conecte-se conosco


Meu Pet

Dono e seu cão compartilham rotina de exercícios durante a quarentena

Avatar

Publicado


source

A maior parte das pessoas já está ficando entediada de quarentena em suas casas. Algumas delas buscam adaptar suas atividades da maneira que podem, como é o caso do italiano Silvio Siamo, que ajustou sua rotina de exercícios  com a companhia de Sparky, seu cão da raça bull terrier.

Homem beijando focinho de cão da raça bull terrier arrow-options
Reprodução/ Instagram

Sparky arranjou uma forma de se incluir nos treinos do dono

Silvio contou ao portal The Dodo que antes da quarentena o cão era extremamente preguiçoso e não gostava nem de sair para passear. Após o dono precisar realizar sua rotina de exercícios em casa, o cão deu seu “jeitinho” de acompanhar ele. “Para Sparky se exercitar junto é algo divertido. Geralmente ele fica perto de mim onde consegue receber beijos durante nosso treino”, contou Silvio.

Leia mais: De quarentena, homem manda cão comprar pacote de salgadinho; veja fotos

Em vídeo postado no Instagram de Silvio, é possível ver Sparky se posicionando estratégicamente embaixo do dono, e assim que o mesmo realiza as flexões, o cão recebe um beijinho. “Sparky está nos ajudando a passar os dias em quarentena com serenidade”, finalizou Silvio.

Leia mais: Jovem em quarentena usa drone para levar cachorro para passear



Fonte: IG PET

Comentários Facebook

Meu Pet

Jovem salva animais deixados para trás na quarentena em Wuhan

Avatar

Publicado


source

O surto do Covid-19 teve seu início na cidade de Wuhan, na China. Assustadas, muitas pessoas abandonaram suas casas para sair da cidade, ou por estarem internadas em hospitais devido à contaminação, deixando os pets para trás. Para tentar ajudar nessa situação, o jovem Ye Jialin se voluntariou para ir até a casa dessas pessoas e cuidar dos seus animais de estimação. 

Jovem colocando ração para gato em seu pote arrow-options
Reprodução/ Youtube

Ye Jian alimenta, dá água e limpa a sujeira dos pets

“As pessoas foram forçadas a evacuar Wuhan quando o coronavírus atingiu seu pico lá. E quem não estava na cidade não pôde voltar. Muitas pessoas deixaram apenas água e comida suficiente para alguns dias para seus animais pensando que voltariam rapidamente. Mas eles não foram capazes de voltar tão rápido. Muitos animais morreram”, contou Ye ao site One Green Planet.

Leia mais: Empresa brasileira disponibiliza testes de Covid-19 para pets

O rapaz recebia instruções dos tutores de como alimentar os pets, dar água fresca e limpar suas sujeiras. Alguns donos mandavam as chaves de suas casas e outros permitiam que ele arrombasse a porta. Alguns registros podem ser vistos em vídeo publicado pelo The Guardian, no Youtube.

Leia mais: Cadela faz companhia a profissionais que lutam contra coronavírus em hospital

“Eu não tenho medo”, diz o jovem no vídeo. “O que me assusta é chegar nessas casa, e o animal já estar morto.” Ye ainda diz estar feliz por poder fazer algo importante nessa luta contra a pandemia. Até agora, o jovem já ajudou de 20 a 30 animais de estimação.

Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Continue lendo

Meu Pet

Mulher publica vídeo confessando ter matado cão: “Estava me dando prejuízo”

Avatar

Publicado


source

Darla Ester Farina, que vive em São Paulo, publicou um vídeo em seu Facebook nesta quarta-feira (1), onde confessou ter matado seu cão Duque. A mulher explica que enforcou o cachorro e isso teria sido um “sacrifício” pelo mau comportamento dele. “Estava me dando muito prejuízo”, disse. 

De acordo com Darla, o filhote brigava com o outro animal da família, fazia xixi no seu colchão e mordia várias coisas pela casa. Comportamentos típicos de cães novinhos. “Ele fazia xixi no colchão, e colchão é caro.”

Leia mais: Filhotes de cachorro abandonados em sacola são resgatados pela Polícia Militar

Além disso, a mulher também fala no vídeo que optou pelo enforcamento pois não tinha veneno na casa. “Se eu fosse uma psicopata eu teria passado a faca no pecoço do cachorro, teria comido o cachorro, mas eu o enforquei, porque não tem veneno aqui em casa.”

Mulher segurando cão filhote arrow-options
Reprodução/ Facebook

Darla afirma ter enforcado o cão porque estava dando muito prejuízo

Apesar do ato ser considerado maus-tratos, Darla acredita que era o certo a se fazer. “Se isso é crime, eu vou na delegacia e pago pelo que eu fiz”, disse em conversa com vizinhos que repudiaram sua atitude. Tobi, seu outro cachorro, foi levado por um dos moradores do bairro e agora a mulher exige o cão de volta. “Eu posso ter cachorro, o problema não é o cachorro, era o Duque, ele não era um bom cachorro.”

Leia mais: Empresa brasileira disponibiliza testes de Covid-19 para pets

Nas redes sociais, a atitude da mulher vem sendo repudiada, com comentários do tipo “Vai se tratar!”, “Você é um monstro”, entre outros. Luisa Mell compartilhou o vídeo de Darla dizendo que nunca escutou tanta barbaridade e que pode resgatar o outro cachorro que está com os vizinhos. “Eu assumo o cachorro! Eu assumo o processo! Processa a mim sua psicopata! Assassina!”, escreveu a ativista. 




Fonte: IG PET

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana