conecte-se conosco


Cuiabá

Sem banho e tosa: decreto regulamenta funcionamento de pet shops

Avatar

Publicado


.

Sem banho e tosa, os pet shops da capital de Mato Grosso podem funcionar durante o período de isolamento social apenas para venda de medicamentos e demais produtos. A nova regra estabelecida pelo prefeito Emanuel Pinheiro está no decreto nº 7.850, publicado no Diário Oficial de Contas de Mato Grosso em 23 de março de 2020.

De acordo com Art. 12, §2°, inciso XX, “pet shops, que prestam serviços veterinários e/ou revendam medicamentos veterinários ou produtos saneantes domissanitários”, podem manter seu funcionamento, sem oferecer os serviços de banho e tosa de animais, visto que não configuram como serviços veterinários e respeitando as medidas de controle de acesso e limitação de público nas áreas internas e externas, resguardando a distância mínima de dois metros entre as pessoas.

Para fiscalizar o cumprimento das medidas, a Prefeitura de Cuiabá conta com equipe técnica de fiscais do Município das Secretarias de Meio Ambiente, Mobilidade Urbana e Ordem Pública. As denúncias de estabelecimentos que cometam infrações podem ser feitas pelo telefone o (65) 3616-9614.

“A equipe de fiscais da Secretaria de Meio Ambiente está mobilizada para contribuir neste período de isolamento social, fiscalizando e fazendo cumprir a determinação do prefeito Emanuel Pinheiro, sempre com objetivo de manter o bem-estar da população de Cuiabá”, declarou o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano, Juares Samaniego.

Conforme a publicação, a permissão também foi estendida para o transporte de cargas; produção, distribuição, comercialização e entrega; borracharias e oficinas; empresas de construção civil; agropecuárias; serviços de call center; correios; comércio estabelecido de produtos naturais; lojas de cosméticos, perfumaria e higiene pessoal.

Além disso, as fábricas e lojas de bolos caseiros e panificado também foram abrangidas, porém com a proibição do consumo dentro dos estabelecimentos. No caso de templos religiosos de qualquer crença, o novo decreto estabelece que poderão manter suas portas abertas simbolicamente. Dessa foram, está vedada a celebração de cultos, missas e rituais com a presença de público dentro dos templos. 

Em obediência a decisão judicial, o decreto nº 7.850 também mantém 1/3 da frota de ônibus do Transporte Coletivo Municipal, durante o período de 23 de março a 5 de abril. Para isso, veículos deverão passar por esterilização diária, circular com capacidade máxima de passageiros limitada a 50% da capacidade total, e disponibilizar álcool gel para os usuários. 

Apesar da ampliação de estabelecimentos que podem funcionar neste período de isolamento social, o prefeito de Emanuel Pinheiro faz um apelo à população de Cuiabá para se manter em casa e só circular pela cidade e/ou se dirigir aos estabelecimentos abertos em casos de extrema necessidade.

“Estamos tomando todas essas decisões para manter a saúde e segurança da população, para minimizar as consequências do Coronavírus na nossa Cuiabá. Por isso, é preciso que todos colaborem e sigam as novas medidas e também sigam as recomendações de higiene pessoal das organizações de saúde”, finalizou Pinheiro.

Comentários Facebook

Cuiabá

Prefeito delibera plano de contingência para fase de mitigação do Coronavírus em Cuiabá

Avatar

Publicado


.

O Prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro convocou toda a equipe gestora da Secretaria Municipal de Saúde, Vigilância Epidemiológica e do ‘Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus’ para definir novas estratégias de contenção e combate à doença. A reunião que aconteceu durante toda manhã deste sábado (28) 

teve como principal objetivo a elaboração de novos fluxos e métodos que sejam ainda mais eficazes frente à fase de Mitigação do Novo Coronavírus – que é o período em que a doença poderá se propagar mais rapidamente e contaminar um número maior de pessoas. 

“Em pleno sábado estamos aqui com todas as forças focadas na sequência do trabalho rigoroso e criterioso que estamos fazendo contra a Covid -19. Nessas próximas semanas estaremos vivendo a fase de Mitigação do Coronavírus e para evitar colapsos nos hospitais e demais unidades de Saúde determinei e estamos aqui deliberando sobre  a construção de um plano de contingência que será usado para achatarmos a curva de contágio do vírus protegendo ao máximo nossa população”, explicou o prefeito.

As medidas e estratégias que estão sendo usadas por Pinheiro seguem as orientações da Organização Mundial de Saúde – OMS, Ministério da Saúde e o modelo adotado pelo mundo inteiro para tentar frear o Coronavírus que consistem em três fases: A Contenção – adotadas no início de uma epidemia para evitar o contágio do resto da população onde os principais atos são o rastreamento, por meio de testes e isolamento social. 

A Mitigação – onde já não será possível evitar todos os contágios. Sendo necessárias medidas de intensificação de isolamento social para evitar colapsos nas redes de Saúde. E a Supressão – forma mais radical que  busca romper as cadeias de transmissão do vírus, com o distanciamento social de toda população, como fez a China.Conforme Pinheiro, seguir esses critérios técnicos preventivos serão cruciais para que Cuiabá não sofra com contaminações desenfreadas. 

“A Covid -19 está fazendo vítimas pelo mundo todo. Por isso já tomei uma série de medidas para não propagá-la em Cuiabá e as intensificaremos nos próximos dias. E agora, frente à fase de Mitigação estamos redesenhando o pacote de ações, discutindo as medidas com muito critério respeitando as definições da OMS  e demais órgãos. Tudo isso, exatamente para estabelecermos na nossa rede de enfrentamento a nova forma que Cuiabá vai agir no atendimento e na assistência à população que esteja  infectada pelo novo Coronavíru com um único foco, preservar e proteger a Saúde e a vida da população cuiabana”, finalizou ressaltando que as medidas definidas devem ser concluídas e comunicadas no início da próxima semana.

Medidas

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Cuiabá

Prefeito acompanha primeira ação de higienização e desinfecção de locais públicos em combate ao novo Coronavírus

Avatar

Publicado


.

A Prefeitura de Cuiabá iniciou na manhã deste sábado (28), uma grande operação de higienização especial em diversos espaços públicos. O trabalho, que começou na Praça Maria Taquara, foi acompanhado pelo prefeito Emanuel Pinheiro e o secretário José Roberto Stopa, titular da Secretaria de Serviços Urbanos, Pasta que vai coordenar a esterilização das áreas de grande circulação de pessoas, utilizando pulverizadores e solução com cloro para ajudar no combate ao novo Coronavírus (Covid-19). 

“Estamos estendendo o programa Cidade Limpa com essa higienização dos principais pontos da cidade, por conta da pandemia do novo Coronavírus. As estações, apesar de estarem fechadas, também serão higienizadas. Os principais parques e todas as unidades de saúde, as unidades básicas, as secundárias UPAS e Policlínicas e as terciárias São Benedito, HMC e antigo Pronto-Socorro. Enquanto houver necessidade técnica, enquanto nós não ganharmos essa luta contra o novo Coronavírus nós vamos manter a higienização dos principais pontos da cidade”, pontuou o prefeito Emanuel Pinheiro.

Conforme o cronograma montado pela Secretaria, a medida será realizada de forma diária em locais diferentes. Para garantir a eficiência, a operação tem como prioridade o atendimento de espaços por onde fluxo de pessoas é maior. 

Sendo assim, serão alcançados pelo trabalho pontos de ônibus, as estações de embarque e desembarque de passageiros, praças públicas (principalmente as localizadas no Centro Histórico de Cuiabá), unidades de saúde, parques, escolas e outras estruturas públicas que recebem a população. 

“A partir de hoje nós começamos a contribuir, de forma mais incisiva, ao combate do vírus por meio dos nossos trabalhadores e as bombas motorizadas com objetivo de, principalmente em pontos de ônibus, banco de praça, unidades de saúde, borrifando para trazer o mínimo de segurança e tranquilidade para a população nesse momento de pandemia”, explicou o secretário de Serviços Urbanos, José Roberto Stopa.

A ação conta com seis borrifadores e o empenho de duas equipes de operadores de limpeza pública. Para assegurar a proteção dos trabalhadores, o Município fornecerá Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para todos os envolvidos na operação. Dessa forma, os servidores terão à disposição macacão, botas, luvas e mascará. 

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana