ter uma polícia bem equipada”, destacou o deputado estadual Elizeu Nascimento, que é presidente da Comissão de Segurança Pública e Comunitária.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Homem é preso pela PM por tráfico de drogas e corrupção de menores

Publicado

Policiais militares do 7º Batalhão da PM prenderam em flagrante um homem de 29 anos por tráfico de drogas e corrupção de menores, no município de Nobres, na segunda-feira (04.07). Com o suspeito, foram apreendidas porções de drogas e a quantia de R$ 782,00 em dinheiro.

Conforme o boletim de ocorrência, durante operação integrada Narcos Brasil 2022, a equipe da PM de Nobres recebeu informes de que um suspeito estaria transportando drogas de um bairro para o outro, escondendo-as nos pertences de sua esposa, uma adolescente de 17 anos.

Diante da denúncia, os policiais militares realizaram rondas em busca do criminoso, que foi localizado próximo a um bar, junto de sua esposa. Ao ser realizada abordagem e busca pessoal, foram localizadas na bolsa da mulher algumas porções de substância análoga a maconha e pasta base de cocaína.

Questionado, o suspeito afirmou que iria vender as drogas e reiterou que a adolescente não estaria envolvida em suas atividades ilícitas. Já a mulher revelou que na residência onde vivia com o criminoso estaria escondida mais drogas e dinheiro.

Em buscas pelo imóvel, os policiais militares encontraram mais porções de drogas, balanças de precisão, além da quantia em dinheiro e um colete à prova de balas com inscrições e brasões da Polícia Judiciária Civil.

Diante da situação de flagrante, o suspeito recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia da cidade, junto com todo o material apreendido, para registro da ocorrência e demais providências cabíveis do caso.

Disque-denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis recuperam em Barra do Garças caminhão roubado na cidade de Juscimeira

Publicado

Um caminhão Trator Scania roubado em Juscimeira, região sul do Estado, foi recuperado pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (06.07), no município de Barra do Garças (509 km a leste de Cuiabá). Dois suspeitos foram presos na operação “Azimute”.

A ação foi realizada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Barra do Garças, após informações sobre o possível paradeiro do veículo Bitrem, repassadas pela Delegacia de Polícia de Juscimeira.

O roubo seguido de sequestro e cárcere privado ocorreu no domingo (03), quando o motorista de 39 anos foi rendido por quatro indivíduos armados, ao estacionar a carreta carregada de madeira na rodovia, próximo de um restaurante em Juscimeira.

A vítima foi encapuzada e colocada dentro de um automóvel, ficando por cerca de 24 horas em cárcere privado no meio da mata, sendo torturada pelos suspeitos e obrigada a ingerir bebida alcoólica.

Durante as investigações para esclarecer o crime a equipe de Juscimeira identificou a localização do caminhão nas imediações de Pontal do Araguaia, razão pela qual foi solicitado apoio a Derf de Barra do Garças.

Em diligências no local os investigadores encontraram o caminhão Bitrem em uma estrada, escondido numa trilha que passa dentro de uma propriedade rural.

Dois suspeitos também foram presos em flagrante por roubo, associação criminosa e posse ilegal de arma de fogo. Além do caminhão recuperação, outros dois automóveis foram apreendidos.

A operação “Azimute” contou com a participação de quatro delegados, nove investigadores e um escrivão.

As investigações continuam para identificar outros possíveis envolvidos no crime. 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso