conecte-se conosco


URGENTE

Em Pontes e Lacerda MT autora de homicídio há cerca de três meses é morta a facadas na madrugada

Publicado

Destaque

 

O crime ocorreu por volta das 04h50min da manha desta quinta feira , a Polícia Militar foi acionada e se deslocou até o local do homicídio em frente ao frigorífico Marfrig.

Ao chegar no local do crime visualizaram uma mulher correndo na rua gritando por socorro,e logo em seguida a vitima caíu ao solo no cruzamento da Avenida Iguaçu com a Rua Alcântara.

O Corpo de Bombeiros da 8 companhia foi acionado e prestou atendimento no local e encaminhou a vítima ao Hospital Vale do Guaporé, porém a vitima já chegou sem vida na unidade hospitalar.

A vítima trata-se de Natasha a qual seria suspeita da prática de um crime de homicídio em um Pesqueiro a cerca de três meses vitimando outra mulher.

Natasha apresentava perfurações no pescoço e braços causados provavelmente por arma branca.

A Polícia Judiciária Civil e Politec  estiveram presentes no local de crime.

Comentários Facebook

Destaque

Botelho defende revitalização da bacia hidrográfica do Rio Jangada

Publicado

 

Foto: MAURICIO BARBANT / ALMT

Em defesa do meio ambiente, o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (DEM), apresentou o Projeto de Lei 893/2021 que institui normas gerais para a revitalização da bacia hidrográfica do Rio Jangada. O projeto começou a tramitar no dia 06 de outubro e aguarda parecer da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR).

As normas para a revitalização estão embasadas na gestão sistemática de recursos hídricos; preservação e recuperação das áreas protegidas, biodiversidade e do solo; universalização e a integralidade na prestação de serviços de saneamento básico; desenvolvimento sustentável de atividades econômicas e o monitoramento permanente dos seus ativos ambientais.

O deputado defende esse trabalho para proporcionar aumento na oferta hídrica; fomento ao uso racional dos recursos hídricos; ampliação da área de cobertura vegetal de unidades de conservação e de preservação permanente e expansão de serviços de saneamento básico com atividades econômicas.

Se aprovado o projeto, as ações serão pautadas na inserção de recursos do orçamento estadual e financiamentos para a construção de reservatórios de água e de estações de tratamento; implementação de estudos de poços de água; elaboração e atualização dos planos de recursos hídricos do Rio Jangada e seus afluentes; fiscalização das outorgas de direito de uso de recursos hídricos; pagamento por serviços ambientais; assistência técnica e extensão rural, com foco no manejo sustentável; o monitoramento permanente dos ativos ambientais e a elaboração do plano de revitalização.

O Rio Jangada é um dos principais afluentes do Rio Cuiabá e um dos principais contribuintes da planície pantaneira. Botelho chama a atenção para a preservação, fazendo o alerta que a devastação da cobertura vegetal, matas ciliares, agrava o processo erosivo, gerando assoreamento do canal de drenagem, dentre outros transtornos, como o lançamento de esgoto nos rios.

Cita no projeto que estudos mostram como a ocupação humana e o uso, por muitas vezes inadequado do solo acabam causando impactos no ecossistema. Daí surge à importância do projeto de revitalização, que deverá ocorrer em parceria entre governo do Estado e a Prefeitura de Jangada para, dentre outras diretrizes, o tratamento de 100% dos resíduos líquidos e sólidos.

“A execução do plano de revitalização deverá assegurar a manutenção desse precioso patrimônio natural e, consequentemente, a preservação do Pantanal Mato-grossense, bioma natural patrimônio da humanidade”, concluiu.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Programa do Pop esta no AR, na TV e nas Redes Sociais assista AQUI

Publicado

Participe das nossas promoções, siga as nossas redes sociais do programa do Pop e SBT Cuiabá

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso