conecte-se conosco


AMM

Prefeitura de Apiacás entrega novos equipamentos para o Hospital Municipal e Unidades de Saúde

Avatar

Publicado


.

As melhorias no Sistema Público de Saúde do município de APIACÁS não param de ser conquistadas. A Secretaria Municipal de Saúde recebeu nessa semana vários equipamentos hospitalares que deverão ser utilizados nas Unidades de Saúde e Hospital Municipal para proporcionar ainda mais um atendimento de qualidade, além de serem importantes no combate ao Coronavírus. Esses Equipamentos fazem parte de projetos das emendas parlamentares federais do ex-deputado Nilson Leitão e do atual senador Wellington Fagundes.

Para o prefeito municipal, Sr. Adalto Zago, a saúde da população sempre foi uma de suas prioridades. “Sempre fiz questão de buscar recursos para mantermos uma saúde de qualidade para todos e isso mostra o nosso compromisso em termos uma saúde de excelência, pois a população reconhece a mudança no Hospital Municipal e nas Unidades de Saúde, tanto na questão da rapidez e qualidade dos atendimentos quanto na parte física tendo um hospital totalmente reformado e ampliado. E iremos continuar cada vez mais inovando e tentando melhorar, para dar mais comodidade aos profissionais e aos usuários do hospital e unidades de saúde. Quero aqui agradecer de coração a nossa ex-secretária Fabiana Pessoa que realizou um trabalho maravilhoso, agradecer a então secretária Josiane Gonçalves, todos os profissionais da saúde que não medem esforços para cuidar da nossa população. Agradecer de coração o meu grande amigo Nilson Leitão que sempre foi um grande parceiro da nossa cidade”. Afirmou o prefeito.

Os equipamentos adquiridos foram: 03 Detectores Fetais, 01 aparelho Eletrocardiograma, 01 Balança Pediátrica Digital, 10 prateleiras de aço, 04 armários de aço, 05 arquivos, 07 longarinas de Inox com 3 lugares, 03 cadeiras secretária giratória, 03 termômetros infravermelhos e oxímetros de dedo.

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Veja Também  Prefeitura de Colíder inaugura academia ao ar livre na avenida Princesa Isabel

AMM

Brigadistas da Defesa Civil atuam no combate à queimada na Estrada da Guia

Avatar

Publicado


.

A Defesa Civil de Cuiabá está trabalhando no combate à queimada de grandes proporções nas margens da rodovia Helder Cândia (MT-010), que dá acesso ao distrito de Nossa Senhora da Guia. Desde às 10h desta quarta-feira (12), a equipe composta por quatro brigadistas luta contra as chamas, utilizando uma estrutura de um caminhão com tanque de mil litros de água, que é reabastecido no local mais próximo a todo momento, além de cinco assopradores.

O Corpo de Bombeiros e o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também atua no controle das chamas, inclusive utilizando um helicóptero para recolher água da piscina de um condomínio em frente ao incêndio.

Novos assopradores

Os equipamentos foram adquiridos com recursos próprios da Defesa Civil e chegaram na terça-feira (11). No mesmo dia, já foram utilizados em outra queimada de grande proporção também ocorrida na Estrada da Guia, próximo a uma empresa de alimentos. Na ocorrência, os brigadistas passaram a tarde inteira até o início da noite controlando as chamas e contaram com o apoio de uma empresa do bairro Pedra 90, que disponibilizou equipe e caminhão pipa.

De acordo com o diretor da Defesa Civil, José Pedro Ferraz Zanetti, os assopradores são mais eficientes e rápidos, além de facilitarem o trabalho dos brigadistas, que antes usavam abafadores que pesam cerca de 7 quilos. “Imagina o brigadista batendo aquele abafador no chão durante a tarde inteira para apagar o fogo. Chega no final do dia ele está quebrado. Agora com o assoprador não, o assoprador pesa menos de 10 quilos, você dependura no ombro e assopra, é muito melhor”, afirma.

O secretário municipal de Ordem Pública, coronel Leovaldo Sales, destacou o empenho dos brigadistas que “têm conseguido responder aos chamados e atender praticamente toda Cuiabá”. Sales afirma que vai destinar uma caminhonete nova da Secretaria de Ordem Pública (à qual a Defesa Civil está vinculada) para o combate ao fogo e também pede que a população contribua neste período de estiagem e baixa umidade do ar, evitando queimadas, não colocando fogo no lixo, no quintal, não jogando bitucas de cigarro pela janela do carro.

Balanço

Na semana passada, a Defesa Civil de Cuiabá atendeu a 25 chamados de queimadas urbanas, das quais 17 serão alvos de autos de infração, com multas que podem ultrapassar R$ 500 mil. As demais ocorrências não são passíveis de autuação porque se tratam de áreas de preservação ambiental, ou seja, pertencem ao poder público, ou que não tem registro de propriedade.

Nas duas últimas semanas de julho, a Defesa Civil de Cuiabá já havia atendido a 25 ocorrências de queimadas, o que gerou autos de infração que somam mais de R$ 1,3 milhão em multas.

Crime ambiental

O uso do fogo em terreno urbano é crime ambiental em qualquer época do ano, previsto na Lei federal nº 9.605, que estipula como sanções multa e/ou reclusão de 1 a 4 anos. Na zona rural, o período proibitivo este ano vai de julho a setembro. A Lei complementar nº 004/1992 também proíbe as queimadas de vegetação nos terrenos baldios. Mesmo que o dono do terreno não tenha dado início ao fogo, é dele a responsabilidade pelo cuidado do imóvel. A multa começa com R$ 950 e aumenta conforme o tamanho do terreno.

O Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), através do telefone 193, é a principal fonte receptora de denúncias de queimadas, cujas ocorrências são atendidas prioritariamente pelo Corpo de Bombeiros. A Defesa Civil municipal também atua nesses casos e está apta a receber denúncias pelo telefone (65) 3623–9633, em horário comercial, ou pelo e-mail [email protected].

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Veja Também  Brigadistas da Defesa Civil atuam no combate à queimada na Estrada da Guia
Continue lendo

AMM

Prefeitura sorteia moradias da primeira etapa do Residencial Celina Bezerra nesta quinta

Avatar

Publicado


.

A Prefeitura de Rondonópolis, por meio da Secretaria Municipal de Habitação, realiza nesta quinta-feira, às 14h, o sorteio dos candidatos a moradores das primeiras unidades habitacionais do Residencial Celina Bezerra, localizado na região do Grande Conquista. Na ocasião, serão sorteados 560 apartamentos, que integram a primeira etapa do conjunto habitacional.
O sorteio será transmitido on-line através da página oficial da Prefeitura de Rondonópolis no facebook, devido as medidas de isolamento social em combate a pandemia do novo coronavírus. Já o resultado será divulgado no Diário Oficial do Município, o DioRondon.
“Estamos realizando mais uma etapa necessária para fazer a entrega das sonhadas chaves das primeiras unidades habitacionais do Celina Bezerra que estão sendo finalizadas. A Secretaria de Habitação tem trabalhado muito para que tudo seja feito com o máximo de responsabilidade e transparência”, disse a gerente do departamento de Políticas Habitacionais da Secretaria Municipal de Habitação, Adriana Morais.
Participam do sorteio os munícipes que já estavam pré-alocados no Diário Oficial do Município publicado no dia 29 de dezembro de 2016. Serão sorteados 560 titulares e 171 suplentes. A distribuição segue as regras determinadas pelo Ministério das Cidades e está garantida a cota de 3% destinada para idosos e 3% às pessoas com deficiência física.
Adriana ressalta que famílias residentes em áreas de risco ou insalubres, bem como que tenham sido desabrigadas serão dispensadas do processo de seleção, “conforme preceitua o item 3.3 da Portaria n° 412/2015”. Ela comenta ainda que a realização do sorteio segue as recomendações do Ministério Público Federal (MPF).
As unidades habitacionais do Celina Bezerra são financiadas pelo Banco do Brasil, através do programa “Minha Casa, Minha Vida” – Faixa 1, que contemplam famílias com renda de até R$ 1800 por mês. Os apartamentos são de 46,55 metros quadrados. Cada um dispõe de dois dormitórios, sala, cozinha e área de serviços, além de infraestrutura completa.
As unidades do térreo foram todas projetadas para atender as necessidades especiais de idosos e pessoas com deficiência. No total são aproximadamente R$ 120 milhões investidos na construção do residencial, que é o maior conjunto habitacional previsto para Rondonópolis.
Equipamentos sociais
Além de solucionar o impasse para viabilizar a retomada e a conclusão das obras do Celina Bezerra junto à instituição financiadora, a Prefeitura de Rondonópolis, dentro do seu projeto de levar cidadania, também viabilizou a construção de equipamento sociais, como uma escola de educação infantil, uma creche e uma quadra poliesportiva para atender os moradores do futuro residencial e de bairros da região.

Link da lista de participantes do sorteio: 

PDF: Lista de participantes Residencial Celina Bezerra.pdf

Fonte: AMM

Comentários Facebook
Veja Também  Prefeitura de Colíder inaugura academia ao ar livre na avenida Princesa Isabel
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana