conecte-se conosco


Esportes

Chapecoense e Brusque se classificam para final do Catarinense

Publicado

Esportes


.

Chapecoense e Brusque são os finalistas do Campeonato Catarinense, e decidirão o título em duas partidas, com datas e horários que serão anunciados pela Federação Catarinense de Futebol (FCF). O Verdão do Oeste, que alcança a decisão pela quinta temporada seguida, superou o Criciúma nos pênaltis, enquanto o Quadricolor, que retorna à final estadual após 28 anos, deixou para trás o Juventus, de Jaraguá do Sul (SC).

A vaga do Brusque foi a primeira a ser consolidada nesta quarta-feira (5). Com a vantagem de ter ganhado fora de casa por 3 a 2, a equipe conteve a pressão do Juventus, que acertou uma bola no travessão no primeiro tempo, e segurou o empate por 0 a 0.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

Brusque empata e garante vaga na final após 28 anos! Na noite desta quarta-feira (5), o Brusque FC enfrentou o Juventus, às 19h30, no estádio Augusto Bauer, em jogo válido pela semifinal do estadual. O Brusque entrou na partida com a vantagem de avançar para a final com um empate, mas nem por isso abriu mão de buscar o gol. Aos seis minutos, Rodolfo cobrou falta e a bola explodiu na barreira. Aos 23 minutos, Edu cruzou rasteiro para Thiago Alagoano, que não chegou a tempo de finalizar. Em nova falta, aos 28, Zé Mateus cobrou por cima do gol. Aos 32, Edilson recebeu livre na direita, cruzou para Edu, que ajeitou para Thiago Alagoano, que finalizou pra fora. Aos 43, a grande chance do primeiro tempo. Thiago Alagoano, em contra-ataque, finalizou na trave, no rebote, Edu, livre, finalizou por cima do gol. Já no segundo tempo, logo aos nove minutos, Edu finalizou para defesa do goleiro. Na sequência, Marco Antônio cruzou para Edilson, que arrumou para Edu, que finalizou pra fora. Nos 26, Rodolfo cobrou a falta por cima do gol. O Brusque seguiu em busca de aumentar o placar, mas o jogo terminou empatado. Brusque 0x0 Juventus! Após 28 anos, o Brusque está na final do Campeonato Catarinense! Fotos: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Uma publicação compartilhada por Brusque Futebol Clube (@brusqueoficial) em 5 de Ago, 2020 às 5:51 PDT

Enquanto espera a definição de quanto disputará as finais e brigará pelo título que não vem desde 1992, o time quadricolor terá pela frente a Série C do Campeonato Brasileiro. A estreia é neste sábado (8), às 17h (de Brasília), contra o Ypiranga de Erechim (RS), em casa.

Veja Também  Fifa rechaça Mundial de Clubes em 2020 e o projeta no início de 2021

Já em Criciúma, o time da casa precisou de só quatro minutos para devolver o placar do jogo de ida, quando perdeu por 1 a 0 para a Chapecoense. Após cruzamento do atacante Jajá, o volante Foguinho apareceu às costas da zaga e, de carrinho, mandou para o gol.

A vitória do Tigre por 1 a 0 no tempo normal levou a decisão para os pênaltis. O lateral Ezequiel perdeu a primeira cobrança da Chapecoense, mas o goleiro João Ricardo salvou (com o rosto) a batida de Foguinho e o atacante Jean Lucas mandou a bola no travessão. Coube ao atacante Anselmo Ramon o chute que fechou o placar em 4 a 2 para o Verdão.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

FAMÍLIA CHAPE! ?⚽? ⠀ Eu já vi foto pesada, mas essa aqui tá de parabéns! ⠀ ? Márcio Cunha/ACF ⠀ #VamosChape #OrgulhoDeSerChape

Uma publicação compartilhada por Chapecoense (@chapecoensereal) em 5 de Ago, 2020 às 8:06 PDT

Campeã em 2016 e 2017, a Chape ficou com o vice-campeonato nas duas últimas edições do Catarinense. Nesta década, será a sétima final do clube de Chapecó (SC), que volta as atenções para a Série B. A equipe joga neste domingo (9), às 11h (de Brasília), contra o Oeste, em Barueri (SP). O Criciúma estreia na próxima segunda-feira (10) na Série C, diante do Londrina, fora de casa.

Veja Também  Chape encara Náutico nos Aflitos para encostar na liderança da Série B

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook

Esportes

Prefeitura do Rio anuncia futebol com torcida a partir de 4 de outubro

Avatar

Publicado


.

A Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou nesta sexta (18) que os estádios de futebol da cidade poderão voltar a receber torcedores em jogos a partir do dia 4 de outubro.

Em nota, a autoridade municipal informou que “a primeira partida com público será no estádio do Maracanã”. Há um jogo programado para o dia 4 de outubro nesta instalação esportiva, Flamengo e Athletico-PR, válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Além disso, a Prefeitura do Rio informou que, como forma de evitar a transmissão do novo coronavírus (covid-19), serão adotadas algumas medidas. A primeira é que este primeiro jogo será com o estádio tendo a capacidade limitada a um terço de seu total. Também “será obrigatório o uso da máscara de proteção e aferição de temperatura na entrada”. Por fim, “para evitar aglomerações, a venda dos ingressos será pela internet”.
 

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
Veja Também  Renato Portaluppi completa quatro anos como treinador do Grêmio
Continue lendo

Esportes

Tite destaca boa fase de Neymar e versatilidade de convocados

Avatar

Publicado


.

Apesar de o título da Liga dos Campeões  ter escapado do Paris Saint-Germain, da França, o futebol apresentado por Neymar na reta final da competição deixou Tite animado. O técnico da seleção brasileira comemorou a possibilidade de ter o atacante em grande fase técnica e física para o início das Eliminatórias da Copa do Mundo, em outubro, contra Bolívia e Peru.

“O Neymar, nesse grande grande momento, é extremamente importante e diferenciado, sem os problemas clínicos que o afetaram, e dando sequência à plenitude da condição. Estava tentando lembrar da última vez que a gente o teve nessa plenitude”, destacou Tite, em entrevista coletiva nesta sexta-feira (18), transmitida pela CBFTV. “A seleção procura o atleta no melhor momento, para que ele nos transfira o conjunto da obra. Neymar é um líder técnico extraordinário”, completou.

Entre 2018 e 2019, Neymar raramente esteve 100% com a seleção. Uma fratura no quinto metatarso do pé direito, além de uma lesão no tornozelo da mesma perna, atrapalharam o atacante na Copa do Mundo da Rússia. As contusões voltaram a incomodar o camisa 10 no ano passado. Em junho, antes da Copa América, ele voltou a sentir o tornozelo logo no início de um amistoso contra o Catar, em Brasília, e foi cortado da competição.

A expectativa da comissão técnica é que Neymar seja um dos líderes em uma convocação que também reúne caras novas, como o meia Bruno Guimarães, do Lyon (França), o atacante Rodrygo, do Real Madrid (Espanha), e o volante Gabriel Menino, chamado como lateral, mas que também atua como meio-campo pelo Palmeiras.

Veja Também  Tite destaca boa fase de Neymar e versatilidade de convocados

“Ele [Neymar] terminou a Champions jogando com muita qualidade. A gente o espera como um esteio para essa meninada, com liderança técnica, e outros atletas também com liderança de comando, de postura forte, de combatividade”, disse Cleber Xavier, auxiliar de Tite, também na coletiva.

As presenças de Rodrygo e Gabriel Menino, aliás, foram temas recorrentes na entrevista. Sobre ambos, Tite e comissão técnica enalteceram a polivalência dos atletas. Especificamente a respeito do palmeirense ter sido chamado como lateral, e não como volante, o treinador revelou que as coleta de informações não se limitou aos jogos do Verdão na temporada.

“Ele teve formação como lateral, também. Falamos com Ângelo, do sub-15 do Guarani, com o Paulo [Vitor Gomes], da seleção sub-17 e que era da sub-15. Temos as informações das características pessoais e técnicas do atleta, além do acompanhamento in loco em quatro jogos e oito pela TV. É um novo talento surgindo em uma posição importante. Em termos táticos, o Daniel Alves, que joga no meio pelo São Paulo, faz uma função de armação que é a mesma que faz na seleção. O inverso serve para o Menino. Ele trabalha pelo centro, mas sua função ofensiva será de articulador, similar ao Palmeiras”, explicou o técnico.

Já sobre Rodrygo, Cléber Xavier destacou a capacidade do atacante cair pelos dois flancos.

“Ele é um jogador de lado esquerdo, mas também atuou no Santos pela direita. No Real, incorporou esse lado direito. É muito forte no um contra e um e nos traz essa opção para determinados momentos do jogo”, justificou o auxiliar. “Ele abre o campo, para dar espaço de infiltração, e tem naturalidade nos movimentos”, completou Tite.

A seleção brasileira estreia nas eliminatórias no próximo dia 9 de outubro, contra a Bolívia, na Neo Química Arena, em São Paulo (SP). Quatro dias depois, visita o Peru, em Lima. Devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19) e às medidas de segurança sanitária que têm sido adotadas para os jogos, não haverá presença de torcedores.

“Estar perto do torcedor é uma energia inconteste. Fui assistir a um jogo no Maracanã, da cabine. Você olha, não vê público, é estranho. Você quer voltar a trabalhar em um ritmo normal e pensa: ‘não é normal ainda, calma’. As coisas estão voltando aos poucos. Nada substitui o contato humano”, concluiu o técnico brasileiro.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

Veja Também  Prefeitura do Rio anuncia futebol com torcida a partir de 4 de outubro

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana