conecte-se conosco


Policial

Operação prende 21 pessoas por receptação de celulares e recupera 25 aparelhos roubados e furtados

Publicado

Policial

Vinte e uma pessoas foram presas pela Polícia Civil, na manhã de quinta-feira (26.05) na Operação “Reset”, deflagrada pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Várzea Grande, visando combater a receptação de aparelhos celulares no município. 

Foram cumpridos 30 mandados de busca e apreensão domiciliar, que resultaram na autuação em flagrante de 21 pessoas pelo crime de receptação e recuperação de 25 aparelhos celulares smartphones, avaliados em aproximadamente R$ 40 mil.

As ordens judiciais foram expedidas pela Justiça, após investigações da Derf-VG para esclarecer roubos e furtos que estão ligados diretamente ao crime de receptação.

Um dos roubos apurado ocorreu na manhã do dia 1º de março, no bairro Jardim Eldorado, quando um criminoso invadiu a residência da vítima e mediante violência física subtraiu dinheiro e o smartphone da marca Samsung, avaliado em R$ 1,6 mil.

Outro celular recuperado e avaliado em R$ 1,7 mil foi furtado durante um acidente de trânsito, na madrugada do dia 04 de abril, no bairro Santa Maria. A vítima de 41 anos, trabalhava como motorista de ônibus e conduzia sua motocicleta, indo para o serviço, quando colidiu com uma vaca que invadiu a pista de forma abrupta e acabou falecendo no local.

No entanto, nem com o óbito da vítima diante de uma tragédia impediu um crime. Uma pessoa subtraiu o aparelho do motorista. Neste caso, o receptador do celular alegou ter adquirido o telefone pelo “marketplace” do Facebook pelo valor de R$ 600,00.

Conforme a delegada titular da Derf de Várzea Grande, Elaine Fernandes da Silva, ao saber da recuperação do celular do marido, a viúva do motorista disse emocionada que, apesar de se tratar de um bem material, registrou o boletim por questão de honra, já que nem a morte do ser humano que estava ali no chão foi capaz de despertar o respeito.

Um terceiro smartphone, avaliado em R$ 1,7 mil, e recuperado na operação foi roubado no dia 09 de outubro do ano passado. A vítima caminhava no centro de Várzea Grande e foi rendida por dois homens, que usando uma arma de fogo roubaram dinheiro e o celular.

Em outro caso de roubo, o smartphone avaliado em R$ 1,9 mil foi levado no mês de março deste ano, no bairro Jardim Potiguar. A vítima, enfermeira, foi abordada por dois usuários de drogas, que estavam armados com uma faca e levaram a bolsa da vítima, contendo dinheiro, documentos pessoais e o telefone.

A delegada Elaine explica que a maioria dos autuados por receptação, alegou ter adquirido os smartphones pelo canal de vendas do Facebook e do site OLX.

“Infelizmente no fundo, o comprador sabe que se trata de um produto de origem, ao menos, duvidosa. Mas, o fato é que, a pessoa não está preocupada se é ou deixa de ser produto de crime, ela quer apenas levar a vantagem no preço, independente se é produto de roubo, furto, bem como se o verdadeiro dono ainda está pagando as parcelas do aparelho ou se custou a vida de alguém. Para alguns, é apenas um smartphone, mas, para a maioria das vítimas era o único que tinha condições de pagar ou que ainda estava pagando”, lamentou a delegada.

Ela também destacou o resultado da operação,  atribuído ao comprometimento das equipes de investigadores e escrivães da Derf-VG, que não mediram esforços na realização das diligências, desde os levantamentos iniciais até a recuperação dos aparelhos.

A ação está inserida no planejamento estratégico da Operação “Salutem”, da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp).

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Polícia Militar prende quadrilha, apreende entorpecentes e recupera objetos furtados em Várzea Grande

Publicado

Policiais militares do 4º Batalhão prenderam, nesta terça-feira (05.06), quatro homens suspeitos por tráfico de entorpecentes e furtos no bairro Ouro Verde, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. 

Com os suspeitos, foram apreendidos 10 porções de maconha, quatro de cocaína, uma pasta base, aparelhos celulares e R$ 20. Os policiais recuperaram ainda um aparelho televisor, uma caixa de som, quatro relógios e um fone de ouvido. 

Conforme informações do boletim de ocorrência, os policiais militares do Grupo de Apoio (GAP), em patrulhamento da rotina na região, identificou um dos suspeitos com mais de 30 passagens de furto em Várzea Grande e que ao visualizar os policiais tentou fugir. 

Com o homem, os policiais apreenderam diversas porções de entorpecentes que seriam comercializadas. Questionado se haveria mais drogas, o suspeito levou os policiais até sua residência e lá os policiais encontraram diversos objetos furtados de residências na região. 

O homem ainda indicou a localização de outros suspeitos que também teriam participado dos crimes, bem como eram usuários e comercializavam drogas na região do Ouro Verde e também nos bairros São Simão e Centro de Várzea Grande. 

Imediatamente e de posse das características, os policiais conseguiram efetuar a prisão dos envolvidos. Os produtos ilícitos e os objetos furtados foram encaminhados à Central de Flagrantes para registro do boletim de ocorrência e demais providências que o caso requer. 

Disque-denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939. 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de homem que descumpriu medida protetiva e agrediu ex-companheira

Publicado

Um homem suspeito de descumprimento de medidas protetivas e lesão corporal contra a ex-companheira teve o mandado de prisão preventiva cumprido pela Polícia Civil, na terça-feira (05.07), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Tangará da Serra (239 km a Médio-Norte de Cuiabá).

O suspeito, de 33 anos, teve o mandado de prisão decretado pela Justiça após procurar a ex-companheira e agredi-la fisicamente.

O fato ocorreu no mês de abril, quando a vítima procurou a Delegacia da Mulher de Tangará da Serra relatando que já possuía medidas protetivas contra e o ex-companheiro, porém ele foi até a casa dela para conversar, ocasião em que estava embriagado e a agrediu fisicamente.

A vítima ficou muito machucada sendo socorrida pelo Samu. Na ocasião, a Polícia Militar foi acionada e realizou buscas pelo suspeito, que fugiu do local e não foi encontrado.

Diante dos fatos, foi representado pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça. Com a ordem de prisão em mãos, os policiais da DEDM Tangará da Serra realizaram o monitoramento do suspeito conseguindo dar cumprimento a ordem de prisão na terça-feira (05).

Ele foi conduzido à especializada para as providências cabíveis e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso