conecte-se conosco


Meu Pet

Shantal Verdelho se emociona ao falar sobre morte de pet: ‘me consolava!’

Publicado

Meu Pet


source
Shantal Verdelho emociona ao se despedir de cãozinho falecido
Reprodução/Instagram

Shantal Verdelho emociona ao se despedir de cãozinho falecido

Shantal Verdelho lamentou em seu Instagram a morte de seu cãozinho Hachi, um Lulu da Pomerânia. O cachorro tinha 11 anos e morava com o pai da influenciadora.

Ela fez um relato sobre o acontecido, na rede social, e se emocionou ao falar do amigo. “Ter bichinho é bom, mas meu Deus, como a gente sofre. Dá um vazio muito grande, pois eles são cheios de presença. Quando eu era solteira e estava triste por algum motivo, me consolava. Parece que cachorro sempre sente”, começou. “Agora quem me consola é a Marie”, se referindo a sua gatinha de estimação.

O cão já estava velhinho, mas ela acredita que a causa da morte tenha sido intoxicação alimentar.

Veja Também  Vídeo: gato 'bebendo água' tem mais de 20 milhões de visualizações no Instagram

“Obrigada Hachi, obrigada pela companhia, pela lealdade, pelo dengo, até da sua rabugentice eu gostava. Vai com Deus!”, ela se despede do cãozinho em postagem no Instagram.


Fonte: IG PET

Comentários Facebook

Meu Pet

Guia de Raças: Pequinês, um cachorro pequeno, valente e fiel

Publicado


source
O cãozinho chegou a ser considerado extinto no Brasil
Reprodução/Pixabay

O cãozinho chegou a ser considerado extinto no Brasil

O pequinês tem sua origem na China, ficando bastante popular por volta do século 8. Bastante apreciado pela nobreza da Dinastia Tang, ele era o cachorro oficial do governo por vários anos e, apenas em 1860, cães dessa raça foram levados para o Reino Unido por tropas britânicas que invadiram os muros do Palácio da Cidade Proibida, durante a Guerra do Ópio.

A raça foi reconhecida pelo American Kennel Club apenas em 1906, 16 anos após desembarcar nos Estados Unidos e o cãozinho era muito apreciado também na Europa. No Brasil, os pequineses já foram considerados pets de luxo, durante as décadas de 1970 e 1980. Contudo, por alguns anos, o pequinês chegou a ser considerado extinto no país, devido ao grande número de cruzamentos.

Em junho de 2021, um pequinês chamado Wasabi venceu um dos maiores concursos de beleza canina , realizado em Nova York. 

Pequeno e destemido

O pequinês foi muito popular entre a nobreza na China
Reprodução/Pixabay

O pequinês foi muito popular entre a nobreza na China

Seu porte pequeno não reflete o tamanho de sua coragem e lealdade. Os cães da raça são muito fiéis aos tutores e, geralmente, elegem um ou dois membros da família como seus favoritos. Eles podem ser bem ciumentos, por isso é bom que o tutor socialize bem o animal desde cedo, para que ele aceite bem quando receberem visitas.

O tutor também deve praticar atividades com o cachorro, como passeios regulares, mas é importante ficar atento, pois o pequeno valente pode querer enfrentar outros cães maiores. Apesar de parecer encrenqueiro, o temperamento da raça é considerado calmo. Como a maioria dos animais de estimação, ele se dará muito bem com crianças e outros pets, desde que devidamente socializado. Para seus tutores o pequinês será um grande companheiro, para todos os momentos.

Veja Também  Guia de Raças: Pequinês, um cachorro pequeno, valente e fiel

O pequinês também é ideal para quem mora em apartamentos, já que seu temperamento calmo não o tornará um cão destruidor.

Você viu?

Saúde e higiene

Os pelos e olhos desses cães merecem cuidado especifico
Reprodução/Pixabay

Os pelos e olhos desses cães merecem cuidado especifico

A saúde do pequinês é boa, mas isso está longe de significar que o tutor não deva ter cuidados. Problemas como hérnia de disco e luxação de paleta podem afetar o cãozinho. Os olhos desses cachorros também merecem atenção específica, como são saltados, correm um maior risco de lesões e são predispostos à catarata canina. Além disso, os olhos podem ser “ejetados”, o que precisará de atendimento médico urgente, esta condição conhecida como prolapso do globo ocular.

Seus banhos podem ser regulares, de uma a duas vezes por mês. As ruguinhas no rosto do pequinês nunca devem ficar úmidas, por isso é importante atenção redobrada nessas áreas, para ficarem sempre bem sequinhas e sem sujeira. Os pelos devem ser bem escovados , de duas a três vezes por semana, para evitar nós, entre outros problemas.


Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Continue lendo

Meu Pet

Cachorro cai em córrego e é resgatado por bombeiros em avenida de Jundiaí (SP)

Publicado


source
Cachorro é resgatado por equipe do Corpo de Bombeiros em córrego de avenida de Jundiaí
Divulgação/Corpo de Bombeiros

Cachorro é resgatado por equipe do Corpo de Bombeiros em córrego de avenida de Jundiaí

Um cachorro foi resgatado, nesta segunda-feira (21), por uma equipe do Corpo de Bombeiros após cair em um córrego na Avenida Nove de Julho, em Jundiaí (SP).

O animal foi encontrado no local por moradores, que imediatamente acionaram os bombeiros. A equipe desceu até onde estava o cachorro, com o auxilio de uma escada, e o subiram de volta usando uma gaiola.

Segundo informações do Corpo de Bombeiros, o cachorro foi levado para um abrigo da cidade.

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Veja Também  Vídeo: cachorro que ajudava em buscas por Lázaro é levado por PM após se ferir
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana