conecte-se conosco


Mulher

Após ter 20 corridas canceladas, noiva grávida dirige até o próprio casamento

Publicado

Mulher


source
Nathália Andrade dirigiu 25 km até o próprio casamento
Reprodução

Nathália Andrade dirigiu 25 km até o próprio casamento

Ultimamente, o que mais aparece na internet é reclamação de que está difícil depender de aplicativos de corridas para sair de casa. A advogada Nathália Andrade, de 34 anos, soube bem o que é isso! Ela tentou chamar 20 carros de aplicativos para a levar na igreja, onde se casou, mas todas as corridas foram canceladas. 

Depois de tanta espera, ela decidiu dirigir por conta própria. A noiva chegou à cerimônia com cerca de uma hora e vinte minutos de atraso e após dirigir por 25 km. O casamento aconteceu no Distrito Federal, e em entrevista ao G1, ela contou que ‘riu de nervoso’ e ficou eufórica durante a situação. 

“Quando cheguei e vi meu pai lá, ele olhou para mim e falou: ‘minha filha que loucura!’. Depois que passou tudo, vi meu esposo e comecei a chorar de tanto nervoso”, contou. Andrade disse que todos os convidados já estavam no casamento e que o noivo, Felipe Barbosa, já estava nervoso pensando que ela havia desistido. “Foi quando resolvi dirigir até a festa. Inseri o endereço no GPS e fui”, relembra.

A noiva estava acompanhada de duas amigas e é natural de Pernambuco, então, não conhecia bem a região. Ela está grávida de três meses e junto das madrinhas, decidiu ser a própria motorista no dia especial.  

O casamento já havia sido adiado três vezes devido à pandemia do novo coronavírus. “O tempo foi passando, e estava com previsão de chuva. Pedimos os carros, e os motoristas foram cancelando. Tanto no meu celular, como no das madrinhas e no da cerimonialista. Ninguém conseguia carro”, contou ao portal. 

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook

Mulher

Deborah Evelyn: “Me sinto mais livre sexualmente hoje do que aos 25 anos”

Publicado


source
Deborah Evelyn
Reprodução/Instagram

Deborah Evelyn

Deborah Evelyn, 57 anos, revelou uma questão sobre a sua sexualidade ao falar das vantagens da idade madura e afirmou que atualmente sente-se melhor sexualmente.

Atualmente, a atriz está interpretando Betty, uma ex-modelo e estilista de Verdades Secretas 2, disponível no Globoplay. Na trama, ela dá vida a uma mulher segura de si e traça esse paralelo entre sua vida pessoal e profissional.

Em entrevista ao O Globo, a atriz falou sobre o tabu da vida sexual feminina, em que 19% das mulheres brasileiras não se masturbarem: “É algo tão parte da vida, né? As próprias mulheres têm tabu com isso, então, é importante falar. É uma maneira de a gente ir se libertando, tomar as rédeas da nossa vida sexual e não ficar só à mercê do desejo do homem”, explica.

Ainda sobre o tema, ela disse que o amadurecimento foi um importante aliado na sua libertação e no meio, ainda disse que faz reposição hormonal em razão da menopausa.

Leia Também

“São centenas de anos com a mulher tendo que ficar quieta no canto dela. Essa é uma das vantagens da idade madura: a gente vai se libertando. Acho que melhorei muito em relação à minha vida sexual porque fui me conhecendo, questionando, falando sobre, acabando com meus pudores. Me sinto melhor sexualmente, mais livre hoje do que quando tinha 20, 25 anos. Muito mais! Sei do que gosto, como gosto, do que não gosto. Se a gente não falar o que é bom pra gente, como o cara vai saber? Consigo falar numa boa, gosto de falar de sexo, nunca foi um problema para mim. Mas a gente vai amadurecendo”.

A atriz comentou a importância de interpretar uma mulher segura de si em Verdades Secretas 2: “Além do aspecto feminista, de a gente estar conseguindo cada vez mais se colocar, é a de entender que nosso desejo é importante, que precisamos falar dele sem vergonha. Por que, para a mulher, orgasmo, gozo e masturbação são tabus? Homens começam a aprender a se masturbar meninos, o pai ensina. Junto com isso, entra a questão da idade, de a mulher mais velha não só ter uma vida sexual ativa, como proativa”, completou ela.

A questão do casamento também aparece em suas falas. Atualmente, ela é casada com o arquiteto alemão Detlev Schneider.

“Quando a gente é mais jovem, é mais ciumento. Pelo menos eu. E aí a gente vai entendendo que não precisa ser tudo tão a ferro e fogo. Não estou dizendo que temos um casamento aberto. Não vou achar ok se ele tiver algo com outra pessoa. Nem ele, eu. Mas a gente não fica mais tão paranoica com essas coisas. Quando se tem 25 anos, ser traído é o pior dos mundos. Aos 50… Claro que vai ser bem ruim, mas não é a pior coisa do mundo. A gente sabe que não morre disso, que não arranca pedaço. Então, fica mais fácil”, finalizou.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Aprenda a gerenciar suas emoções e seja mais feliz

Publicado


source
Aprenda a gerenciar suas emoções e seja mais feliz
Renata Prado

Aprenda a gerenciar suas emoções e seja mais feliz

Trouxe para esta semana um tema muito importante para nossa existência. Você que tem acompanhado minhas lives nas páginas do João Bidu, certamente, me ouviu falar desse tema e sempre me ouve dizer: “você precisa aprender a gerenciar suas emoções, é muito importante para o seu bem estar e para sua qualidade vida”.

Mas, você já parou para pensar que pode ser mestre das suas emoções?

Muitos de vocês, quando passam por uma consulta comigo – seja terapêutica ou de tarot – sempre trazem questões e dores que geram sofrimento e, na maioria dos casos, não sabem lidar com aquilo e nem como elaborar aquele conteúdo.

COMO SERÁ O SEU DIA HOJE? DESCUBRA TUDO  HORÓSCOPO DIÁRIO  NO SITE DO JOÃO BIDU! LÁ TEM TODAS AS TENDÊNCIAS ASTRAIS PARA O SEU SIGNO!

Em seguida vem a reclamação: não me controlei, não mando nas minhas emoções, minha vida é uma ruína, meus relacionamentos nunca dão certo”. E você sabe por quê? Porque você ainda não aprendeu a gerenciar suas emoções . Mas, saiba que é possível alcançar esse estado emocional; basta que você se permita.

Para isso, entenda a seguinte fórmula:

Pensamento → Sentimento → Comportamento.

Esses comportamentos serão os hábitos que você cria de acordo com aquilo que você dá valor e se você somente olhar a dor, terá mais dor. Quanto mais do mesmo você faz, mais do mesmo você terá, entende?

Se você acredita que não é feliz no amor, assim também será. Se aceita que não tem uma vida feliz, assim será.

É importante ter inteligência emocional para lidar com sua vida e entender que os resultados daquilo que te acontece são somente seus.

Como gerenciar os sentimentos?

O que você tem feito? Qual o sentimento você desenvolve sobre isso? Como você se comporta no seu dia a dia? Observe como as situações que você vem vivenciando reverberam em você. Identifique onde você se sabota. Compreenda-se.

Desconecte-se dos pensamentos ruins; muitas vezes contamos mentiras para nós mesmo e muitas dessas mentiras são instaladas no nosso sistema de crenças. Procure compreender como elas surgiram e identifique essas inverdades.

Assuma suas verdades; muitas vezes nos deixamos levar por aquilo que os outros querem e esperam de nós e, assim, você deixa de assumir as suas verdades e aquilo que você realmente quer realizar fica para trás.

Procure substituir o negativo pelo positivo; nem tudo que parece negativo assim é. Há situações que acontecem conosco para que possamos evoluir, para que possamos tirar aprendizados que contribuem para nossa melhora enquanto indivíduos.

Seja sempre grato(a); a gratidão te coloca em um outro patamar, te traz leveza e seu poder de realização – que é infindável -, pois, quando somos gratos, uma egrégora realizadora se manifesta.

Lembre-se: seu cérebro te permite refletir sobre sua vida e também permite existência em uma vida mais plena. Mude sua postura perante o mundo, não deixe que os medos te impeçam – procure enfrentá-los.

Você sabia que pior que o medo é o arrependimento ? É natural ter medo, mas, procure vencê-los a cada dia da sua vida para que você realize os seus sonhos. Quando a oportunidade passa, devemos abraçar e agarrar com os dois braços, pois, até que ela volte, às vezes, pode ser tarde demais e ela pode demorar para passar novamente.

Leia Também

Saia dos relacionamentos infelizes, não aceite menos do que merece, não aceite aquilo que não agrega, então tire da sua vida.

Não desista no primeiro fracasso; aprendemos com nossas experiências e, durante as dificuldades é que podemos extrair o melhor de nós – é assim que evoluímos.

Você sabia que o homem é movido pelo princípio do prazer? É por isso que, quando você não consegue o que deseja, você se frustra e desanima. Trabalhe seu autoconhecimento.

Procure conviver com pessoas que vêm para te impulsionar na vida, pessoas que possam te edificar e potencializar  seus dons. 

Entenda: nós podemos escolher qual emoção vamos estimular em nós. Cada momento é valioso, e é melhor ainda quando dedicamos algum tempo a nós. Por isso, cuidar da nossa saúde emocional é muito valioso.

Quando bater aquela emoção ruim, sinta-a, permita experienciar as sensações que você carrega. Às vezes seu corpo pode estar comunicando a importância de pôr para fora aquilo que faz te faz mal. Mas, dê prazo para essa experiência e, depois dela, compreenda os motivos pelos quais essa dor se manifestou e como ela se expressou; como ela se mantém e se está presente em alguma parte do seu corpo.

Desenvolva sua autoconfiança;

Tenha amor por tudo que você faz, seja flexível;

Busque expressões mais felizes;

Pratique a meditação ;

Seja grato;

Abençoe sua vida;

E se precisar, procure ajuda de um profissional. 

Não se esqueça: para uma nova vida, são necessárias novas atitudes.

Texto: Renata Prado – Taróloga e terapeuta 

Instagram: @renataprado.terapeuta

LEIA TAMBÉM:

  • Você está na direção certa da sua vida?
  • Inteligência Emocional: os desafios de cada signo

    Saiba como transformar o arrependimento em coisas boas

    Fonte: IG Mulher

    Comentários Facebook
    Continue lendo

    Policial

    Política

    Mato Grosso