conecte-se conosco


Destaque 2

Marfrig emite nota e confirma 14 casos de coronavírus em colaboradores de VG

Avatar

Publicado

A empresa foi notificada de 14 casos que já se encontravam afastados preventivamente e nesses últimos três dias, a unidade teve uma desinfecção completa.

O site lapada publicou matéria neste domingo 17/5 sobre os casos de coronavírus em colaboradores da empresa Marfrig e Atacadista Assai, em Várzea Grande. Matéria de muita repercussão em Mato Grosso.

Dez funcionários da Marfrig e cinco do Atacadista Assai, em Várzea Grande, estão com coronavírus

Hoje a empresa Marfrig entrou em contato com nosso site e confirmou 14 casos, e que  ja tomou toadas as providências, veja a baixo a nota da empresa encaminhada para o site.

A Marfrig foi notificada sobre o teste positivo do total de 14 colaboradores da unidade de Várzea Grande, no Mato Grosso. Imediatamente, a companhia adotou todos os procedimentos estipulados em seu plano de contingência: realizou o inquérito epidemiológico e prontamente afastou de maneira preventiva todos os contactantes diretos e indiretos que estão em isolamento domiciliar. Adicionalmente a Marfrig está seguindo todas as determinações da vigilância epidemiológica do município que, na quinta-feira passada, dia 14 de maio, fez uma visita a planta e, após análise, aprovou todas as ações feitas e o plano de contingência para a unidade.

A companhia adotou diversas medidas para a prevenção da doença em suas unidades, entre as quais, a aferição da temperatura de todos os colaboradores na entrada da empresa, o aumento do intervalo entre operações, a diminuição do fluxo no refeitório com diferentes intervalos para as refeições, o afastamento dos colaboradores com sintomas de gripe, grávidas, portadores de doenças crônicas e acima de 60 anos. Reforçou ainda a equipe médica para intensificar o monitoramento dos casos, fortaleceu o uso de EPIs e a comunicação quanto as medidas de prevenção e uso correto das máscaras dentro da indústria. Como mais uma maneira de fortalecer as medidas preventivas a companhia realizou a desinfecção total da unidade e todos os colaboradores estão sendo vacinados contra H1N1.

O site lapada também conversou com assessoria do Assai e está aguardando nota, reiteramos o compromisso das informações postadas em nosso site.

Comentários Facebook

Destaque 2

Neste momento prefeituras, Judiciário e Governo do Estado reunidos no fórum de Várzea Grande

Avatar

Publicado

Esta reunião está acontecendo para decidirem os municípios sobre decreto único, para as duas cidades. #serginholapada

A prefeita Lucimar Campos, prefeito Emamuel Ponheiro, representantes da AMM e Governo do estado estão em reunião com juiz Lindote no fórum de Várzea Grande.

 A possibilidade de um Lockdown nas duas cidades tem dividido muito as opiniões dos munícipes. O prefeito Emanuel Pinheiro disse antes de entrar para reunião, que vai avaliar o toque de recolher antes de pensar em Lockdown.

MAIS INFORMAÇÕES EM INSTANTES

URGENTE Neste momento prefeituras, Judiciário e Governo do Estado reunidos no fórom de Várzea Grande, para decidirem novo decreto.

Posted by Lapada Lapada on Friday, June 19, 2020

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque 2

Auxílio de R$ 9 mil para enterro de vítimas da Covid-19 é criado em cidade de MT

Avatar

Publicado

As famílias que tenham renda abaixo de nove salários mínimos, podendo ser comprovados com holerites ou documentos que mostrem a renda mensal recebida.

O Município,  criou um auxílio funeral de R$ 9 mil para custear o enterro das vítimas da Covid-19 que moravam no município. A nova lei foi sancionada pelo prefeito de Campos de Júlio José Odil da Silva (PP) na quarta-feira (17).

Com a nova lei, as despesas com o funeral e translado dos corpos das vítimas para Campos de Júlio ficam sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Assistência Social.

No entanto, o auxílio deve cobrir apenas novos custos. Caso a família já tenho pago algum procedimento, o valor não será ressarcido, segundo a prefeitura.

O auxílio é válido para as famílias que tenham renda abaixo de nove salários mínimos, podendo ser comprovados com holerites ou documentos que mostrem a renda mensal recebida.

De acordo com a prefeitura, a cobertura das despesas será concedida exclusivamente para pessoas que moravam no município há pelo menos seis meses.

Para que o corpo seja transladado para o município, deve ser providenciado o acondicionamento em dois sacos impermeáveis, a desinfecção da parte externa do saco, o uso de câmara mortuária lacrada e profissionais com equipamento de proteção individual.

Até essa quinta-feira (18), Campos de Júlio registrava duas mortes e quase 50 casos confirmados da Covid-19, conforme boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana