conecte-se conosco


Saúde

Covid-19: Kátia Abreu faz exames em São Paulo, após testar positivo

Publicado

Saúde


A senadora Kátia Abreu (PP-TO) está internada desde ontem (21) no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista, para a realização de exames. Segundo a assessoria do hospital não há autorização para divulgar o quadro de saúde da senadora e não há previsão de boletins médicos para hoje. No último dia 17 ela confirmou em sua conta do Twitter que testou positivo para covid-19.

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Veja Também  Vacina na França será gratuita para população, mas não obrigatória

Saúde

Rede municipal do Rio tem 99% de lotação nos leitos de UTI e há fila por vagas

Avatar

Publicado


source
A média móvel de casos continua em alta pelo sexto dia seguido, com índice de 2.737 contaminados por dia
Foto: Reprodução: iG Minas Gerais

A média móvel de casos continua em alta pelo sexto dia seguido, com índice de 2.737 contaminados por dia

O Rio registrou, nesta quinta-feira, 127 mortes e 3.788 novos casos do novo coronavírus. Ao todo, são 365.185 infectados e 22.891 vidas perdidas pela doença desde o início da pandemia, em março.

A média móvel de casos continua em alta pelo sexto dia seguido, com índice de 2.737 contaminados por dia, e, assim como nos últimos dois dias, é o maior desde 22 de agosto.

Na rede de saúde, que, segundo especialistas, já está novamente em colapso, a situação é de muita pressão por leitos, sobretudo na capital, onde há 99% de ocupação nos leitos exclusivos para coronavírus ofertados pela prefeitura, e de 92% na rede SUS regulada pelo município. Em todo estado, há fila de 216 pacientes por vagas de UTI, 86% preenchidas.

Com os dados desta quarta-feira, a média móvel passa a ser de 71 mortes e 2.737 casos. Há aumento de 38% no número de novos infectados, em relação com 14 dias atrás. São 10,8 mil fluminenses com diagnóstico positivo apenas em três dias de dezembro, mais que o triplo do mesmo período em novembro.

Veja Também  São Paulo recebe 600 litros a granel da vacina CoronaVac

Em relação à média móvel de óbitos, há uma queda de 36% na comparação com duas semanas, mas o cálculo é prejudicado pelas quatro datas em novembro em que os números de vítimas não foram atualizados devido a um problema no sistema do Ministério da Saúde. Neste momento, os dados que mostram com mais precisão a situação da pandemia no Rio são os que vêm dos hospitais. Há fila por leitos em todo o estado. Na capital, vagas estão cheias.

Pressão por leitos é grande em todo o estado

Levando em consideração apenas a rede municipal de Saúde, há ocupação de 99% nos leitos de UTI oferecidos para pacientes com Covid-19. São 286 vagas ocupadas, das 288 existentes hoje. Outros 398 estão em enfermarias.

Na rede SUS da capital, que inclui leitos de unidades municipais, estaduais e federais, a taxa de ocupação nas vagas de UTI exclusivas para Covid-19 é de 92% (566 internados) e de 85% nas enfermarias.

Ao todo, são 1.352 pacientes. Tanto no Rio, quanto na Baixada Fluminense, 330 pessoas estão na fila aguardando transferência para estas vagas, sendo 166 para UTI. Ou seja, a demanda por internações é maior que a oferta de vagas neste momento. A prefeitura, no entanto, destsaca que as pessoas que aguardam leito de UTI estão sendo assistidas em leitos de unidades com monitores e respiradores.

Veja Também  Rede municipal do Rio tem 99% de lotação nos leitos de UTI e há fila por vagas

Em toda a rede estadual de Saúde, a situação é de lotação de 86% dos leitos de UTI para Covid e de 65% nas vagas de enfermaria. Levando em consideração toda a regulação estadual, há fila de 406 pessoas por leitos de coronavírus, sendo 216 para UTIs — casos mais graves. Estas pessoas podem ser reguladas para diferentes redes, seja ela municipal, estadual ou federal.

As cidades do RJ com mais mortes pelo coronavírus são:

  • Rio — 13.465 mortes
  • São Gonçalo — 863 mortes
  • Duque de Caxias — 851 mortes
  • Nova Iguaçu — 757 mortes
  • Niterói — 599 mortes
  • São João de Meriti — 532 mortes
  • Campos — 476 mortes
  • Belford Roxo — 354 mortes

Os municípios com mais casos de Covid-19 são:

  • Rio — 142.231
  • Niterói — 18.775
  • São Gonçalo — 16.567
  • Duque de Caxias — 11.976
  • Belford Roxo — 11.567
  • Macaé — 11.242
  • Campos — 9.977
  • Teresópolis — 9.932
Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Brasil registra 175,2 mil mortes e 6,48 milhões de casos da covid-19

Avatar

Publicado


O total de mortes no país pelo novo coronavírus (covid-19) chegou a 175.270. Nas últimas 24 horas, foram registrados 755 novos óbitos. Ontem (2), o sistema do Ministério da Saúde apontava 174.515 óbitos. Ainda há 2.174 mortes em investigação.

O número de casos da covid-19 desde o início da pandemia atingiu 6.487.084. Entre ontem e hoje, as autoridades de saúde acresceram às estatísticas 50.434 novos diagnósticos positivos. Ontem, o painel do MS marcava 6.436.650 casos acumulados.

Os dados foram apresentados em entrevista no Ministério da Saúde, hoje (3). Eles foram atualizados até as 16h desta quinta-feira (3). Os totais são resultado da consolidação de informações enviadas pelas secretarias estaduais da Saúde.

Ainda conforme a atualização do órgão, há 586.804 pacientes em acompanhamento. Outras 5.725.010 pessoas já se recuperaram da doença.

Normalmente, os casos são menores aos domingos e segundas-feiras em função da dificuldade de alimentação dos dados pelas secretarias estaduais da Saúde. Já às terças-feiras, eles podem subir mais em função do acúmulo de registros atualizados.

Veja Também  Vacina na França será gratuita para população, mas não obrigatória

Estados

Os estados com mais mortes pela covid-19 são São Paulo (42.637), Rio de Janeiro (22.891), Minas Gerais (10.187), Ceará (9.657) e Pernambuco (9.098). As Unidades da Federação com menos óbitos pela doença são Acre (730), Roraima (739), Amapá (819), Tocantins (1.173) e Rondônia (1.586).

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana