conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende homem que se passava por servidor público estadual em Cuiabá

Publicado

Policial


Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem que se passava por servidor público, lotado em uma Secretaria de Estado, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na terça-feira (15.03), em ação da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon).

A prisão do suspeito de 27 anos ocorreu após a equipe da Decon ter acesso ligações e áudios gravados pelo suspeito no qual ele se comunicava com funcionários de um grande banco e de uma operadora de telefonia se passando por servidor público.

Nos áudios, o homem se identificava com outro nome, fingia ser servidor público estadual, citava o nome de vários servidores públicos, como se trabalhasse diretamente com eles, e até o nome de um secretário do Governo do Estado, além de dizer que havia participado de reuniões nas quais o governador cobrava providências sobre a comunicação interna de um determinado órgão público.

O suspeito utilizava três aparelhos celulares e vários números de telefone, além de aplicativo com a logomarca do Governo do Estado na sua foto de perfil, e nas conversas cobrava providências e informações de interesse de consumidores juntos aos funcionários de empresas privadas.

Segundo o delegado da Decon, Rogério Ferreira, durante a revista pessoal, os policiais encontraram com o suspeito uma fotocópia de uma receita médica em seu nome, na qual constava que o ele sofre de esquizofrenia paranoide. “Porém, no momento da abordagem e condução, o suspeito pareceu ser uma pessoa bem esclarecida e articulada em suas respostas, e agora será apurado se a receita e o diagnóstico são realmente verdadeiros”, disse o delegado.

Interrogado na Delegacia do Consumidor, o suspeito declarou que se passou por funcionário público seguindo as orientações de outras pessoas, que não soube qualificar, tendo sido checado e liberado em seguida, porém deve responder pela contravenção penal de fingir-se funcionário público.

A Polícia Civil apreendeu os seus aparelhos celulares, sendo dois aparelhos da marca Iphone de última geração, uma agenda e outros documentos para investigar se o suspeito estava buscando algum tipo de vantagem ilícita.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Policial

Ouro é apreendido no município de Poconé

Publicado

Na manhã de ontem (07), a Polícia Rodoviária Federal apreendeu cerca de 300g de ouro.

A ocorrência aconteceu na BR 070, município de Poconé, quando um ônibus que fazia a linha Porto Velho – Cuiabá foi parado para fiscalização. Durante a verificação dos passageiros, um homem apresentou muito nervosismo e a todo momento entrava em contradição a respeito da viagem.

Com isso, foi realizada uma busca mais detalhada em seus pertences, sendo encontrado duas barras pequenas de cor dourada, as quais se tratavam de ouro, um peso total de 305g.

Questionado sobre a situação, o homem afirmou ter comprado no interior do estado e que levaria para a cidade de Cuiabá para revender.

Diante dos fatos, o homem foi detido, a princípio, por crime contra o patrimônio na modalidade de usurpação, por produzir bens ou explorar matéria-prima pertencentes à União, sem autorização legal ou em desacordo com as obrigações impostas, sendo encaminhado à Delegacia da Polícia Federal de Cuiabá para os procedimentos cabíveis.

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Veículo do Rio de Janeiro é recuperado em Rondonópolis/MT

Publicado

Na noite de ontem (04), na BR 364, no município de Rondonópolis/MT, a Polícia Rodoviária Federal abordou um veículo que seguia sentido Cuiabá.

Durante a abordagem o condutor foi questionado sobre a viagem e apresentou informações desconexas, o que gerou suspeitas por parte dos policiais.

Iniciado a fiscalização, foram encontrados indícios de adulteração em alguns elementos identificadores do veículo. Ao realizar as consultas, constatou-se que a placa aparente não se tratava da original, a qual foi encontrada no interior do automóvel.

 Além disso, constava um registro de roubo do veículo na cidade do Rio de Janeiro em maio deste ano.

Diante das informações obtidas, o homem foi detido, a princípio, por adulteração de sinal identificador de veículo automotor e receptação, sendo encaminhados à Polícia Judiciária.

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso