conecte-se conosco


Nacional

Bolsonaro reforça que preço do arroz não será tabelado após ouvir cobrança

Publicado

Nacional


source
undefined
ESTADÃO CONTEÚDO

Bolsonaro reforça que preço do arroz não será tabelado após ouvir cobrança

São Paulo – Após ouvir cobrança de uma mulher sobre o preço alto do arroz, o presidente Jair Bolsonaro reforçou na tarde deste sábado (19) que o governo não cogita tabelar o preço do alimento

“O Ministro da Justiça foi atrás de informações sobre o preço do arroz. Nunca sequer pensamos em tabelar algo. Isso nunca deu certo”, escreveu Bolsonaro em sua conta pessoal no microblog Twitter.

Mais cedo, o presidente fez um rápido passeio pela Praça dos Três Poderes, depois de participar de um evento religioso. Paradas rápidas por pontos de Brasília durante os finais de semana são comuns na agenda do presidente, mas desta vez o presidente ouviu uma cobrança.

Debaixo de sol, o chefe do Executivo conversou brevemente com pessoas, usando terno e gravata, e segurando um picolé na mão esquerda.

“Presidente, não esquece o arroz”, disse uma mulher, que não foi identificada. “O arroz tá muito caro, Bolsonaro”, completou. “Se os problemas do Brasil… é só o arroz, tá resolvido”, respondeu o presidente fazendo sinal de “joia”, sem dar mais detalhes.

Veja Também  Candidata a vice na chapa de Sabará desiste de candidatura

O pedido da apoiadora escancara a insatisfação popular com a disparada recente do preço do arroz, um dos principais componentes do prato do brasileiro. O aumento da demanda interna e externa pelo produto foi influenciado pela pandemia do novo coronavírus e refletiu em alta no preço.

Após a crítica da apoiadora, Bolsonaro encerrou a passagem pela Praça dos Três Poderes.

Tarifas

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, já avisou que, apesar dos esforços do governo em negociar com produtores e zerar tarifas de importação até dezembro, o atual patamar de preços só deve baixar mesmo a partir de 15 de janeiro, quando entrar a safra brasileira. “E tudo indica que será uma safra muito boa, pelo que estamos vendo. Teve aumento de área e deve ter de produtividade”, afirmou a ministra na última quinta-feira, ao participar do Estadão Live Talks, evento realizado em parceria com a Tendências Consultoria Integrada.

Na semana passada, a Câmara de Comércio Exterior (Camex), do Ministério da Economia, anunciou a redução total, até o final do ano, da alíquota de importação para uma cota de 400 mil toneladas de arroz. Em declarações recentes sobre o assunto, Bolsonaro negou a possibilidade de interferência no mercado e de tabelamento de preços.

Veja Também  Pitbull invade casa de família e ataca cachorro de estimação

Como o Broadcast/Estadão mostrou, de acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), órgão do Ministério da Agricultura que coordena o estoque de alimentos no País, a decisão de zerar a alíquota de importação deve ter efeito a partir do próximo mês. A expectativa é reduzir a instabilidade nos preços, que chegaram a subir mais de 100% nos últimos dias.

Aglomeração

Pela manhã, Bolsonaro participou da abertura de uma convenção evangélica na sede nacional das Assembleias de Deus Ministério de Madureira, em Brasília. O evento reuniu cerca de 850 pessoas, segundo informações da organização.

Comentários Facebook

Nacional

Pitbull invade casa de família e ataca cachorro de estimação

Avatar

Publicado


source
cachorro
Reprodução

Pitbull invade casa de família e ataca cachorro de estimação

Um pitbull que invadiu uma casa na Região Central de Ituiutaba, no Triângulo Mineiro, atacou o cachorro de uma família e os bombeiros precisaram ser acionados.

O caso ocorreu na noite de sábado (24). A família contou aos bombeiros que eles estavam reunidos para o jantar, com as crianças e o cachorro de estimação de pequeno, quando o pitbull invadiu a residência e atacou o cachorro da família.

O pitbull foi colocado para fora da casa e família fechou o portão e acionou o Corpo de Bombeiros. Os militares se deslocaram para o local para realizar a captura do cachorro que apresentava comportamento agressivo. Porém, o dono do pitbull já havia recolhido o animal quando as autoridades chegaram.

O cachorro da família teve pequenos ferimentos pelo corpo e os socorristas aconselharam a família a levar o animal no veterinário.

Veja Também  Chuva de granizo danifica plantações em Santa Catarina

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Chuva com granizo deixa São Paulo em estado de atenção; há chance de alagamentos

Avatar

Publicado


source
Mulher andando na chuva com guarda-chuva
Agência Brasil / Marcelo Camargo / Arquivo

Chuvas deixaram toda a capital em estado de atenção

Todas as regiões da cidade de São Paulo entraram em estado de atenção após um forte temporal atingir a capital neste domingo (25). O Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) emitiu alerta para chances de alagamentos às 11h28 deste domingo (25). Moradores relataram granizo na Zona Oeste e no Centro.

Segundo o CGE, por volta das 11h30, as áreas de instabilidade que se formaram sobre a Zona Sul se dirigiam para a Zona Norte, atingindo as demais regiões da capital.

Por volta das 12h10, eram registrados pontos de alagamentos na região do Real Parque, na Zona Sul; na Bela Vista, região Central, no Paraíso, Zona Sul.
No decorrer da tarde o tempo deve seguir instável e há possibilidade de novas pancadas de chuva na Grande São Paulo.

Veja Também  Fortes chuvas em Minas Gerais pedem atenção para rompimento de barragens

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana