conecte-se conosco


VACINA

Bolsonaro diz que decidiu “não tomar mais a vacina” contra Covid-19

Publicado

URGENTE

 

Bolsonaro diz que decidiu
Reprodução: iG Minas Gerais

Bolsonaro diz que decidiu “não tomar mais a vacina” contra Covid-19

presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou na manhã desta quarta-feira (13), em entrevista à Rádio Jovem Pan, que optou por “não tomar mais a vacina” contra o novo coronavírus. A justificativa, segundo o mandatário, é a de que seus anticorpos já estão em níveis satisfatórios.

“No tocante à vacina, decidi não tomar mais a vacina. Estou vendo novos estudos, estou com a minha imunização lá em cima, IgG (anticorpos) está 990, para quê vou tomar a vacina? Para mim, a liberdade acima de tudo. Se o cidadão não quer tomar a vacina, é um direito dele e ponto final. Seria a mesma coisa que você jogar R$ 10 na loteria para ganhar R$ 2. Não tem cabimento isso”, ressaltou Bolsonaro.

No dia primeiro de abril de 2021, durante sua live, o presidente havia declarado que sua decisão ocorreria após a campanha de imunização e que ele seria o “último brasileiro” a decidir se optaria ou não pela vacina.

“Está uma discussão agora se eu vou me vacinar ou não vou me vacinar. Eu vou decidir. O que eu acho? Eu já contraí o vírus. Eu acho que deve acontecer: depois que o último brasileiro for vacinado, se tiver sobrando uma vacina, então eu vou decidir se me vacino ou não. Esse é o exemplo que um chefe deve dar. Igual no quartel. Geralmente o comandante é o último a se servir”.

Comentários Facebook

URGENTE

URGENTE: Neste momento homem tem corpo esmagado em acidente

Publicado

Um acidente acaba de acontecer momento, na estrada que liga Várzea Grande a Livramento, um motociclista identificado como Manoel Guilherme de Campos, morreu no local.

O corpo da vítima ficou esmagado. Segundo as primeiras informações, um veículo bateu no motociclista e uma carreta passou por cima.

Familiares da vítima chegaram no local.

 

Comentários Facebook
Continue lendo

URGENTE

Covid-19: Distanciamento de 2 metros não impede transmissão, diz novo estudo

Publicado

 

 

source
Covid-19: Distanciamento de 2 metros não impede transmissão, diz novo estudo
Fernando Frazão/Agência Brasil

Covid-19: Distanciamento de 2 metros não impede transmissão, diz novo estudo

Pesquisadores da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, afirmaram que o distanciamento social de dois metros para prevenir o contágio pela Covid-19 é uma medida arbitrária. O estudo, publicado na revista científica ‘Physics of Fluids’, diz que a transmissão aérea do vírus é variável e pode ultrapassar as distâncias maiores que 2 metros.

Os cientistas apontaram, com isso, a ineficácia do distanciamento social como única medida de combate à Covid-19. Eles afirmaram que o uso de máscara, boa ventilação do ambiente e a vacinação são estratégias que somadas ao distanciamento, funcionam muito bem para evitar o contágio.

A equipe concluiu ainda que, se uma pessoa com Covid-19 e sem máscara tossir, pode contaminar outra a dois metros de distância, mesmo em ambientes mais abertos.

Os pesquisadores observaram que não há uma quebra abrupta a partir de dois metros, concluindo que a tosse de uma pessoa contaminada e que não usa máscara pode emitir gotículas maiores, que logo caem em superfícies próximas, mas que as gotículas pequenas se espalham facilmente, a depender da ventilação do ambiente.

Por isso, os cientistas concluem que o distanciamento social, por si só, não é uma medida eficaz de redução de transmissão, por isso, a importância da vacinação.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso