conecte-se conosco


Direto de Brasília

Comissão debate venda da Oi Móvel para outras operadoras

Publicado

Direto de Brasília


Depositphotos
quatro pessoas segurando celulares
Deputado teme que haja concentração de mercado, prejudicando os consumidores

A Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados promove audiência pública na quinta-feira (21) para tratar da venda da Oi Móvel para as operadoras Claro, TIM e Vivo.

O debate foi solicitado pelo deputado Elias Vaz (PSB-GO). Ele lembra que a Oi apresentou pedido de recuperação judicial em 2016 e, desde então, começou a receber propostas de compra. Em dezembro, foi vendida por R$ 16,5 bilhões para a Claro, TIM e Vivo. “O caso revela um movimento coordenado das operadoras com o objetivo de ampliar suas participações e concentrar o mercado. O resultado dessa negociação poderá ser altamente prejudicial aos consumidores brasileiros, que já não contam com muitas opções neste segmento”, diz o deputado.

Foram convidados para a audiência pública:

  • a diretora do departamento de Política Setorial do Ministério das Comunicações, Nathália Almeida Lobo;
  • a superintendente de Competição substituta da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Priscila Honório Evangelista;
  • um representante do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade);
  • o coordenador do Programa de Telecomunicações e Direitos Digitais do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), Diogo Moyses;
  • o vice-presidente e diretor de Regulamentação e Assuntos Institucionais da Oi S/A, Carlos Eduardo Monteiro de Morais Medeiros e o diretor de Relações Institucionais e governamentais, Eduardo Levy;
  • o vice-presidente jurídico e regulatório da Claro, Oscar Petersen;
  • um representante da operadora Tim;
  • um representante da operadora Vivo; e
  • o presidente da Associação NeoTV, Alex Jucius.

O debate está programado para as 10 horas no plenário 11.

Da Redação – AC

Comentários Facebook

Direto de Brasília

Dilma posta foto em bicicleta e ironiza boato de internação por embolia pulmonar

Publicado


source
Dilma Rousseff andando de bicicleta em Porto Alegre
Reprodução/redes sociais

Dilma Rousseff andando de bicicleta em Porto Alegre

A ex-presidenta Dilma Rousseff utilizou as redes sociais neste domingo (5) para ironizar um boato de que estaria internada com quadro de embolia pulmonar. Na publicação, a petista aparece andando de bicicleta. “Eu e a minha embolia pulmonar agora pela manhã, em Porto Alegre”, escreveu na manhã deste domingo (5/12) ao postar foto andando de bicicleta.

A assessoria de Dilma já havia desmentido a informação no sábado (4). Em nota oficial, a equipe de Dilma disse que os boatos são “levianos e mentirosos” e que a ex-chefe do Executivo “se encontra em perfeito estado de saúde”.

Dilma tem o hábito de praticar ciclismo desde que ainda era presidenta, quado constantemente usava a bicicleta nos arredores do Palácio do Alvorada.

Comentários Facebook
Continue lendo

Direto de Brasília

Bolsonaro vai a clube assistir à final de campeonato de futebol em Brasília

Publicado


source
Bolsonaro vai a clube assistir final de campeonato de futebol em Brasília
Reprodução

Bolsonaro vai a clube assistir final de campeonato de futebol em Brasília

presidente Jair Bolsonaro (PL) não possui agenda oficial neste domingo (05) e foi ao Minas Tênis Clube, em Brasília, assistir a uma partida de futebol. O jogo refere-se à final do Campeonato dos Veteranos e o mandatário assistiu à partida na arquibancada comum do estádio.

Ao chegar no local, o chefe do Executivo foi chamado de ‘mito’ por apoiadores e alguns torcedores fizeram fila para tirar fotos com o capitão do Exército – que comia um pastel enquanto o jogo ocorria.

Assim que o Hino Nacional tocou, Bolsonaro entrou no campo e ficou ao lado dos jogadores. O presidente também foi quem deu o pontapé inicial da partida. Michelle Bolsonaro, primeira-dama, não compareceu ao evento.


No sábado (04), o mandatário passeou por Brasília de moto acompanhado pelos ministros da Defesa, Walter Braga Netto, e da Secretaria-Geral, Luiz Ramos.

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso