conecte-se conosco


Destaque

Em Mato Grosso, mais de 880 mil sacam auxílio emergencial de R$ 600

Publicado

Destaque

Cerca de 24% da população do Estado necessitou de ajuda do Governo Federal durante crise da pandemia.

Quase um milhão de pessoas já receberam o Auxilio Emergencial de R$ 600 do Governo Federal, em Mato Grosso. De acordo com os dados, em números exatos no Estado, 887.639 mil pessoas já recorreram ao benefício criado por conta da crise econômica provocada pelo coronavírus. O montante representa 24% dos 3 milhões de habitantes do território mato-grossense.

Em Cuiabá, já foram 155 mil beneficiados, o que representa 25% dos 612 mil moradores da capital. Em Várzea Grande, 74 mil pessoas já realizaram o saque do dinheiro. O montante representa 26% dos 284 mil moradores da 2ª maior cidade do Estado.

Já em outras cidades polos de Mato Grosso, os gráficos confirmam que mais de 5 mil pessoas já se beneficiaram. São os casos de Sinop, com 38 mil (26% da população), Sorriso, com 19 mil (21% da população),  Lucas do Rio Verde, 15 mil (22% da população), Nova Mutum, com 9 mil (21% da população), Alta Floresta, com 12 mil (24% da população), Barra do Garças, com 20 mil (32% da população).

Veja Também  Manhã de sábado tem manifestações contra Bolsonaro em diversas capitais

No Brasil, em 42 cidades o auxílio emergencial já foi pago a mais da metade da população. No ranking estadual, MT ocupa o 18º lugar do percentual da população que já recebeu a ajuda federal. Na liderança está o Piauí, com 35,5% de seus habitantes beneficiados.

A população para cada cidade é uma estimativa baseada no último Censo, realizado há dez anos. Sendo assim, há disparidades entre os dados e a realidade. Como o número calculado pelo IBGE é utilizado para o repasse de dinheiro federal para municípios, governos locais estão entrando na justiça para a projeção ser alterada. Há 19 situações dessa, sendo uma delas em Porto Velho, capital de Rondônia.

AUXILIO EMERGENCIAL  

A ajuda financeira começou a ser paga no dia 7 de abril aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, e tem por objetivo fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do Coronavírus – COVID 19.

O benefício no valor de R$ 600,00 será pago por três meses, para até duas pessoas da mesma família.

Veja Também  Idoso com várias passagens criminais é preso pela Polícia Civil por tráfico de drogas

Para as famílias em que a mulher seja a única responsável pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$1.200,00.

IBGE

IBGE

Comentários Facebook

Destaque

Idoso com várias passagens criminais é preso pela Polícia Civil por tráfico de drogas

Publicado

 

Um idoso envolvido com o comércio de entorpecente foi preso pela Polícia Civil, no domingo (20.06), no município de Juara (709 km a médio norte de Cuiabá). O aposentado de 68 anos foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

A Delegacia de Juara recebeu informações sobre uma pessoa que estava vendendo substâncias ilícitas na região do bairro Jardim Continental. Durante investigação para apurar os fatos, foi identificado que o suspeito era o idoso e fazia uso de tornozeleira eletrônica.

Na casa do investigado foram localizados vários materiais utilizados para o tráfico, além de porções de pasta base de cocaína em forma de pedra, R$ 6,5 mil em dinheiro, dois cheques no valor de R$ 300 cada, uma balança de precisão, quatro celulares e um relógio de cor dourado da marca Século.

Diante do flagrante o idoso foi detido e levado até a Delegacia de Juara, onde na checagem foi verificado que o conduzido possui passagens criminais por associação para

Veja Também  Servidora do TJ e professora morrem vítima de coronavírus

o tráfico de drogas e lesão corporal.

No interrogatório o aposentado assumiu que vendia entorpecentes para complementar a renda, bem como mantinha dois pontos de venda ilícita na cidade de Juara.

O suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Novo confronto entre Bope e ladrões de banco, e tem dois mortos e parte de dinheiro recuperado

Publicado

Um novo confronto entre agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Força Tática e assaltantes de banco, nesta segunda-feira (21), em Nova Bandeirantes (MT), deixou dois mortos. De acordo com o Bope, os ladrões estavam na mata e reagiram. O roubo de duas agências, com reféns, aconteceu no dia 4 deste mês.
Com eles, a polícia encontrou R$ 43.510 em espécie, que tinham sido levados das agências. O dinheiro foi recuperado.


As buscas pelos criminosos já dura mais de duas semanas. A estimativa é de que cerca de 20 pessoas participaram do assalto e fizeram mais de 30 pessoas reféns. Os criminosos estavam armados e usavam roupas camufladas.

No dia 10, houve o primeiro confronto durante as buscas e quatro suspeitos do assalto a duas agências bancárias, em Nova Bandeirantes (MT), morreram em confronto com a polícia. Na ocasião, mais de R$ 100 mil também foram recuperados.

A perícia apontou que os mortos no primeiro confronto são: Maciel Gomes de Oliveira, de 37 anos, Luiz Miguel Melek, de 40 anos, Romário Batista de Oliveiram de 35 anos, e Waldeir Porto Costa, de 28 anos.

Comentários Facebook
Veja Também  Pai de prefeito Zé Carlos do Pátio morre com Covid-19 após 5 dias internado em Rondonópolis
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana