conecte-se conosco


Nacional

Covid-19: Mortes sobem para 21 mil no Brasil; casos passam de 330 mil

Avatar

Publicado


source
Idoso tendo a pressão aferida por enfermeira
GlobalStock/GettyImages/CreativeCommons

Idosos estão no grupo de risco da Covid-19

O Ministério da Saúde  atualizou os dados sobre a pandemia da  Covid-19  no Brasil nesta sexta-feira (22). Agora, segundo a pasta, subiu para 21.048 o número de mortes pela doença, sendo 1.001 novos registros. Desses 1.001 óbitos, 293 foram nos últimos três dias. A alta corresponde a um crescimento de 5 %.

Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, os novos casos confirmados de contaminação pelo  novo coronavírus  (Sars-CoV-2) no Brasil são 20.803, totalizando 330.890. O aumento foi de 6,7%. Já a taxa de letalidade passou de 6,5% para 6,4%.

No levantamento da pasta desta quinta, o número de óbitos passou de 20 mil com 1.188 novos registros. Já a quantidade de pessoas com a Covid-19 saltou para mais de 310 mil .

São Paulo continua sendo o estado que tem mais mortes, com 5.773 das 21.048 ocorrências. A letalidade é de 7,5% no estado. Em segundo lugar vem o Rio de Janeiro, com 3.657 mortes e letalidade de 10,9%.

Tabela de mortes e casos confirmados de Covid-19 no Brasil
Divulgação/Ministério da Saúde

Tabela de mortes e casos confirmados de Covid-19 no Brasil

No quadro de casos confirmados, São Paulo também lidera a lista. O estado tem 76.871 pessoas infectadas pelo coronavírus. Em segundo lugar vem o Ceará, com 34.573 vítimas de contaminação, sendo seguido por Rio de Janeiro (33.589), Amazonas (27.038) e Pernambuco (25.760).

O estado menos afetado do Brasil é o Mato Grosso do Sul, que tem 17 mortes e o registro de 805 casos confirmados de contaminações pelo novo coronavírus desde o início da pandemia.

Leia também: Organizações evangélicas defendem ciência e pedem saída de Bolsonaro

Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, 174.412 pacientes com Covid-19 estão em acompanhamento, 135.430 estão recuperados e 3.552 óbitos ainda estão em investigação.

Um documento divulgado nesta sexta-feira (22) pelo  Imperial College diz que a Covid-19 está fora de controle no Brasil.

De acordo com a instituição, a taxa de contágio (Rt) da Covid-19, que indica para quantas pessoas em média cada infectado transmite a doença, hoje é de 1,3. Na ciência, quando esse número está acima de 1 significa que a doença está fora de controle, enquanto números inferiores a 1 indicam que há queda no número de casos.

Comentários Facebook

Nacional

Bahia inicia nesta segunda semana de feriadão para garantir isolamento social

Avatar

Publicado


source
salvador
Divulgação

Salvador, Elevador Lacerda


Inicia nesta segunda-feira (25) um feriadão em em 9 cidades da Bahia, com o intuito de diminuir a circulação de pessoas durante os 5 dias de feriado que foram atecipados. A medida foi anunciada pelo governador Rui Costa (PT) na última sexta-feira (22).

Dentre as cidades que anteciparam os feriados estão Salvador, Feira de Santana, Itabuna, Ilhéus, Jequié, Lauro de Freitas, Candeias, Ipiaú e Camaçari. A decisão foi anunciada durante videoconferência com políticos municipais.

Leia também: Rio: metade dos moradores das favelas já perdeu alguém próximo para a Covid-19

A medida segue a tentativa do estado de São Paulo, que antecipou um feriado  para está segunda-feira. A capital do estado está desde quarta-feira da semana passada em recesso e ponto facultativo. Porém, a atencipação não surtiu o efeito desejado, a cidade de São Paulo não atingiu a marca de 55% de isolamento social, o minímo necessário para garantir que o vírus não seja transmitido.

Na Bahia, foram antecipados os feriados estaduais de São João (24/06) e da Independência da Bahia (02/07), respectivamente, para está segunda e terça-feira. Salvador antecipa para a próxima quarta-feira um feriado comemorado em 8 de dezembro, o de Nossa Senhora da Conceição da Praia, padroeira da cidade.

Leia também: Aumenta rejeição a Bolsonaro após divulgação de vídeo de reunião, diz estudo

A quinta-feira e a sexta-feira terão decretos do governo do estado e da prefeitura de Salvador, com a determinação de suspensão obrigatória dos serviços não essenciais. Fica permitido o funcionamento de agênciais bancárias, farmácias, supermercados e outros serviços relacionados a saúde. Ao fim deste período Salvador terá tido 5 dias de paralisação na cidade. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Nacional

Fechada, churrascaria assa carne para clientes na calçada em SP

Avatar

Publicado


source

Desde a madrugada do último domingo (24), cerca de 80 quilos de costela permaneceram rodeadas de fogo, na calçada de uma churrascaria, chamando a atenção de pedestres e motoristas que passaram pela avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, na Vila Prudente, na zona leste da capital paulista.

Leia também: Brasil registra maior número de mortes por Covid-19 no mundo em 24 horas

carne assando do lado de fora da churrascaria
Divulgação

carne assando do lado de fora da churrascaria

A intenção de fazer o churrasco ao ar livre, segundo o jornal Agora , foi do empresário Nathan Eduardo Marcon, que decidiu reproduzir na calçada de seu estabelecimento, fechado para clientes em razão Covid-19 , o tradicional costelão de fogo de chão, popular maneira de se assar carne no sul do país.

Leia também: Covid-19: Anticorpos de cavalos pode começar a ser usado em 3 meses

Em decorrência da pandemia da pandemia do novo coronavírus (Sars-coV-2), funcionários que preparavam a carne usavam máscaras e ficaram distanciados do público por uma faixa de contenção. Clientes só foram ao local, de carro, para pegar suas porções de carne e voltar para casa.

Natural de São Miguel do Oeste (SC), a 650 km de Florianópolis, Marcon afirmou que no último domingo (24) organizou pela primeira vez o costelão de chão, em quase um ano de funcionamento da churrascaria Nativas.

“Posso afirmar que aumentou em 50% a procura por costela neste domingo, em relação a fins de semana anteriores”, garantiu o empresário ao veículo. Ele acrescentou ainda que, desde o início da quarentena, o movimento em seu comércio caiu mais de 90%.

Leia também: São Paulo tem 272 mortes por Covid-19 em um dia e total de óbitos passa de 6 mil

Apesar de ter levado cerca de 11 horas para assar, em pouco mais de duas horas, todos os 80 quilos da carne foram vendidos. “Não deu nem para o cheio”, comemorou o empresário, que mesmo em tempo de Covid-19 repetirá tudo no próximo domingo. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana