conecte-se conosco


Mato Grosso

Nova Xavantina segue com alto risco de contaminação pela Covid-19

Publicado

Mato Grosso


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou, nesta segunda-feira (22.02), o Boletim Informativo n° 351 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. 

O documento mostra, a partir da página 9, que o município de Nova Xavantina continua na classificação de risco “alto” para o coronavírus. A cidade está há 15 dias nesta categoria.

Ainda de acordo com informações do Boletim, 10 municípios estão classificados com risco “moderado” para a Covid-19. São eles: Cuiabá, Rondonópolis, Várzea Grande, Primavera do Leste, Sinop, Barra do Garças, Sorriso, Alta Floresta, Nova Mutum e Poconé. Outros 130 municípios estão na classificação “baixo”, indicado pela cor verde. 

O sistema de classificação que aponta o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos, é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades.

Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana, às segundas e quintas-feiras, e os resultados são divulgados nos Boletins Informativos da SES.

Veja Também  Seplag realiza live sobre o Zoneamento Socioeconômico Ecológico

Recomendações aos municípios

Por meio do Decreto Estadual nº 522, de 12 de junho de 2020, o Governo de Mato Grosso faz diversas recomendações aos municípios classificados com risco baixo, moderado, alto e muito alto de contaminação pelo coronavírus.

As orientações para os municípios classificados como risco baixo são: evitar circulação de pessoas pertencentes ao grupo de risco, conforme definição do Ministério da Saúde; isolamento domiciliar de pacientes em situação confirmada de Covid-19 e quarentena domiciliar de pacientes sintomáticos em situação de caso suspeito para de Covid-19, entre outras. 

Para os municípios classificados com o risco moderado de contaminação pelo vírus, o Governo recomenda a implementação e manutenção de todas as medidas previstas para o nível de risco baixo, além de quarentena domiciliar para pessoas acima de 60 anos e grupos de risco definidos pelas autoridades sanitárias; suspensão de aulas em escolas e universidades.

Já para os municípios classificados com alto risco de contaminação pela doença, as recomendações anteriores são mantidas e acrescentadas novas orientações como: proibição de qualquer atividade de lazer ou evento que cause aglomeração; proibição de atendimento presencial em órgãos públicos e concessionárias de serviços públicos e adoção de medidas preparatórias para a quarentena obrigatória.

Veja Também  Sede do Procon-MT em Cuiabá suspende atendimento presencial nesta quinta e sexta-feira (25 e 26)
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Estado notifica órgãos de controle sobre bloqueio de UTIs no Pronto Socorro de Cuiabá

Avatar

Publicado


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou a Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, o Tribunal de Contas do Estado e o Ministério Público Estadual e Federal sobre o bloqueio de 38 leitos de Terapia Intensiva para o tratamento da Covid-19 no Hospital e Pronto Socorro Municipal da capital.

O Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá conta com 95 leitos de UTI pactuados, mas apenas 57 vagas estão disponíveis para a regulação – sendo que 56 já estão ocupadas nesta quarta-feira (24.02). O fato leva ao descumprimento do Plano de Contingência Municipal e Estadual e do Termo de Compromisso Emergencial, firmado junto ao Tribunal de Contas.

Dos 38 leitos indisponíveis, 23 estão na ala adulto e 15 na ala pediátrica. Conforme o relatório da supervisão, o bloqueio se dá por falta de medicamentos e falta de médico cirurgião pediátrico.

O bloqueio do alto número de leitos de Terapia Intensiva impacta diretamente na taxa de ocupação hospitalar das UTIs pactuadas pela rede do Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso. Nesta quarta-feira (24.02), foi registrada a ocupação de 81,44% dos leitos para adultos, mas no dia anterior era de 72,85%.

Veja Também  Mato Grosso busca parcerias para desenvolvimento sustentável do Cerrado

Também é importante ressaltar que os leitos de enfermaria do Hospital e Pronto Socorro de Cuiabá registram 26% de ocupação, enquanto as enfermarias dos Hospitais Metropolitano e Santa Casa, também da Baixada Cuiabana, registram 81% e 58% respectivamente.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Mato Grosso recebe 11,8 mil doses da CoronaVac nesta quinta-feira (25)

Avatar

Publicado


Uma nova remessa da vacina CoronaVac chegará em Mato Grosso às 10h desta quinta-feira (25.02) no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, por um voo da Azul. De acordo com o Ministério da Saúde, a previsão é de que cheguem 11,8 mil doses para a imunização dos grupos da primeira fase da Campanha de Vacinação contra a Covid-19.

As unidades desta nova remessa serão utilizadas somente como segunda aplicação. Para a vacina CoronaVac, o prazo para a aplicação da segunda dose varia entre 14 e 28 dias.

Imediatamente após a chegada do imunizante, as equipes da Vigilância Estadual trabalharão no recebimento das doses, na conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes e no encaixotamento para distribuição e retirada dos municípios.

Na manhã desta quarta-feira (24.02), o estado também recebeu 21 mil doses da vacina AstraZeneca. Até o momento, já foram recebidas 212.760 mil doses de imunizantes contra a Covid-19 em Mato Grosso.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Veja Também  Sede do Procon-MT em Cuiabá suspende atendimento presencial nesta quinta e sexta-feira (25 e 26)
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana