conecte-se conosco


Curiosidades

Gárgula apodrecida: veja a bizarra criatura encontrada em praia nos EUA

Publicado

Curiosidades


source
Criatura apodrecida parecida com uma gárgula é encontrada nos EUA
André Lucena

Criatura apodrecida parecida com uma gárgula é encontrada nos EUA

Uma criatura apodrecida foi encontrada por um turista na areia de uma praia da Ilha Hatteras, em Outer Banks, na Carolina do Norte, nos EUA . Kenny Harris disse ao McClatchy News que tirou fotos do animal para mostrar à sua família e decidiu postar as imagens no grupo do Facebook da Ilha de Hatteras para obter uma identificação.

“Estava andando sozinho na praia . Quando eu vi, fiquei um pouco assustado. Fiquei chocado com a reação (online). Em 10 minutos após a postagem, já tinha 50 comentários”, falou Harris.

Muitos compararam a criatura a uma gárgula – figuras monstruosas, humanas ou animalescas comumente presentes na arquitetura gótica. Outros disseram que se assemelhava a um lendário “Demigorgan” ou a um chupacabra.

Você viu?

“É por isso que não entro na água”, comentou uma internauta. “Parece que um crocodilo e um peixe fizeram um bebê”, escreveu outra. O grupo privado no Facebook tem 35 mil membros e é “dedicado a todas as coisas da Ilha Hatteras”.

Veja Também  Câmera flagra vulto bizarro rondando berço de crianças nos EUA; veja imagens
"O que é isto", perguntou Kenny Harris. Créditos: Reprodução/Facebook
“O que é isto”, perguntou Kenny Harris. Créditos: Reprodução/Facebook

Os Outer Banks são conhecidos por “receber” do Oceano Atlântico pedaços de barcos naufragados, enormes carcaças de baleias e até bombas da época da Segunda Guerra Mundial.

Criatura pode ser um tubarão

A imprensa americana acredita se tratar de uma carcaça apodrecida de um tubarão-anjo, espécie que, no Atlântico, tem, em média, 1,2m. Segundo o Museu de História Natural da Flórida, o animal pode atingir 1,8m e não é considerado agressivo, apesar de poder causar “lacerações severas quando provocado”.

Comentários Facebook

Curiosidades

VÍDEO: Motoqueiro morre ao tentar bater recorde mundial de salto à distancia

Publicado


source
 Alex Harvill, de 28 anos, não resistiu ao impacto da queda que sofreu com sua moto
Reprodução

Alex Harvill, de 28 anos, não resistiu ao impacto da queda que sofreu com sua moto

O motoqueiro Alex Harvill, um aventureiro de 28 anos, morreu após tentar bater um recorde mundial de salto à distância com o veículo, em Washington, nos Estados Unidos da América (EUA) . A distância total da rampa até o ponto de pouso era de 45 metros. Alex pretendia saltar de uma distância de 107 metros. As informações são do jornal Daily Mail. Assista o momento:

Nas imagens, é possível observar que Harvill acelerou durante alguns metros antes de levantar voo. Porém, o cálculo não foi realizado de maneira adequada e sua moto colidiu com o chão antes do ponto adequado de pouso.

Após o acidente , Alex foi levado para o Hospital Samaritano em Moses Lake para que os primeiros socorros fossem realizados. Porém, o motoqueiro chegou ao hospital sem vida. Uma autópsia será realizada nesta sexta-feira (18) para que as causas da morte sejam avaliadas.

Veja Também  VÍDEO: Motoqueiro morre ao tentar bater recorde mundial de salto à distancia

Você viu?

O coronel de Grant County enviou suas “profundas condolências vão para a família, amigos e entes queridos de Alex” em uma publicação no Facebook.

Os vídeos foram gravados por espectadores que esperavam pelo recorde mundial na arena Moses Lake Airshow, em Washington. Harvill é o detentor do recorde mundial de salto de distância de terra a terra no Guinness Book, com um voo de 90 metros.


Há um mês, Harvill publicou em suas redes sociais que ele e sua esposa estavam grávidos à espera de seu segundo filho.

Comentários Facebook
Continue lendo

Curiosidades

Teias de aranha cobrem cidade da Austrália e surpreendem moradores; veja o vídeo

Publicado


source
Teias de aranha chamaram a atenção dos moradores da região
Reprodução / Facebook

Teias de aranha chamaram a atenção dos moradores da região

Teias de aranha enormes tomaram conta da região de Gippsland, no estado de Victoria, na Austrália . Moradores ficaram surpresos com o fenômeno, que apareceu após a área ser atingida por fortes enchentes. As informações são do portal 7 News .

De acordo com o professor Dieter Hochuli, ecologista da Universidade de Sydney, no entanto, o mar de teias era esperado, devido às condições climáticas.

“Este é um fenômeno surpreendentemente comum após as enchentes”, disse ele. “Quando temos esses tipos de chuvas muito fortes e inundações, esses animais que passam suas vidas enigmaticamente no chão não podem mais viver lá e fazem exatamente o que tentamos fazer – eles se movem para um terreno mais alto”.

Conforme o especialista, os animais responsáveis pelo fenômeno chamado de “balonismo” são aranhas-da-teia que geralmente vivem no solo.

Você viu?

O processo envolve aranhas “ascendendo a um ponto alto na folhagem e deixando sair finas linhas de seda que pegam a brisa e eventualmente ganham sustentação suficiente para levar a aranha para cima e para longe”, informa o site do Museu Australiano.

Veja Também  China lamenta morte de porco inspirador que sobreviveu a terremoto em 2008

Balonismo simultâneo por milhares de filhotes de aranha pode resultar em um notável tapete de seda, chamado teia, cobrindo arbustos ou campos”, acrescenta.

Uma vereadora local, Carolyn Crossley, gravou um vídeo do momento e compartilhou no Facebook.

Assista:

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana