conecte-se conosco


Mato Grosso

Policiais destemidos praticam atos extraordinários para salvar vidas em MT

Publicado

Mato Grosso


Dois sargentos destemidos da Polícia Militar praticaram atos extraordinários de coragem para salvar e proteger vidas, nas cidades de Várzea Grande e Tangará da Serra, no último mês de abril. O sargento PM Valdiney Pacheco encarou o Rio Cuiabá para resgatar uma mulher que havia se jogado da ponte Mário Andreazza. No interior, o sargento Welinton Fabiano Da Silva, praticante de jiu-jitsu, conseguiu utilizar as artes marciais para imobilizar e desarmar  com segurança um homem em surto psicológico.

O sargento PM Valdiney Pacheco é policial militar e atua no Centro Integrado de Operações Áreas (Ciopaer). Ele conta que naquele dia, 28 de abril, o resgate da mulher era algo desafiador. Mesmo preparado, o militar relata que se atirar do helicóptero Águia 03 e enfrentar a correnteza do Rio Cuiabá não é algo corriqueiro em sua rotina.

Para salvar a mulher, Pacheco utilizou um equipamento chamado lifebelt – de resgate de afogamento, se preparou e, após uma manobra da aeronave para chegar mais próximo da vítima, se jogou na água e alcançou a mulher. O militar conta que a vítima não reagiu e colaborou com o resgate imbuído pela coragem do sargento e de toda a equipe da aeronave. 

Veja Também  Elevador do mirante está em perfeitas condições; Sema-MT aguarda contratação de empresa de manutenção para liberar uso

Dois dias após o resgate em Várzea Grande, no  dia 30 de abril, o  policial militar do 19 º Batalhão, sargento Welinton Fabiano Da Silva, surpreendeu a todos com seu preparo e coragem, ao imobilizar um homem em  surto psicológico, no bairro Vila Esmeralda, em Tangará da Serra.

Pessoas que acompanhavam o  atendimento de rotina da equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ( Samu) registraram por meio de fotos e vídeos o golpe de jiu- jitsu, aplicado pelo militar para desarmar e conter o paciente que colocava a vida dele e dos atendentes do Samu em risco. 

O vídeo da ação do sargento viralizou nas redes sociais após mostrar o preparo técnico do  policial para deter sem utilização de meios não letais e até letais, o paciente que precisava de ajuda médica.

O relato dos policiais militares  e análises de especialistas sobre as duas ocorrências atendidas pelos dois heróis de farda estão disponíveis no 12º episódio do PMCAST, o podcast oficial da Polícia Militar de Mato Grosso.

Veja Também  Em Mato Grosso, 28 municípios estão com risco muito alto de contaminação pela Covid-19

Quer saber mais ?

Acesse o link deste episódio inédito e exclusivo  do PMCAST nas plataformas de áudio:

Spotify  https://spoti.fi/3bnbY2j

Deezer https://bit.ly/2RblvTn

Google  https://bit.ly/3hsJ2cP

Anchor https://bit.ly/33N9bv7

PMMT https://bit.ly/2RSnNXt

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Elevador do mirante está em perfeitas condições; Sema-MT agiliza contratação de empresa de manutenção para liberar uso

Publicado


A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) informa que o elevador que leva ao topo do novo Mirante do Parque Mãe Bonifácia está em perfeitas condições de uso. A secretaria está agilizando a contratação de empresa que fará a manutenção do equipamento para liberar a utilização nos próximos dias.

Os cuidados são necessários para garantir a segurança e bem estar dos usuários da atração turística, bem como integridade do bem. 

Assim que disponível para a população, o elevador atenderá idosos, gestantes e deficientes físicos.

O Mirante está com o acesso liberado pelas escadas. A lotação máxima é de 20 pessoas na estrutura e o uso das escadas deve ser consciente, ou seja, apenas para acessar a vista panorâmica e não para atividades físicas de impacto.

O Parque Mãe Bonifácia está localizado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá, e aberto para visitação todos os dias, das 6h às 18h.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Veja Também  Elevador do mirante está em perfeitas condições; Sema-MT aguarda contratação de empresa de manutenção para liberar uso
Continue lendo

Mato Grosso

Governo de MT já pactuou mais de 90% das doses recebidas; veja quanto cada município aplicou

Publicado


O Governo de Mato Grosso recebeu, até a manhã desta terça-feira (22.06), 1.684.920 doses das vacinas contra Covid-19 do Ministério da Saúde e já disponibilizou 1.571.901 aos 141 municípios do Estado, ou seja, 93,2% do total recebido.

As doses da última remessa entregue pelo Ministério da Saúde já estão sendo pactuadas. Tratam-se de segundas doses da vacina AstraZeneca, que devem ser distribuídas próximas da aplicação.

A disponibilização das doses é resultado da soma da primeira e segunda doses (1.404.590), acrescida das doses destinadas às populações indígenas aldeadas (54.120) e dos arredondamentos técnicos (113.191) necessários para o ajuste volumétrico dos frascos disponibilizados pelo Ministério da Saúde.  

Das 1.404.590 doses retiradas pelos municípios, as prefeituras aplicaram 1.136.645 (80%), sendo 831.728 como primeira dose e 304.917 como segunda dose. O percentual da semana passada era de 78%.  

Os 10 municípios que mais aplicaram vacinas, considerando o percentual de doses aplicadas em relação às doses recebidas, foram: Porto Esperidião (98%), Novo Mundo (97%), Araputanga (97%), Ribeirãozinho (96%), Santa Terezinha (96%), Paranaíta (94%), Ponte Branca (93%), Nova Monte Verde (93%) e Jaciara (93%). 

Veja Também  Elevador do mirante está em perfeitas condições; Sema-MT agiliza contratação de empresa de manutenção para liberar uso

Confira o ranking completo de aplicação das vacinas no Boletim Informativo nº 471 ou no Painel de Distribuição de Vacinas Covid-19.

Considerando as vacinas destinadas à população indígena, alguns municípios podem contabilizar as doses aplicadas em aldeias pertencentes a territórios vizinhos e ultrapassar o limite de 100% da aplicação.

A Vigilância Estadual alertou que a utilização de unidades de segunda dose como primeira dose pode comprometer o esquema vacinal da população do município, considerando o fornecimento e as orientações feitas pelo Ministério da Saúde.

Sobre a distribuição

Na força-tarefa da vacinação, cabe ao Governo do Estado fazer a logística de distribuição, que é definida pela Comissão Intergestores Bipartite de Mato Grosso (CIB-MT), composta por membros do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde (Cosems) e da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

A escolta dos materiais até os 14 polos de distribuição é feita pela Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), além das Polícias Federal e Rodoviária Federal e do Ministério da Defesa. O Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também disponibiliza sua frota aérea para dar celeridade à distribuição.

Veja Também  Seciteci realiza segunda edição do evento Cidades Inovadoras

É importante ressaltar que o Governo Federal define o total de doses que cada estado recebe. Essa definição ocorre de acordo com a quantidade de pessoas que pertencem aos grupos prioritários e não pela quantidade absoluta da população.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana