conecte-se conosco


Mato Grosso

Governador reforça pedido ao Governo Federal de aeronaves e tropas para combater incêndios

Publicado

Mato Grosso


.

O governador Mauro Mendes reforçou, nesta segunda-feira (21.09), o pedido de aeronaves e tropas militares da Força Nacional de Segurança Pública para auxiliar no combate aos incêndios florestais em Mato Grosso. 

O pedido foi direcionado ao ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça.

 A solicitação já havia sido feita pelo governador ao ministro na semana passada, por telefone, e foi prontamente acatada. O documento visa formalizar o pedido, que também havia sido feito pelo secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, em agosto. 

No ofício, o governador explicou que o Pantanal é um local de grande importância ecológica por abrigar muitas espécies de peixes e aves aquáticas.

“Maior planície alagável do mundo com 230.000 km², que recebeu da Unesco os títulos de Reserva da Biosfera e Patrimônio Natural da Humanidade, o Pantanal impressiona pela diversidade de fauna e flora”, afirmou. 

Mauro Mendes ressaltou que Mato Grosso tem enfrentado uma das piores ondas de incêndios dos últimos anos, atingindo cerca de 20% do pantanal mato-grossense, fato que levou o Governo do Estado a decretar a situação de emergência.

Veja Também  Filhote de veado-catingueiro é levado para Santuário de Elefantes após tratamento no PAEAS

“Objetivando evitar um prejuízo ainda maior do que o já causado em nosso Estado, e ao Brasil, solicito o apoio da Força Nacional de Segurança Pública, com a disponibilização de aeronaves especializadas e profissionais qualificados para, em apoio aos que já atuam na região, auxiliem no controle dos focos de incêndio e extinção das queimadas, sob Coordenação do Comitê Multiagências de Coordenação Operacional (CIMAN/MT)”, ressaltou.

Combate aos incêndios

O Governo do Estado tem atuado forte no combate aos incêndios florestais desde março, quando foi lançado o Plano de Ação contra o Desmatamento Ilegal e Incêndios Florestais em Mato Grosso.

Já foram mais de R$ 22 milhões investidos de recursos próprios, contando com 40 equipes espalhadas por todo o estado para o combate ao fogo, seis aeronaves, três helicópteros e mais de 2500 profissionais envolvidos, desde bombeiros militares, voluntários, integrantes da Defesa Civil e do Exército.

Porém, em virtude das condições climáticas desfavoráveis, como a baixa umidade e falta de chuvas há cerca de 120 dias, o Governo de Mato Grosso tem buscado novas parcerias para minimizar os impactos do fogo para o meio ambiente e qualidade de vida do cidadão.

Veja Também  Secel publica editais com recursos de R$ 25 milhões da Lei Aldir Blanc

A pedido do governador, o Governo Federal garantiu o repasse de mais R$ 10 milhões e o envio de agentes das forças de segurança nacional para reforçar o combate aos incêndios.

O Governo de Mato Grosso, neste ano, já aplicou mais de R$ 190 milhões em multas por uso irregular do fogo. 

Leia a íntegra do documento:

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Mais MT vai reforçar investimentos em infraestrutura turística no Estado

Avatar

Publicado


Um dos eixos do programa Mais MT, o Turismo de Mato Grosso, terá adequações e investimentos em infraestrutura no valor total de R$ 339,2 milhões. O objetivo é facilitar o acesso e atrair mais turistas para o Estado e de dentro do Estado. Uma das novidades será o turismo étnico (turismo indígena).

O Pantanal mato-grossense, que recentemente vem se recuperando dos danos ambientais e econômicos causados pelos incêndios florestais, contará com ações específicas realizadas por meio do programa Pantanal-Tur, para auxiliar na divulgação do turismo de pesca esportiva e ecoturismo (observação de onças, de pássaros e trilhas). São R$ 46,7 milhões de investimentos para o Pantanal. A iniciativa contará com rodadas de negócios, fortalecimento da atividade pecuária e hotelaria.

Em Chapada dos Guimarães, haverá inicialmente investimentos em locais como o Portão do Inferno e Véu de Noiva. Além deles, também contarão com obras e ações municípios da Baixada Cuiabana. No total, serão investidos R$ 67,5 milhões.

O ecoturismo indígena está previsto em aldeias localizadas em Campo Novo do Parecis, Sapezal, Barra do Bugres, Canarana, Tangará da Serra e compreende a visitação, acompanhamento da rotina dos povos indígenas, danças e apresentações culturais. 

Veja Também  Reconhecimento, aprendizado e confraternização marcam o Dia da Policial Militar

“No Araguaia, por exemplo, há muito o que ser explorado na questão do turismo. Além de ser um lugar bonito, essa atividade contribuirá para o fortalecimento econômico na região, mas para isso, vamos trabalhar formas de melhorar o acesso terrestre e investir em pontos de conexão de internet”, explicou o secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno. 

Secretário adjunto de Turismo, Jefferson Moreno

Os investimentos na melhoria da infraestrutura turística alcançam o montante de R$ 120 milhões. São previstas ações para conectividade em pontos de acesso à internet em áreas turísticas de todo o Estado, melhoria dos acessos aos pontos turísticos e da infraestrutura local.

O Governo prevê ainda construção de seis orlas turísticas, nos municípios de Barão de Melgaço, Santo Antônio de Leverger e Cáceres e em outros três locais a serem definidos, no valor de R$ 55 milhões; e outros R$ 50 milhões para financiamento de projetos em parceria com a Agência de Fomento do Estado de Mato Grosso (Desenvolve MT).

O programa Mais MT vai executar investimentos na ordem de R$ 9,5 bilhões até 2022. Os 12 eixos estruturantes são Segurança, Saúde, Educação, Social e Habitação, Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda, Infraestrutura, Turismo, Cultura, Esporte e Lazer, Simplifica MT, Eficiência Pública, Meio Ambiente, Agricultura Familiar e Regularização Fundiária.

Veja Também  Secel publica editais com recursos de R$ 25 milhões da Lei Aldir Blanc
Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Reconhecimento, aprendizado e confraternização marcam o Dia da Policial Militar

Avatar

Publicado


Trinta mulheres policiais militares e autoridades civis foram condecoradas com a ‘Medalha Sargento Macaúba’, concedida pela primeira vez pelo Comando Geral da Polícia Militar como parte da programação do Dia da Mulher Policial Militar. A data, instituida pela lei 9.964/2013,  foi celebrada em um seminário com palestras voltadas ao protagonismo feminino, finanças, previdência e atuação da mulher policial militar.

O encontro ocorreu nesta quinta-feira (29.10), durante o dia todo, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar, em Cuiabá. Pela manhã foram entregues as medalhas e realizadas palestras sobre a Importância do Papel da Mulher nas Instituições Militares e Mudanças na Previdência Social Feminina, proferidas respectivamente pelas tenentes-coronéis Camila Paiva do Corpo de Bombeiros de Alagoas, e Valéria e Fleck, da PMMT.

No período vespertino, a educadora financeira Patrícia Capitanio abordou o Protagonismo Financeiro Feminino, enquanto a coach Lorena Lacerda discorreu sobre o Como se Preparar para a Reserva (inatividade).

Na plateia, policiais militares contemporâneas se encontraram com pioneiras na carreira militar feminina. A tenente-coronel Sabina Kuczmarski, uma das primeiras mulheres a ingressar na PM, no início da década de 1980, hoje na reserva remunerada (aposentada), e a coronel Francyanne Siqueira Chaves Lacerda, comandante do 11º Comando Regional, sediado em Primavera do Leste, estavam lado a lado na imposição da medalha.

A medalha da sargento Antônia Macaúba de Castro, homenageada in memorian, foi entregue a mãe, dona Odete Macaúba, e ao filho dela, Nicolas Macaúba. Emocionada, dona Odete revelou que a filha ingressou na PM ao sair pra procurar emprego e encontrar uma mulher que estava indo fazer inscrição da Polícia Militar. “Minha filha amava a Polícia Militar, tinha orgulho de ser policial e se dedicava ao trabalho”, contou. Dona Odete também manifestou seu orgulho pelo reconhecido expressado na medalha que leva o nome da filha. A sargento morreu de câncer.

Veja Também  PGE suspende atendimento ao público nesta sexta-feira (30) e segunda-feira (02)

A coronel Francyanne, que falou em nome das agraciadas, disse que o momento era de gratidão pelo reconhecimento do empenho, dedicação e importância do trabalho da mulher policial militar.  

O comandante geral coronel Jonildo José de Assis destacou o trabalho da mulher na Polícia Militar e disse que a medalha é o reconhecimento da importância, da diferença que a atuação feminina faz na instituição militar. “A data de hoje é para agradecer e reafirmar o compromisso que instituição tem com cada uma das policiais”, completou. Assis lembrou que a PM é uma instituição que foi formada por homens, tem 185 anos, e a presença da mulher é recente, completou 37 anos.

Em sua fala, o secretário de Segurança Alexandre Bustamante parabenizou as policiais e destacou que o trabalho policial é mais um turno na vida das mulheres que escolheram essa carreira. “É policial, mãe, esposa, dona de casa e se empenhar e faz bem tudo que se propõe”, assinalou. 

Na análise de Bustamante, a ascensão e conquistas das mulheres na Polícia Militar assim como no mercado não acontecem por ocupação de seus próprios espaços ou os espaços dos homens, mas por capacidade, preparo e disposição para o trabalho.

Veja Também  Mais MT vai reforçar investimentos em infraestrutura turística no Estado

Por causa das medidas de restrição por causa dos riscos de contaminação pelo coronavírus  somente as homenageadas com  medalha e algumas autoridades foram convidas para o evento. Todavia, a entrega e as palestras puderam ser acompanhadas pelas policiais militares de todas as cidades mato-grossense em uma  livre transmitida pela TVPMMT no Youtube. 

Agraciadas com a medalha:

Primeira dama Virgínia Mendes

Desembargadora Maria Erotides Kneip

Desembargadora Maria Aparecida Ribeiro

Juíza Ana Cristina Silva Mendes

Major Monalisa Marcielle Furlan Toledo (in memorian)

Coronel Francyanne Siqueira Chaves Lacerda

Tenente-coronel RR Sabina Kuczmarski

Tenente-coronel Paulo Regina Peixoto

Tenente-coronel Emirella Pérpetua de Souza Martins

Tenente Dimedice Scariotti

Tenente Thallita Kelen Fonseca Castrillon da Cruz

Tenente Cláudia Regina de Souza

Tenente Jucemara Lúzia Prado

Subtenente RR Cleuse Tavares Ribeiro

Subtenente Mirian Ferraz Berbel

Sargento Paulina da Penha dos Santos Vasconcelos

Sargento Gisela de Souza Chiella

Sargento Edineia de Oliveira       

Sargento Eraci Almeida da Cruz

Sargento Luciani Sávia Neres de Moraes

Sargento RR Eva da Silva Santos e Jesus

Sargento Elene Laura Kropiec

Sargento Eliana Vettorazzi Machado Coimbra

Sargento Rejane Santana da Costa

Sargento Vaneide Ferreira dos Santos

Sargento Gislaine Prudêncio de Jesus

Sargento Lucélia Alves dos Santos

Cabo Cléia Costa Monteiro

Soldado Tatiane Alves da Silva

Soldado Fabiana de Souza Ferreira

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana