conecte-se conosco


Mato Grosso

Seplag disponibiliza portal para acesso ao estudo do Zoneamento de MT

Avatar

Publicado

A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag) disponibiliza de forma mais interativa para acesso público, o estudo do Zoneamento Socioeconômico Ecológico de Mato Grosso (ZSEE/MT). Agora, o material pode ser acessado em um mapa por meio de diferentes níveis de informação, de acordo com o interesse e a necessidade do usuário.

A revisão do zoneamento foi feita entre os anos 2017 e 2018 e teve por objetivo repensar a ocupação do território mato-grossense, a apropriação de seus recursos naturais e o modelo de desenvolvimento para o futuro. Desde então, a publicação já estava no site da Secretaria só que em formato de documento de texto.

“O que fizemos foi tornar a navegação pelo estudo visualmente mais interativa, mais clara, demonstrando para as pessoas que o consultam as zonas que dividem Mato Grosso e quais são as alternativas para o melhor uso de cada uma. O assunto é de enorme relevância para o desenvolvimento do Estado e é do interesse do governo que todos tenham acesso e conhecimento sobre ele”, afirmou Anildo Correa, secretário-adjunto de Planejamento e Gestão de Políticas Públicas da Seplag.

Clique aqui para conhecer o estudo do ZSEE/MT.

Comentários Facebook

Mato Grosso

PM recupera 5 carros e 3 motocicletas em Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis e Cáceres

Avatar

Publicado


.

Neste fim de semana em Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis e Cáceres, policiais militares recuperaram oito veículos, sendo cinco carros e três motocicletas. Os suspeitos não foram localizados.

Em Cuiabá, as ocorrências foram nos bairros Praeirinho, Bosque da Saúde e Porto, sendo recuperadas duas motocicletas: uma Honda NXR vermelha e uma Biz cinza, além de um carro GToyota Etios, respectivamente.

Biz recuperada no bairro Bosque da Saúde, em Cuiabá                  Foto: PMMT

Já em Rondonópolis, as ocorrências foram nos bairros Planville, Vila Olinda e Três Poderes e foram recuperados um VW Saveiro prata, um VW Space Fox prata e uma caminhonete Toyota Hillux, respectivamente.  

Em Várzea Grande, no bairro Cristo Rei, uma equipe da Rotam estava em patrulhamento quando viu uma motocicleta Honda CG Fan vermelha, sem a corrente. Via consulta, os militares encontraram a queixa de furto ocorrido no bairro Grande Terceiro, em Cuiabá, na sexta-feira (27). O proprietário esteve no local com a chave reserva.

Em Cáceres, no bairro Cohab Velha, os militares foram acionados via 190, para verificar uma motocicleta Honda Biz vermelha, que tinha sido deixada desde bem cedo em frente a um açougue. O veículo estava com a chave na ignição. Via consulta, a moto estava com queixa de roubo ocorrido na madrugada, no bairro Cavalhada.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Servidores da Cadeia Pública de Diamantino criam protocolo padrão de higienização

Avatar

Publicado


.

Diante da pandemia de coronavírus que tem assolado o mundo nos últimos meses, a Cadeia Pública de Diamantino criou um protocolo de higienização e descontaminação que busca proteger tanto as pessoas privadas de liberdade, quanto os servidores da unidade. Tratam-se de práticas diárias e de procedimentos padrões que, inclusive estão sendo adotados em outras unidades prisionais de Mato Grosso.

Pelo modelo, os diferentes ambientes são classificados como críticos, semicríticos e não críticos. No primeiro caso estão as celas, corredores, espaços de convívio carcerário, alojamentos, salas de aula, de costura, da direção, de monitoramento e de atendimento médico, banheiros e cozinha, onde obviamente a circulação de pessoas é diária e proporcionalmente maior.

Já nos ambientes semicríticos estão o pátio externo, a horta, o almoxarifado e o depósito da unidade, onde nem sempre há a circulação diária de pessoas. Já no último caso, estão as superfícies superiores como tetos, luminárias, janelas, vidros e áreas desativadas da unidade.

Já a higienização do ambiente está separada em protocolos diários, semanais, mensais e em limpezas de descontaminação. A limpeza e desinfecção diárias se refere aos protocolos já existentes, que compreende a higienização de pisos, paredes, grades, janelas, vidros, portas, interruptores, telefones e interfones, instalações sanitárias, superfícies verticais e horizontais de equipamentos e mobiliários, esvaziamento e troca de recipientes de resíduos e organização geral do ambiente.

Na limpeza semanal consta a higienização de colchões, ar condicionados, luminárias, teto, em todas as suas superfícies externas e internas. A limpeza mensal compreende a higienização do ambiente externo, de paredes e de calçamentos. E por fim, a limpeza de descontaminação é realizada quando há presença de matéria orgânica sempre que necessário.

Para que todo este trabalho seja feito, o material a ser utilizado é aqueles recomendados pelas autoridades em saúde pública: água, água sanitária, detergente, sabão, desinfetante e álcool etílico 70%. O uso de materiais de proteção também é indicado pelo documento, além do protocolo de higiene pessoal.

O modelo produzido na unidade mato-grossense utilizou como referência materiais produzidos pelo Ministério da Saúde, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e outros modelos, como o adotado pelo Governo do Estado de São Paulo, entre outros.

“Logo que começou a se ter notícias da existência do coronavírus aqui em Mato Grosso, nossa equipe se preocupou em elaborar esse material para nortear nossas ações de limpeza e desinfecção diante dessa ameaça. E tem dado tão certo que outras unidades penitenciárias de Mato Grosso estão adotando esse protocolo”, explicou o diretor da unidade, Anaides da Silva Pereira Queiroz.

Doações

Além dos cuidados adotados pela unidade, a comunidade local também tem se preocupado e auxiliado nas ações preventivas. Uma loja de confecções local, por exemplo, realizou a doação de 130 máscaras que protegerão os agentes penitenciários durante o trabalho.

Já uma destilaria da cidade contribuiu com a doação de 100 litros de álcool 70%. Nesta semana uma outra empresa fará a doação de uma marca de suplemento que ajuda no fortalecimento da imunidade e que será destinado aos agentes penitenciários que não podem aderir ao período de quarentena.

Números

De acordo com o último boletim da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), divulgado na sexta-feira (27.03), há 11 casos confirmados de coronavírus em Mato Grosso e 556 casos suspeitos. Cabe destacar que não há nenhum caso suspeito ou confirmado nas unidades penais do Estado.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana