conecte-se conosco


Saúde

47% da população têm muito medo da Covid-19, diz Datafolha

Avatar

Publicado


source

Quase metade dos brasileiros (47%) tem muito medo de contrair o novo coronavírus (Sars-coV-2). Ao mesmo tempo,  apenas 12% afirmam estar totalmente isolados. As informações são da pesquisa Datafolha, do jornal Folha de S. Paulo .

Nas ruas do Rio de Janeiro%2C pessoas se protegem contra o novo coronavírus
Tânia Rêgo/Agência Brasil

Nas ruas pesoas se protegem contra o novo coronavírus

Realizada nos dias 23 e 24 de junho, com 2.016 pessoas, a margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais. Devido à Covid-19 , o levantamento foi realizado por telefone.

Medo de ser infectado 

O instituto idagou ao entrevistado sobre o medo de ser infectado, e a maioria afirmou ter muito medo (47%). Segundo a pesquisa, a proporção de pessoas que relatam ter muito medo é maior entre mais pobres (51% contra 36% entre os mais ricos), mulheres (53% contra 41% dos homens), e moradores da região Nordeste (52%). 

Isolamento social

Levantamento questionou sobre o comportamento em relação à orientação de se manter em isolamento. Apesar do medo de ser infectado, apenas 12% estão em isolamento total. 34% toma cuidado, mas continua as atividades e 3% vive normalmente, sem mudar a rotina. 

Preocupação

O Datafolha também perguntou ao entrevistado se ele está ou não preocupado com a pandemia da Covid-19 . A maioria acha que a população está menos preocupada do que deveria, totalizando 58%.

Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook

Saúde

Ministério da Saúde fala sobre distribuição de insumos contra covid-19

Avatar

Publicado


.

O Ministério da Saúde apresenta neste momento o balanço das ações de distribuição de equipamentos, insumos e medicamentos para o combate à covid-19 em escala nacional. A reunião acontece na sede do ministério, em Brasília. 

Assista ao vivo:

Equipe técnica do Ministério da Saúde apresenta balanço de distribuição de equipamentos, insumos e medicamentos dados para o combate à Covid-19. Acompanhe:

Posted by Agência Brasil on Thursday, July 9, 2020

Recorde de máscaras

Nesta terça-feira (7), o governo anunciou que recebeu um lote recorde de máscaras, transportadas da China para o Brasil pela companhia aérea Latam. Foram 11,8 milhões de unidades em apenas um dos mais de 40 voos programados para transporte de material médico-sanitário.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Fundação Pró-Sangue faz apelo à população para doação voluntária

Avatar

Publicado


.

Com uma queda histórica em doações de sangue durante o período da pandemia do novo coronavírus no país, a Fundação Pró-Sangue fez um apelo hoje (9) por doadores. Segundo Alfredo Mendroni Junior, diretor-técnico científico da Fundação Pró-Sangue, a queda no número de doadores de sangue nesse período foi de 50%, a maior já vivenciada pela fundação.

“Os estoques  costumam ser menores durante as festas de final de ano e em janeiro, mês de férias. Mas mesmo nesses períodos, a queda em geral era de no máximo 20%. Já tivemos quedas em outros momentos, mas nunca foi tão duradoura”, disse.

A Fundação Pró-Sangue, explicou, costuma coletar 10 mil bolsas de sangue por mês, que atende a rede pública da região metropolitana de São Paulo. “Uma redução de 50% de doadores significa uma queda de bolsas de sangue suficientes para causar um impacto muito significativo no atendimento do dia a dia dos nossos pacientes”, falou ele. “Os pacientes com doenças crônicas que necessitam de transfusões continuam sendo atendidos nas redes pública e privadas de saúde e são esses os pacientes que sofreram o maior impacto da nossa diminuição dos estoques de sangue”, acrescentou.

De acordo com o diretor técnico da fundação, as pessoas aptas a doar não precisam temer contaminação por coronavírus. “Qual é o grande motivo que enxergamos para as pessoas terem deixado de doar? Provavelmente o medo de sair de casa, o medo de se contaminar, especialmente porque a maior parte dos postos de doação estão inseridos dentro do ambiente hospitalar. Mas o que quero dizer para essas pessoas é que criamos todos os mecanismos de segurança para evitar qualquer tipo de contágio por esse doador. O fluxo de entrada é completamente independente do fluxo dos pacientes. Os doadores hoje marcam horário, agendam seu horário no melhor dia e hora e isto faz com que não haja aglomeração. E ofertamos todos os mecanismos de segurança para que o doador possa doar e se sentir seguro”, explicou.

Para ser doador de sangue, a pessoa precisa estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, ter mais de 50 quilos, estar descansado [ter dormido no mínimo por seis horas nas últimas 24 horas] e alimentado [evitando alimentos gordurosos]. Para doar, basta fazer o agendamento por meio do site e comparecer ao local de coleta com um documento de identidade. Os requisitos necessários podem ser consultados por meio do site.

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana