conecte-se conosco


Mato Grosso

Obras na ZPE em Cáceres recomeçam nesta quinta-feira (27)

Avatar

Publicado


As obras na Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Mato Grosso, localizada em Cáceres (218 km de Cuiabá), estão sendo reiniciadas nesta quinta-feira (27.02) com a assinatura da ordem de serviço pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

O orçamento é de R$ 15,4 milhões, oriundo da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec), por meio do Fundo de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso (Fundeic).

O governador Mauro Mendes determinou no início do mês que os trabalhos fossem retomados imediatamente. “A ZPE foi criada há mais de 30 anos e até agora muito pouco ou quase nada foi feito. Ela é em Cáceres, mas é de Mato Grosso e será importante para que possamos ter mais competitividade nas exportações do nosso Estado”, frisou Mendes em reunião em fevereiro com representantes do Conselho Nacional das ZPEs.

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico, César Miranda, a ZPE atrairá investimentos para Mato Grosso, pois tem vantagens competitivas para indústrias. “Há uma série de facilidades como isenção de alguns impostos federais e também a questão do trâmite dentro da alfândega. Por exemplo, cada operação de exportação é um processo dentro da Receita Federal. Estando dentro de uma zona alfandegada, é uma única autorização e tramita sem burocracia”, explicou.

A empresa vencedora da licitação, Primus Incorporação e Construção Ltda, cujo contrato foi retomado com o Governo do Estado por orientação da Procuradoria Geral do Estado (PGE), terá um prazo de 15 meses para sua conclusão.

De acordo com o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira e Silva, o projeto para a retomada da ZPE teve de passar por readequações, especialmente para atender as exigências específicas da Receita Federal.

Foram feitos ajustes no projeto de pavimentação e drenagem, que passam a ter uma nova concepção. Já o projeto de estrutura foi todo reanalisado, uma vez que ele foi feito em 2013 e desde então aconteceram mudanças de normas, sendo necessárias atualizações.

A nova diretoria executiva da Administração da Zona de Processamento de Exportação (Azpec) foi eleita no dia 19 de fevereiro e está elaborando um projeto de viabilidade para a ZPE e também uma política de atração de investidores para a região. A legislação vigente estabelece que 80% do que as indústrias produzirem no local poderá ser exportado e 20% ficar no mercado interno.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook

Mato Grosso

Quarta-feira (01): Mato Grosso registra nove pacientes curados e 28 casos confirmados de COVID-19

Avatar

Publicado


.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) registrou na tarde desta quarta-feira (01.04), nove pacientes curados de coronavirus em Mato Grosso. Conforme Nota Informativa, há 28 casos confirmados da COVID-19 no Estado.

Os casos confirmados estão em Cuiabá (19), Rondonópolis (5), Nova Monte Verde (1), Tangará da Serra (1) e Várzea Grande (2). Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada pela SES (anexada a este texto).

Dos 28 casos confirmados da COVID-19 em Mato Grosso, dez (10) estão hospitalizados, sendo sete (07) em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e três (03) em enfermarias.

A Nota Informativa com dados atualizados é divulgada diariamente a partir das 17h – horário em que ocorre a coletiva de imprensa virtual com o secretário de Saúde, Gilberto Figueiredo, transmitida pelo Instagram e Facebook do Governo do Estado.

Cenário nacional

Nesta quarta-feira, o Governo Federal confirmou 6.836 casos de COVID-19 no Brasil e 240 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, na terça-feira (31.03), o país contabilizava 201 mortes e 5.717 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus.

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Hospital Regional de Alta Floresta inaugura 10 novos leitos de UTI

Avatar

Publicado


.

O Hospital Regional de Alta Floresta inaugurou, nesta quarta-feira (01.04), 10 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto. A obra, que estava paralisada desde 2016, foi retomada em 2019 pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), após o lançamento do projeto de modernização dos Hospitais Regionais e das Unidades Especializadas, idealizado e colocado em prática pela atual gestão.

“Estamos fazendo uma grande transformação nas unidades que estão sob a gestão estadual e pretendemos entregar uma rede hospitalar remodelada para a população mato-grossense. O intuito é ampliar o número de leitos e oferecer um serviço de mais qualidade”, declarou o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Conforme explica a diretora do hospital, Sônia Vanice Marques, a entrega da UTI é um avanço para a unidade, que atende seis municípios da região Tapajós, no Norte do Estado: Alta Floresta, Carlinda, Apiacás, Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde e Paranaíta.

“Este é um sonho realizado após muita luta. O espaço anexo ao hospital foi reformado seguindo as normativas obrigatórias. Antes, não tínhamos leitos de UTI. Agora, teremos 10 para atender a população”, comemora a diretora.

Além dos novos leitos de UTI, o hospital também teve a cozinha e o refeitório remodelados. “Agradecemos ao secretário Gilberto principalmente pela tomada de decisão em tempo oportuno nas diversas situações – desde o retorno da obra até o presente momento. Isso vai permitir um melhor atendimento aos pacientes e melhor qualidade de vida aos servidores, que terão um espaço modernizado para fazer as refeições”, pontua Sônia.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana