conecte-se conosco


Mulher

Grávida, Gabi Brandt mostra barrigão e rebate críticas sobre cesárea

Publicado

Mulher


source
Gabi Brandt mostra barrigão de 7 meses de gravidez
Reprodução/Instagram

Gabi Brandt mostra barrigão de 7 meses de gravidez


Na reta final da gravidez do segundo filho, Henri, Gabi Brandt compartilhou clique exibindo o barrigão de biquíni. Nos Stories do Instagram, neste sábado (21), ela respondeu algumas dúvidas dos seguidores e rebateu críticas sobre a decisão de fazer uma cesariana para o parto.

“Vou fazer cesárea porque tive uma há pouco tempo, não quero arriscar fazer parto normal, eu e minha médica achamos perigoso”, explicou.

“Recebi, em pleno século 21, mensagens de pessoas me julgando, mensagens pesadas tentando ofender. Na minha opinião, o fato de ser cesárea não faz você menos mãe ou mais mãe”, disparou Gabi, que ainda disse que pretende ter mais filhos.

Gabi está grávida de sete meses, fruto do relacionamento com o músico Saulo Pôncio. Os dois já são pais de Davi, de 1 ano e meio.

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Veja Também  Menino que descobriu que areia da praia não é farofa tem até Instagram

Mulher

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos

Avatar

Publicado


source

Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos

A tendência de decoração handmade (“feita à mão”), que preza por reutilizar materiais de modo artesanal, tem feito cada vez mais sucesso. Além de ser uma ótima maneira de reciclar objetos, seu lar ainda ganha um toque exclusivo e personalizado. Você já pensou em utilizar garrafas na decoração ? Aquelas vazias de bebidas destiladas, vinhos, sucos, cervejas e até azeite são ótimas para você usar toda a sua criatividade e criar peças lindas – como luminárias, display de álcool em gel e árvore de Natal . Inspire-se!

Inspirações para apostar em garrafas na decoração

Vaso de flores

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos
Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Todo mundo concorda que as flores trazem mais vida e delicadeza à decoração, certo? Para fugir do óbvio e ainda economizar na compra do vaso, que pode ser bem caro dependendo do modelo, você pode aproveitar uma garrafa de vinho usada. Pintar o objeto de acordo com a paleta de cores do ambiente deixa o resultado ainda mais charmoso.

Veja Também  Cristais para o Ambiente de Trabalho

Candelabro

Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Que tal substituir as flores por um conjunto incrível de candelabros? A ideia é econômica, mas faz toda a diferença na decoração de um jantar especial a luz de velas ou entre os enfeites de Natal , por exemplo. Se você souber desenhar, vale até investir em uma pintura temática no exterior das garrafas.

Lustre

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos
Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

As opções de lustres com garrafas são muito modernas e ‘diferentonas’, podendo ser adaptadas para todos os ambientes. Você pode apostar em modelos variados do item ou, então, compor um conjunto com todos iguais. Para completar o DIY (“faça você mesma”), a dica é utilizar uma lâmpada de filamentos aparentes, como as das imagens acima.

Abajur

Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Seguindo a onda da iluminação, as garrafas também podem ser aproveitadas na criação de lustres incríveis. Para baratear ainda mais os custos da decoração, uma boa ideia é adquirir os famosos “pisca-piscas” de Natal e inseri-los dentro delas. A cúpula neutra garante um toque extra de sofisticação à decor .

Saboneteira

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos
Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Você também pode aproveitar uma garrafa usada de vodka ou uísque, por exemplo, para criar uma nova saboneteira moderninha para o seu banheiro. Para isso, basta remover a tampa e adicionar um “pump” próprio de sabonete líquido. Outra sugestão é aproveitar a decoração como display de álcool em gel , produto indispensável no atual cenário de pandemia.

Veja Também  Finanças do casal: dicas de especialistas para organizar seu dinheiro

Copos

Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Os copos feitos a partir de garrafas de bebida são ideais para shots e drinks personalizados, montando seu próprio minibar em casa. Além de baratinhos, eles são opções resistentes e cheias de estilo para compor a mesa, até mesmo no dia a dia.

Relógio

Garrafas na decoração: 7 opções criativas para reaproveitar os objetos
Fotos: Reprodução/Pinterest | Arte: Larissa Sericava

Para fechar a lista com chave de ouro, não poderia faltar essa inspiração inovadora de relógio de garrafas. Para fazer o seu, basta separar 12 garrafas da sua preferência (podem ser todas iguais ou de diferentes bebidas, contanto que tenham aproximadamente o mesmo tamanho), uma tábua de madeira e ponteiros simples. Em seguida, cole cada item em seu devido lugar. Também é possível personalizar relógios comprados prontos. Aproveite!

Texto: Redação Alto Astral e Milena Garcia | Edição: Renata Rocha

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Mulher

Finanças do casal: dicas de especialistas para organizar seu dinheiro

Avatar

Publicado


source

Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral

Finanças do casal: dicas de especialistas para organizar seu dinheiro

Em um casamento, é comum que as finanças do casal sejam divididas, assim como as responsabilidades da casa … Mas nem sempre essa é uma tarefa fácil. São muitos compromissos e obrigações para organizar e dar conta, o que pode acabar atrapalhando alguns planos. Que tal aprender a lidar da melhor forma?

Sim, é possível. Os especialistas dão algumas dicas valiosas para que o casal consiga se entender financeiramente. A economista e educadora financeira Gisele Kobayashi explica que o ideal é unir tudo, das receitas e despesas aos investimentos. “Lembrando que os sonhos e objetivos devem ser divididos por três: para o esposo, a esposa e o par. Dessa forma, ninguém se anula”. Saiba mais!

Como gerenciar bem as finanças do casal

Caso um parceiro ganhe mais do que o(a) outro(a), a profissional diz que “se houver união de tudo, não haverá problema nessa situação”. E, se o casal optar por separar as receitas, o recomendado é que seja proporcional. Ou seja, se um for responsável por 70% do dinheiro que entra na casa, também será responsável por 70% do valor das contas .

Veja Também  Árvore de Natal: ideias diferentes para inovar na decoração da sua casa

Já a psicóloga Angélica Rodrigues acredita que o principal ponto de conflito relacionado às finanças do casal é a falta de diálogo. Ela aconselha que os parceiros conversem sobre o que cada um deseja gastar com cada item (moradia, educação, saúde, etc.) – e também troquem ideias sobre as metas financeiras individuais.

A especialista destaca que o casamento é uma parceria. O casal que mede os gastos com “eu coloquei mais dinheiro que você” ou “você me deve isso” está escondendo algum tipo de conflito e descontando na situação financeira. Quando uma das partes não trabalha e a outra controla toda a renda da casa, é importante entender o motivo; se foi uma opção escolhida em conjunto ou apenas por um lado. Se isso não foi conversado na época do namoro ou noivado, depois do casamento pode ser mais complicado. O casal deve estabelecer se essa situação é permanente ou passageira para combinar como vai acontecer a divisão das finanças.

Caso o marido não deseje que a esposa trabalhe, então a situação é diferente. A psicóloga ressalta que é importante refletir que tipo de relação o casal está vivendo: há respeito mútuo das vontades e necessidades de cada um? Será que a mulher está sendo tratada como objeto? É mesmo um relacionamento saudável? “O que pode ser feito é conversar, negociar e cada um expor o que realmente quer e sente”, completa.

Veja Também  Finanças do casal: dicas de especialistas para organizar seu dinheiro

É comum que entre os casais não haja uma compreensão total dos gastos. Muitas vezes, um dos dois pode não entender os motivos pelos quais o outro gasta com determinado produto, por exemplo: “O par precisa entrar em um acordo, faz parte do relacionamento cada parte ceder um pouco”.

Os dois também podem combinar uma cota de X% da renda familiar para cada um poder gastar com o que quiser. Para isso, precisam ter um orçamento participativo, planejando e definindo como pretendem usar o dinheiro. “Se o gasto superficial for algo esporádico e que não estoure o orçamento da família, pode ser saudável “, finaliza Angélica.

Consultoria: Gisele Kobayashi, economista e educadora financeira; Angélica Rodrigues, psicóloga | Texto: Redação Alto Astral | Edição: Mariana Oliveira e Renata Rocha

Fonte: IG Mulher

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana