conecte-se conosco


Direto de Brasília

“Sem fundamento”, diz Barroso sobre críticas como as de Bolsonaro a urnas

Publicado

Direto de Brasília


source
Presidente do TSE, Luiz Roberto Barroso
Agência Brasil

Presidente do TSE, Luiz Roberto Barroso

Encerradas as eleições 2020, o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luís Roberto Barroso, afirmou na noite deste domingo (29), que nunca foi detectado nenhum caso de fraude nas urnas eletrônicas. E destacou que declarações que tentam apontar uma suposta fragilidade do sistema não têm fundamento.

Na tarde desde domingo, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a questionar a segurança da urna eletrônica e a defender a retomada do voto impresso. Sem fazer qualquer menção a Bolsonaro, Barroso disse que as acusações de fraude são feitas “sem nenhum fundamento”.

“Para além da retórica, sobre a qual ninguém tem controle, jamais se comprovou qualquer aspecto fraudulento no sistema”, disse Barroso.

O presidente do TSE reforçou que as urnas não ficam conectadas à internet. 

“Em relação às acusações de fraude que se repetem insistentemente, mas evidentemente sem nenhum fundamento, eu vou explicar mais uma vez às pessoas que não tenham entendido. Só posso explicar às que não tenham entendido, às que não queiram entender, não há remédio na farmacologia jurídica para esse problema”, afirmou o presidente do TSE.

Veja Também  Projeto cria fundo para indenizar pecuaristas que tiverem animais sacrificados

Comentários Facebook

Direto de Brasília

Bolsonaro sobre Aliança pelo Brasil: “Se não decolar, buscamos outro partido”

Avatar

Publicado


source
Presidente Jair Bolsonaro (sem partido), decidirá em Março se insistirá na criação do Aliança pelo Brasil
Alan Santos/PR

Presidente Jair Bolsonaro (sem partido), decidirá em Março se insistirá na criação do Aliança pelo Brasil

presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou nesta segunda-feira (25) que decidirá até março se insistirá na criação do Aliança pelo Brasil ou se irá se filiar a um partido já existente.

Em março, a gente vai reestudar se o partido decola ou não. Se não decolar, a gente vai ter que ter outro partido. Então não temos como nos preparar para as eleições de 22″, declarou Bolsonaro para apoiadores no ‘cercadinho’ do Palácio da Alvorada.

Sem partido desde o final de 2019, quando saiu do PSL em ltigio por conta de rachas internos, o presidente, que tenta a criação da nova sigla, considera o processo burocrático:

Você viu?

“É muita burocracia, é muito trabalho, certificação de fichas, depois passa pelo TSE também. O tempo está meio exíguo para gente. Não vamos deixar de continuar trabalhando, mas vou ter que decidir. Não é por mim, não estou fazendo campanha para 22”.

Veja Também  Projeto inclui a terapia nutricional em política voltada para autistas

Anunciada em novembro de 2019 como o partido que abrigaria o chefe do executivo, o Aliança tem apenas 57 mil assinaturas das 492 mil necessárias para ter o registro reconhecido no Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ).

A sigla tem apenas 11,5% das assinaturas necessárias para poder ser deferida, e esse registro deve ser feito até seis meses antes das eleições, o que torna ainda mais difícil para o partido conseguir ser registrado.

Comentários Facebook
Continue lendo

Direto de Brasília

Deputada bolsonarista vira alvo do MPF por vídeo contra uso de máscaras

Avatar

Publicado


source
Deputada federal Bia Kicis (PSL-DF)
Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados

Deputada federal Bia Kicis (PSL-DF)

A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF ) é investigada pelo Ministério Público Federal ( MPF ) por ter publicado um vídeo condenando o uso de máscaras e do distanciamento social contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2).

No clipe “Brasil vencendo o Covid-19”, apoiadores de Bolsonaro aparecem defendendo o tratamento precoce contra a doença, ainda que autoridades médicas e estudos  ao redor do mundo tenham divulgado a eficácia destes medicamentos, criticando o uso de máscaras, sob justificativa de “querer respirar”.

A deputada, que em dado momento segura a Constituição Federal, é acompanhada da trilha sonora, que diz que ela foi “rasgada à forca”.

O Ministério Público abriu um procedimento preparatório para averiguar os fatos.

Comentários Facebook
Veja Também  Projeto cria regime especial de tributação para incentivar a instalação de 'data centers'
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana