conecte-se conosco


Policial

Morte de mulher em Pontes e Lacerda é esclarecida e dois suspeitos são presos por feminicídio

Publicado

Policial


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil em Pontes e Lacerda (448 km a oeste) esclareceu um feminicídio ocorrido na semana passada no município e prendeu dois suspeitos pelo crime nesta segunda-feira (18.10).

Os mandados de prisão temporária foram deferidos pela Comarca local, após representação da delegada Bruna Caroline Laet, da Delegacia de Pontes e Lacerda.

Um dos investigados presos, de 34 anos, admitiu participação no crime desferindo os golpes na vítima. O outro negou envolvimento no homicídio e que apenas tentou separar a vítima durante um desentendimento.

Milene Natasha Soares de Freitas, 21 anos, foi morta com golpes de faca na madrugada do dia 14 de outubro. Ela foi encontrada caída em uma rua do bairro Vila Iguaçu, pedido por socorro. Ela apresentava perfurações no pescoço e braço, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu a caminho do hospital.

Apuração

A partir da investigação instaurada pela Delegacia Municipal, os investigadores coletaram diversas informações que chegaram à dinâmica de como ocorreu o crime e a motivação.

Os dois investigados pelo crime moram em um mesmo terreno, em casas distintas, cujos locais eram frequentados por Milene. Ela mantinha um relacionamento com um deles e participava de confraternizações e fazia uso de entorpecentes em companhia de ambos. 

Na noite anterior ao crime, ocorreu um churrasco no quintal onde os suspeitos tinham residência, que se estendeu pela madrugada, para comemorar o aniversário de uma pessoa conhecida. Por volta das 4h30 da manhã Milene foi vista correndo em direção à rua e na sequência, um dos suspeitos, com o rosto ensaguentado, entrou na casa, pegou uma faca e também saiu em direção à via pública. Em seguida, a vítima foi vista já caída na rua.

Indícios

Elementos informativos coletados durante a apuração apontam os dois investigados como as únicas pessoas vistas na cena do crime. Um deles foi visto por testemunhas correndo com uma faca, poucos minutos antes da saída da vítima da casa onde ocorria o churrasco. Já o outro foi visto ao pegar uma faca em sua casa e sair atrás de Milene.

No trajeto entre a casa onde Milene estava até o ponto onde ela caiu foram encontrados vestígios de sangue, assim como também nas duas casas do terreno, apontando que a vítima foi atingida por golpes de faca ainda dentro do imóvel e depois na rua.

Durante oitivas realizadas, a Polícia Civil obteve informações que a vítima mantinha um relacionamento com um dos suspeitos. Contudo, foram apontados indícios de que ela também teve um caso com o outro suspeito, mas não era do conhecimento de pessoas do convívio de ambos.

Os dois responderão por homicídio doloso, com qualificadora em feminicídio.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil cumpre prisão contra padrasto que abusava sexualmente de 4 enteadas menores de idade

Publicado


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um padrasto que cometia abusos sexuais contra quatro enteadas menores de idade foi preso pela Polícia Civil, no sábado (04.12), no município de Colniza (1.065 km a noroeste de Cuiabá), em cumprimento de mandado de prisão.

O suspeito de 54 anos teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, pelo crime de estupro de vulnerável, após rápida providências tomadas pela Polícia Civil, Ministério Público e Poder Judiciário.

Na sexta-feira (03) o Conselho Tutelar apresentou as meninas de 12, 10, 8 e 6 anos, respectivamente, junto com a mãe, na Delegacia de Polícia de Colniza para comunicar os fatos. 

Com a participação da psicóloga, do promotor de Justiça e do juiz da Comarca, as vítimas foram ouvidas em depoimento especial, e mesmo demonstrando estarem abaladas contaram com detalhes os abusos que vinham sofrendo  por parte do padrasto, há cerca de dois anos, quando ele passou a morar com a mãe das crianças.

Toda a audiência foi acompanhada por meio de videoconferência pela equipe da Polícia Civil. As quatro menores foram submetidas ao exame de corpo delito, sendo na menina mais velha (de 12 anos) constatado o ato de conjunção carnal.

Diante da gravidade dos fatos, o Ministério Público representou imediatamente pela prisão preventiva do acusado deferido pelo juízo competente. De posse do mandado os investigadores foram até a residência onde o suspeito estava e realizaram a detenção dele.

O investigado foi conduzido até a Delegacia de Colniza, interrogado e posteriormente encaminhado para Cadeia Pública da cidade, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Militar apreende adolescente por roubo, sequestro e cárcere privado em Pontes e Lacerda

Publicado


Um adolescente de 15 anos de idade foi apreendido pelo 18º Batalhão por crime de roubo, ameaça sequestro e cárcere privado, na última quinta-feira (02.12), em Pontes de Lacerda. O suspeito mais dois comparsas armados renderam, amarraram e sequestraram as vítimas para roubar um veículo. 

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta das 4h30, as vítimas comunicaram à polícia, que havia sido vítimas de roubo, cárcere privado e ameaça, e que o veículo VW Amarok CD 4×4 havia sido levado no assalto a residência, no bairro Jardim Almeida.  

Os policiais iniciaram as diligências e cercaram a região, quando a equipe de Força Tática constatou que o suspeito estaria em frente ao posto de saúde do bairro Jardim Glória. Na tentativa de abordagem ao suspeito, o adolescente tentou fugir, mas acabou sendo apreendido.  O suspeito confessou que havia participado do roubo a residência e que utilizou o um revólver calibre 32, ele também relatou que contava com o apoio de um comparsa; mas não soube informar o nome do segundo homem envolvido no crime.

O adolescente apreendido relatou que o comparsa portava uma pistola calibre 765 e que eles teriam amarrado as vítimas e as colocado dentro da caminhonete da família; seguindo em direção ao Terminal Turístico da cidade.  Em seguida, os suspeitos colocaram as vítimas amarradas atrás do banheiro do local, sob a guarda do adolescente. Que o comparsa saiu com o veículo para buscar o terceiro suspeito e que juntos levaram o veículo para a Bolívia.  

As armas de fogo utilizadas no crime foram encontradas pela PM, na ponta do telhado, de uma residência vizinha ao imóvel onde o adolescente reside no bairro Morada da Serra. O suspeito foi apreendido e conduzido para a Delegacia.  A ocorrência foi entregue para a Polícia Judiciária Civil.  

 

Disque -Denúncia  

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939. 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso