conecte-se conosco


Carros

Cotada para o Brasil, Ram 1500 TRX será leiloada nos EUA

Publicado

Carros


source
RAM 1500 TRX: abaixo do capô, modelo traz o lendário 6.2 V8 Hellcat de 712 cv de potência
Divulgação

RAM 1500 TRX: abaixo do capô, modelo traz o lendário 6.2 V8 Hellcat de 712 cv de potência

A primeira unidade da Ram 1500 TRX , a picape mais veloz do mundo, acaba de sair de sua linha de produção. Como prometido pela marca, o modelo será leiloado no dia 26 de março para que o valor arrecadado seja doado a uma instituição de caridade. Segundo executivos da Ram Brasil, o modelo é candidato a ser vendido por aqui.

A instituição apoiada pela Ram é a Southeast Michigan’s 2-1-1, prestadora de serviços para veteranos de guerra e suas famílias. Como a casa de leilões Barret-Jackson zerou tarifas e impostos para esta sessão, o valor integral da RAM 1500 será entregue à instituição de apoio.

Em um bate-papo de fim de ano com a imprensa, o diretor das marcas Ram , Dodge e Chrysler , Breno Kamei, confirmou que a fabricante estuda o lançamento de novos modelos no Brasil. Um deles poderá ser a Ram 1500 TRX , com 712 cv de potência. O modelo esportivo, entretanto, ainda esbarra na homologação.

Veja Também  Nissan Kicks chega à linha 2022 com visual renovado e mais segurança

Você viu?

A Ram 1500 TRX tem força suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em míseros 4,5 segundos, graças ao lendário motor 6.2 V8 Hellcat da Fiat-Chrysler. A velocidade máxima é de 190 km/h, limitada eletronicamente.

“Temos uma visão de longo prazo que não vai parar no lançamento da Ram 1500 Rebel no Brasil, mas neste momento, ela terá o nosso foco total”, afirma o executivo da FCA.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook

Carros

Ford Ranger entra na linha 2022 com mensagem subliminar

Avatar

Publicado


source
Ford Ranger 2022: placa da picape que pede para o público
Reprodução/Ford

Ford Ranger 2022: placa da picape que pede para o público “confiar” depois que a marca decidiu parar de fabricar no Brasil


Em meio à tempestade que se seguiu ao anúncio em janeiro do fechamento das suas fábricas no Brasil, a Ford quer mostrar que segue viva no mercado e atrair novamente o público para as suas concessionárias. Um desses chamarizes é o lançamento da Ranger 2022 . Os preços partem de R$ 163.490.


Sem alarde, a Ford Ranger 2022 já aparece no site oficial da marca no Brasil ostentando nas imagens a placa “CO NF1 4R”. Como se estivesse pedindo a confiança do público. Vale destacar que a combinação de algarismos não segue nem o padrão brasileiro e nem o argentino da nova placa Mercosul, o que faria sentido já que a picape média é feita na fábrica de General Pacheco (Argentina).

Veja Também  Harley-Davidson Fat Bob, boa de pilotar

Você viu?

Sem mudanças na carroceria, a Ford Ranger 2022 ganhou o sistema FordPass Connect. Acessado a partir do aplicativo FordPass, permite, pelo celular, ligar o motor e acionar o ar-condicionado, além de travar e destravar as portas. Outra função é a possibilidade de acessar a localização GPS do veículo.


No visual, as mudanças foram pequenas. As versões XLS e XLT ganharam novas rodas de 17″. No caso da XLT, são as mesmas peças usadas na versão Storm, mas com acabamento na cor prata.

No conjunto mecânico, o modelo segue com a mesma oferta de motores e câmbio: 3.2 turbodiesel, de cinco cilindros e 200 cv, combinado com a tração 4×4 e o câmbio automático de seis marchas e 2.2 turbodiesel, de quatro cilindros, de 160 cv, com tração 4×2 ou 4×2 e o câmbio automático, ou manual de, seis marchas.

A geração atual da Ford Ranger deve seguir em produção pelo menos até 2023, ano em que a marca do oval prevê lançar a nova geração da picape no Mercosul. A produção do modelo na fábrica de General Pacheco já está garantida, com um investimento de US$ 580 millhões na adequação da planta industrial argentina para a nova geração.

Veja Também  Preço médio da gasolina no Sudeste ultrapassa R$ 5,00, aponta pesquisa

Confira abaixo os preços da Ford Ranger 2022:

XL Cabine Simples 2.2 4×4 MT: R$ 163.490 XL Cabine Dupla 2.2 4X4 MT: R$ 171.590 XLS 2.2 4×2 AT: R$ 167.790 Storm 3.2 4×4 AT: R$ 200.390 XLS 2.2 4×4 AT: R$ 200.990 XLT 3.2 4×4 AT: R$ 228.990 Limited 3.2 4×4 AT: R$ 249.990

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros

Preço médio da gasolina no Sudeste ultrapassa R$ 5,00, aponta pesquisa

Avatar

Publicado


source
São Paulo tem os combustíveis mais baratos do sudeste do Brasil, pelo o que diz o levantamento do Ticket Log
Divulgação

São Paulo tem os combustíveis mais baratos do sudeste do Brasil, pelo o que diz o levantamento do Ticket Log


Uma pesquisa realizada pela empresa Ticket Log , marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, apontou que o preço médio da gasolina na Região Sudeste fechou a 1ª quinzena de fevereiro cotado a R$ 5,047. Alta de 4,32% em relação à janeiro. Valor superior do que a média nacional, de R$ 5,033.


O estudo dos preços dos combustíveis é feito com base nos abastecimentos realizados nos 18 mil postos credenciados da Ticket Log. O Rio de Janeiro é o estado com a gasolina mais cara na região: R$ 5,336. Em Minas Gerais, o combustível fechou a 1ª quinzena a R$ 5,148. Acima dos R$ 5,056 registrado no Espírito Santo.

Veja Também  Preço médio da gasolina no Sudeste ultrapassa R$ 5,00, aponta pesquisa

Você viu?

Mesmo com um aumento de 4,4% em relação ao primeiro mês de 2021, São Paulo foi o único estado do levantamento a registrar um preço médio abaixo dos R$ 5,00, com a gasolina sendo comercializada nos postos pelo valor médio de R$ 4,647.

Etanol

Em São Paulo e Minas Gerais, preço ainda favorece o uso do etanol, conforme levantamento do Ticket  Log
Divulgação

Em São Paulo e Minas Gerais, preço ainda favorece o uso do etanol, conforme levantamento do Ticket Log


São Paulo foi também o local onde o etanol apresentou o preço mais baixo no levantamento: R$ 3,167. Junto de Minas Gerais (R$ 3,465), são os únicos estados da Região Sudeste onde ainda é mais vantajoso usar o combustível vegetal, se considerada a proporção 70/30 com a gasolina.

Ainda em São Paulo, a dinâmica de preços mais baixos se repete também com outros combustíveis : O diesel e o diesel S-10 foram comercializados a R$ 3,794 e R$ 3,859, respectivamente, e o GNV, por R$ 3,019. Nos postos fluminenses também foi registrado o etanol mais caro da Região, com o preço médio de R$ 4,247. Já Minas Gerais segue com os valores mais altos do diesel, de R$ 3,974, do diesel S-10, de R$ 4,062, e do GNV, de R$ 3,380.

Veja Também  Ford Ranger entra na linha 2022 com mensagem subliminar
Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana