conecte-se conosco


Mato Grosso

Salários de outubro serão pagos pelo governo estadual nesta sexta-feira (30)

Publicado

Mato Grosso


Os salários dos servidores públicos estaduais ativos, inativos e pensionistas, relativos ao mês de outubro, estarão disponíveis nesta sexta-feira (30.10). O pagamento cumpre o anunciado em setembro pelo governador Mauro Mendes, de pagar o salário dos servidores dentro do mês trabalhado. É o segundo mês consecutivo que isso ocorre na atual gestão e não acontecia desde setembro de 2016.

De acordo com a Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual, da Secretaria de Fazenda, a folha liquida do mês de outubro chegou a R$ 484.593.642,87, sendo R$ 309.281.569,27 para ativos e R$ 175.312.073,60 para inativos e pensionistas. 

Receberão salários e proventos 111.858 pessoas. Desse total 71.408 são servidores ativos das administrações direta e indireta; 36.053 inativos e mais 4.397 pensionistas.

“Concluímos o fechamento da folha de pagamento e a transmissão ao Banco do Brasil ontem à noite. Os documentos impressos foram enviados para o banco no início da manhã de hoje (29)”, informou a secretária adjunta do Tesouro Estadual, Luciana Rosa. Segundo ela, até o meio dia desta sexta-feira, todos os depósitos já terão sido processados pelo Banco do Brasil. O dinheiro estará liberado tanto para quem tem contas no BB, como para aqueles que fizeram portabilidade para outros bancos.

Veja Também  Ganha Tempo recebe mais de 300 litros de álcool gel produzido pela UFMT
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Segunda-feira (21): Mato Grosso registra 440.582 casos e 11.711 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta segunda-feira (21.06), 440.582 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 11.711 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.479 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 440.582 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 12.028 estão em isolamento domiciliar e 415.135 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 474 internações em UTIs públicas e 373 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 85,71% para UTIs adulto e em 42% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (91.340), Rondonópolis (31.915), Várzea Grande (29.701), Sinop (21.324), Sorriso (15.294), Tangará da Serra (15.137), Lucas do Rio Verde (13.557), Primavera do Leste (11.246), Cáceres (9.519) e Alta Floresta (8.402). 

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Veja Também  Batalhão Fazendário recebe viaturas e armas para reforçar policiamento nas fiscalizações

O documento ainda aponta que um total de 354.401 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 83 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

No domingo (20.06), o Governo Federal confirmou o total de 17.927.928 casos da Covid-19 no Brasil e 501.825 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 17.883.750 casos da Covid-19 no Brasil e 500.800 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus. 

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados desta segunda-feira (21.06)

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Veja Também  Mato Grosso tem 2.734 inscritos em Exame para pessoas privadas de liberdade

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Evento é aberto com live sobre “Envolvimento familiar na prevenção ao uso de drogas”

Publicado


Envolvimento familiar e o estímulo dos pais no desenvolvimento das habilidades sociais de seus/suas filhos/filhas na prevenção ao uso de drogas. Este foi o tema da live de abertura da Semana de Políticas sobre Drogas, transmitida na tarde desta segunda-feira (21.06). O evento é realizado pela Adjunta de Justiça (Saju) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), de forma online, e segue até a sexta-feira (25.06), sempre das 14h às 17h.

As discussões foram abertas pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, que destacou a importância das políticas de prevenção. “A repressão fica a cargo das forças de segurança, mas a política preventiva cabe a todos nós, passa por um diálogo entre as instituições, por isso agradeço aos palestrantes dos órgãos parceiros. Só assim conseguimos ter experiência e aprimorar políticas de prevenção, reduzindo o consumo, o que vai tornando inviável a distribuição criminosa das drogas”.

O assunto foi conduzido pela psicóloga da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), professora doutora Graciela Constantino, e mediado pela professora da Seduc-MT, Patrícia Simone da Silva Carvalho. A palestrante fez uma análise ampla sobre a questão do trabalho, empatia e outras que repercutem no dia a dia das famílias. “Hoje, é preciso fazer o gerenciamento das atividades rotineiras dentro de casa e também no trabalho, pois ele influencia a nossa atuação no mundo e no âmbito familiar, especialmente neste momento de pandemia que gera muitas incertezas”.

Veja Também  Ganha Tempo recebe mais de 300 litros de álcool gel produzido pela UFMT

Ela ressaltou ainda que há alguns jovens que precisam de mais atenção, de empatia, de ações que valorizem a verdadeira comunicação. “Nesse sentido, é importante se colocar no lugar do outro, aceitar o outro tal como ele é. Os processos de constituição do sujeito, de constituição de personalidade, nunca foram tão desafiadores como nos tempos atuais, em que vivemos uma crise social, econômica, de sustentabilidade, de valores e sanitária”.

O tema geral do evento é “O desafio de atendimento a usuários de substâncias psicoativas em tempos de crise sanitária”, abordado por meio de live, webinário, painéis eletrônicos e pesquisa. São parceiros da iniciativa as Secretarias de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setasc-MT), de Saúde (SES-MT) e de Educação (Seduc-MT), o Conselho Regional de Serviço Social (CRESS-MT) e a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat). O principal objetivo é promover o conhecimento sobre uso de drogas, as políticas públicas e a participação familiar, comunitária e social.

Segundo a secretária adjunta de Justiça, Lenice Silva, a prevenção ao uso de drogas é um importante passo para impedir o contato dos jovens com o crime. “Precisamos discutir o assunto, de uma forma mais humanizada e que nos leve a outros olhares sobre políticas públicas que podem ser eficazes no combate ao uso destas substâncias que, muitas vezes, é porta de entrada para o mundo do crime”.

Veja Também  Setasc realiza Web encontro sobre Serviço Especializado em Abordagem Social

Programação

Nesta terça-feira (22.06), ocorrerá o primeiro webinário “Novos olhares sobre as drogas nas políticas públicas”. Falarão sobre o tema a biomédica Susana Sandin Borges e a psicóloga Daniela Bezerra, ambas da SES-MT. A mediação será feita pela enfermeira da SES-MT, Maria Aparecida Milhomem. Já no dia 23, o tema será “O sujeito, as circunstâncias, a abordagem psicossocial no uso de drogas e Direitos Humanos”, com os palestrantes Robson Alves de Paula (psicólogo) e Alexandre Guedes (promotor de Justiça) e a mediadora Vanessa Galhardo Lopes, do CRESS-MT.

No dia 24 de junho, a professora doutora da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Marina Nolli Bittencourt falará sobre “Estratégia de Intervenção Breve – Assist 2.0, instrumentalidade da prevenção na promoção da Saúde e dos problemas ao uso de drogas”. O assunto será mediado pelo professor doutor da UFMT, Marcos Aurélio da Silva.

O encerramento ocorrerá no dia 25 de junho, com o tema “O cuidado ao usuário na perspectiva da atenção psicossocial e a RAP no SUS”, que será abordado pela assistente social da Secretaria Municipal de Várzea Grande, Soraya Danniza Barbosa Miter Simon. A biomédica da SES-MT, Susana Sandim Borges será a mediadora.

O evento é transmitido pelo YouTube, basta acessar a página https://www.youtube.com/channel/UCzjwCJTx7dMjr1JPdgveV7Q no horário da programação.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana