conecte-se conosco


Destaque

Estelionatário aplica golpe em VG e ainda esnoba da vítima em áudio no whatsapp

Publicado

Destaque

Uma jovem moradora de Várzea Grande, procurou a equipe do Site Lapada, desesperada na manhã desta terça feira (16), para informar que tinha caído em golpe, após anunciar em um site de compras e vendas, (OLX), um celular Iphone 8, no valor de R$ 1.600. O golpista entrou em contato com a vítima se apresentando como proprietário de um salão de beleza no Shopping Goiabeiras na Capital, e que tinha interesse no produto.

A jovem pesquisou e viu que realmente o salão existe no local indicado, mas só depois veio a saber que ele usava o nome do estabelecimento para aplicar golpes.  Marcaram de se encontrarem no mesmo Shopping, onde ele dizia ser proprietário do salão de beleza,  para fazerem o negócio.

Segundo a vitima, o golpista chegou em um Voyage vermelho, com placas OBC 0918 de Cuiabá, e simulou ter feito a transferência, momento esse, em que o golpe estava sendo aplicado.

OUÇA  O ÁUDIO

 

O golpista ainda permitiu que a jovem tirasse uma foto dele, dizendo que ela poderia ficar despreocupada que ele era uma pessoa de índole.

Veja Também  Várzea Grande confirma que instalará radares e comprará "semáforos inteligentes"

Após saber que tinha caído em um golpe, a vítima entrou em contato com o estelionatário, que em tom de deboche, gravado em áudio por meio do aplicativo whatsapp, disse para ela ‘aceitar”, “erguer a cabeça” e “sair com classe”, e disse ainda para ela “correr atrás” , e que o veiculo que ele estava não era dele e sim de aplicativo de transportes.

A vítima ficou  transtornada após o ocorrido, pois estava vendendo seu aparelho de celular por necessidades financeiras para ajudar sua família nas despesas da casa, nesse momento de pandemia.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado, e a Policia Civil passa a investigar o caso.

 

 

 

 

Comentários Facebook

Destaque

Idoso com várias passagens criminais é preso pela Polícia Civil por tráfico de drogas

Publicado

 

Um idoso envolvido com o comércio de entorpecente foi preso pela Polícia Civil, no domingo (20.06), no município de Juara (709 km a médio norte de Cuiabá). O aposentado de 68 anos foi preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas.

A Delegacia de Juara recebeu informações sobre uma pessoa que estava vendendo substâncias ilícitas na região do bairro Jardim Continental. Durante investigação para apurar os fatos, foi identificado que o suspeito era o idoso e fazia uso de tornozeleira eletrônica.

Na casa do investigado foram localizados vários materiais utilizados para o tráfico, além de porções de pasta base de cocaína em forma de pedra, R$ 6,5 mil em dinheiro, dois cheques no valor de R$ 300 cada, uma balança de precisão, quatro celulares e um relógio de cor dourado da marca Século.

Diante do flagrante o idoso foi detido e levado até a Delegacia de Juara, onde na checagem foi verificado que o conduzido possui passagens criminais por associação para

Veja Também  Botelho destina emenda para construção de piscina para projeto social

o tráfico de drogas e lesão corporal.

No interrogatório o aposentado assumiu que vendia entorpecentes para complementar a renda, bem como mantinha dois pontos de venda ilícita na cidade de Juara.

O suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Novo confronto entre Bope e ladrões de banco, e tem dois mortos e parte de dinheiro recuperado

Publicado

Um novo confronto entre agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Força Tática e assaltantes de banco, nesta segunda-feira (21), em Nova Bandeirantes (MT), deixou dois mortos. De acordo com o Bope, os ladrões estavam na mata e reagiram. O roubo de duas agências, com reféns, aconteceu no dia 4 deste mês.
Com eles, a polícia encontrou R$ 43.510 em espécie, que tinham sido levados das agências. O dinheiro foi recuperado.


As buscas pelos criminosos já dura mais de duas semanas. A estimativa é de que cerca de 20 pessoas participaram do assalto e fizeram mais de 30 pessoas reféns. Os criminosos estavam armados e usavam roupas camufladas.

No dia 10, houve o primeiro confronto durante as buscas e quatro suspeitos do assalto a duas agências bancárias, em Nova Bandeirantes (MT), morreram em confronto com a polícia. Na ocasião, mais de R$ 100 mil também foram recuperados.

A perícia apontou que os mortos no primeiro confronto são: Maciel Gomes de Oliveira, de 37 anos, Luiz Miguel Melek, de 40 anos, Romário Batista de Oliveiram de 35 anos, e Waldeir Porto Costa, de 28 anos.

Comentários Facebook
Veja Também  Carretas batem de frente na BR 163, entre Diamantino e Mutum e dois motoristas morrem carbonizados
Continue lendo

Policial

Política

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana