conecte-se conosco


Mato Grosso

Evento é aberto com live sobre “Envolvimento familiar na prevenção ao uso de drogas”

Publicado

Mato Grosso


Envolvimento familiar e o estímulo dos pais no desenvolvimento das habilidades sociais de seus/suas filhos/filhas na prevenção ao uso de drogas. Este foi o tema da live de abertura da Semana de Políticas sobre Drogas, transmitida na tarde desta segunda-feira (21.06). O evento é realizado pela Adjunta de Justiça (Saju) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), de forma online, e segue até a sexta-feira (25.06), sempre das 14h às 17h.

As discussões foram abertas pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, que destacou a importância das políticas de prevenção. “A repressão fica a cargo das forças de segurança, mas a política preventiva cabe a todos nós, passa por um diálogo entre as instituições, por isso agradeço aos palestrantes dos órgãos parceiros. Só assim conseguimos ter experiência e aprimorar políticas de prevenção, reduzindo o consumo, o que vai tornando inviável a distribuição criminosa das drogas”.

O assunto foi conduzido pela psicóloga da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), professora doutora Graciela Constantino, e mediado pela professora da Seduc-MT, Patrícia Simone da Silva Carvalho. A palestrante fez uma análise ampla sobre a questão do trabalho, empatia e outras que repercutem no dia a dia das famílias. “Hoje, é preciso fazer o gerenciamento das atividades rotineiras dentro de casa e também no trabalho, pois ele influencia a nossa atuação no mundo e no âmbito familiar, especialmente neste momento de pandemia que gera muitas incertezas”.

Ela ressaltou ainda que há alguns jovens que precisam de mais atenção, de empatia, de ações que valorizem a verdadeira comunicação. “Nesse sentido, é importante se colocar no lugar do outro, aceitar o outro tal como ele é. Os processos de constituição do sujeito, de constituição de personalidade, nunca foram tão desafiadores como nos tempos atuais, em que vivemos uma crise social, econômica, de sustentabilidade, de valores e sanitária”.

O tema geral do evento é “O desafio de atendimento a usuários de substâncias psicoativas em tempos de crise sanitária”, abordado por meio de live, webinário, painéis eletrônicos e pesquisa. São parceiros da iniciativa as Secretarias de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setasc-MT), de Saúde (SES-MT) e de Educação (Seduc-MT), o Conselho Regional de Serviço Social (CRESS-MT) e a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat). O principal objetivo é promover o conhecimento sobre uso de drogas, as políticas públicas e a participação familiar, comunitária e social.

Segundo a secretária adjunta de Justiça, Lenice Silva, a prevenção ao uso de drogas é um importante passo para impedir o contato dos jovens com o crime. “Precisamos discutir o assunto, de uma forma mais humanizada e que nos leve a outros olhares sobre políticas públicas que podem ser eficazes no combate ao uso destas substâncias que, muitas vezes, é porta de entrada para o mundo do crime”.

Programação

Nesta terça-feira (22.06), ocorrerá o primeiro webinário “Novos olhares sobre as drogas nas políticas públicas”. Falarão sobre o tema a biomédica Susana Sandin Borges e a psicóloga Daniela Bezerra, ambas da SES-MT. A mediação será feita pela enfermeira da SES-MT, Maria Aparecida Milhomem. Já no dia 23, o tema será “O sujeito, as circunstâncias, a abordagem psicossocial no uso de drogas e Direitos Humanos”, com os palestrantes Robson Alves de Paula (psicólogo) e Alexandre Guedes (promotor de Justiça) e a mediadora Vanessa Galhardo Lopes, do CRESS-MT.

No dia 24 de junho, a professora doutora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Marina Nolli Bittencourt falará sobre “Estratégia de Intervenção Breve – Assist 2.0, instrumentalidade da prevenção na promoção da Saúde e dos problemas ao uso de drogas”. O assunto será mediado pelo professor doutor da UFMT, Marcos Aurélio da Silva.

O encerramento ocorrerá no dia 25 de junho, com o tema “O cuidado ao usuário na perspectiva da atenção psicossocial e a RAP no SUS”, que será abordado pela assistente social da Secretaria Municipal de Várzea Grande, Soraya Danniza Barbosa Miter Simon. A biomédica da SES-MT, Susana Sandim Borges será a mediadora.

O evento é transmitido pelo YouTube, basta acessar a página https://www.youtube.com/channel/UCzjwCJTx7dMjr1JPdgveV7Q no horário da programação.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Governo paga salários dos servidores estaduais nesta sexta-feira (30)

Publicado


O Governo do Estado paga nesta sexta-feira (30.07), os salários e proventos do mês de julho dos servidores públicos ativos, inativos e pensionistas. A folha de pagamento líquida no mês de julho, segundo a Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual, da Secretaria de Fazenda, foi de R$ 511.230,574. 

Desse total R$ 333.673.370 destinam-se ao pagamento dos servidores ativos e R$177.557.204 para inativos e pensionistas. Vão receber salários e proventos cerca de 115 mil pessoas. Os valores estarão liberados tanto para quem tem contas no Banco do Brasil, como para aqueles que fizeram portabilidade à outros bancos. 

As ordens de pagamento foram encaminhadas ao Banco do Brasil nesta quinta-feira (29). Até meio dia de sexta-feira todos os depósitos já terão sido processados pelo Banco do Brasil.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Secretário de Fazenda participa de congresso promovido pela USP

Publicado


O secretário de Fazenda de Mato Grosso, Rogério Gallo, participou nesta quarta-feira (28.07), do 18º Congresso USP de Iniciação Cientifica em Contabilidade e 21º USP International Conference in Accounting, no Painel COMSEFAZ: Reforma Tributária x Regras Fiscais x Gestão Fiscal, falando sobre “A Gestão Fiscal dos Estados no Brasil de hoje”.

Rogério Gallo falou sobre a disfuncionalidade tributária no âmbito nacional, trazendo para o cenário de Mato Grosso e os problemas que foram enfrentados pelo atual Governo desde 2018, quando não havia controle orçamentário.

“Aqui no Estado acabamos por trazer a execução orçamentária para a Secretaria de Fazenda. Isso trouxe um ganho para as execuções orçamentárias e financeiras em Mato Grosso”, explicou Rogério Gallo.

O cenário econômico que a atual gestão encontrou nos gastos orçamentários do Estado é o que o secretário chamou de “asfixias financeiras”. Sobre o desequilíbrio que foi encontrado nas finanças públicas, Gallo atribuiu a “artificialização” dos espaços fiscais das despesas com pessoal, como principal razão da situação negativa.

“No Estado nos tivemos um forte descontrole entre 2011 e 2019, com crescimento da RCL (Receita Corrente Liquida) que dobrou a folha de pagamento, que cresceu três vezes”, destacou o secretário.

Foram feitas adequações na legislação Estadual lançando mão de instrumentos legais estaduais, como a criação da Lei Complementar 614/2019, uma Lei de Responsabilidade Fiscal local, publicada em fevereiro de 2019. Por meio dela, foi possível que o Estado de Mato Grosso pudesse caminhar na direção de uma recuperação fiscal e equilíbrio orçamentário.

“Controlamos a irresponsabilidade política, sobretudo de governantes que criam responsabilidades financeiras para além dos seus mandatos”, esclareceu o secretário.

Sobre a recuperação fiscal no Estado de Mato Grosso, Gallo disse: “reforçamos a necessidade de avaliar e usar as competências legislativas para criarmos uma cultura de gestão fiscal no Estado, para termos um ambiente que não replique experiências fiscais negativas que quase levaram Mato Grosso à falência”.

Juntamente com ele, no mesmo painel estiveram Cristiane Alkmin Junqueira Schmidt, secretária da Economia de Goiás, palestrando sobre o tema “As regras fiscais brasileiras têm sido efetivas?” e o secretário da Fazenda do Estado de Pernambuco (Sefaz-PE), Décio José Padilha da Cruz, falando sobre “Reforma Tributária versus Ambiente de negócios brasileiro deteriorado”.

O painel COMSEFAZ foi mediado por Célia Carvalho, Assessora Especial na SEF-MG, presidente do Grupo de Gestores de Finanças Estaduais (Gefin) e Pesquisadora Contgov/USP.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso