conecte-se conosco


Saúde

Coronavírus: aeroportos transmitem mensagem da Anvisa a partir de hoje

Avatar

Publicado

Os aeroportos brasileiros começaram a divulgar a partir de hoje (24) um alerta da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) sobre o coronavírus. No alerta, uma mensagem de áudio de aproximadamente 1 minuto, a Anvisa orienta os passageiros que chegaram da China e estão com sintomas como febre e tosse a procurar uma unidade de saúde. Também são dadas orientações para evitar a transmissão de doenças.

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) confirmou que todos os aeroportos administrados por ela veicularão a mensagem. Segundo a Anvisa, os aeroportos concedidos à iniciativa privada também receberam o alerta sonoro e devem veiculá-lo. A agência se reuniu especificamente com representantes do aeroporto de Guarulhos, por tratar-se de um local com fluxo intenso de voos internacionais.

Nessa reunião, a Anvisa informou profissionais de empresas aéreas e de outros setores do aeroporto sobre a atual situação do coronavírus e sobre a definição do governo brasileiro, alinhada às orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) do que pode ser considerado um caso suspeito. Além disso, a agência abordou a intensificação nos procedimentos de limpeza e desinfecção dos terminais.

O coronavírus matou 26 pessoas na China e a doença chegou a outros países, como Japão , Tailândia e Coreia do Sul. Não há registros de que a doença tenha chegado ao Brasil. A fonte do vírus ainda é desconhecida, sendo possivelmente de uma reserva animal, e a extensão da transmissão entre humanos ainda não é clara.

Leia o alerta da Anvisa, veiculado nos aeroportos a partir de hoje:

“A Anvisa informa: se você tiver febre, tosse ou dificuldade para respirar dentro de um período de 14 dias após a viagem para a China, você deve procurar uma unidade de saúde mais próxima e informar a respeito da viagem. Se você tiver febre, tosse ou dificuldade para respirar tome medidas simples, que podem evitar a transmissão de doenças: lave as mãos frequentemente com água e sabão. Se não tiver água e sabão, use álcool em gel. Cubra o nariz e a boca com lenço descartável ao tossir ou espirrar. Descarte o lenço no lixo e lave as mãos. Evite aglomerações e ambientes fechados, procurando manter os ambientes ventilados. Não compartilhe objetos de uso pessoal como talheres, pratos, copos ou garrafas. Procure o serviço de saúde mais próximo”.

Edição: Fábio Massalli
Comentários Facebook

Saúde

Metade das gestantes com Covid-19 tiveram partos prematuros, diz pesquisa

Avatar

Publicado


source

Um estudo realizado a partir dos nascimentos mais recentes na cidade de Wuhan, na China, primeiro epicentro do coronavírus , apresentou dados pessimistas para as gestantes durante a pandemia. Desde o início do surto, 33 mulheres que contraíram a doença durante a gestação deram à luz. Entre as crianças, 47% nasceram de partos prematuros. 

Leia mais: Quarentena e escolas fechadas é combinação eficaz contra o vírus, dizem especialistas

grávida arrow-options
FreePik

Gestações correm risco com cornavírus

Além disso, cerca de 10% dos recém-nascidos foram diagnosticados com Covid-19 ao nascer. Em estado grave, um deles precisou de cuidados imediatos e respiração mecânica já nas primeiras horas de vida. 

O estudo, que foi publicado pela revista JAMA, especializada em pediatria, não conclui sobre a forma como o contágio acontece: se ainda durante a gestação ou no momento do parto. É importante pontuar, porém, que todas as crianças infectadas pelo vírus nasceram de cesarianas. 

Leia mais: População pobre terá dificuldades em isolamento, afirma infectologista

Em todos os bebês, a doença manifestou sintomas de pneumonia – manifestação mais grave da doença. Apesar disso, os sintomas desapareceram após seis ou sete dias de cuidados intensos. 

embed:


Fonte: IG SAÚDE

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Brasil tem 3.904 casos e 114 mortes por covid-19

Avatar

Publicado


.

O ministro da Saúde, Henrique Mandetta, informou neste sábado (28) que o Brasil tem 3.904 casos e 114 mortes por covid-19. Com os dados atualizados, o índice de letalidade da doença no país está em 2,8%.

Veja a evolução do número de casos no país, desde o registro do primeiro caso:

número de casos por dia em 28/3número de casos por dia em 28/3
Ministério da Saúde/Divulgação

Veja como os casos estão espalhados por região no país:

Casos por região do país em 28/3Casos por região do país em 28/3

Veja a íntegra da coletiva:

Um mês de coronavírus no Brasil

Ao completar um mês da primeira detecção de covid-19 no país, na quinta-feira (26), o país registrava 77 mortes e 2.915. O primeiro caso foi registrado em 26 de fevereiro.

A perspectiva do Ministério da Saúde para o próximo mês é de que a epidemia aumente no Brasil, uma vez que o país está no início da curva de crescimento pela qual outras nações já estão passando, como Estados Unidos, Itália e Espanha.

Auxilio a pequenas e médias empresas

Ontem (27) o governo anunciou uma linha de crédito emergencial para ajudar pequenas e médias empresas a quitar a folha de pagamentos. O setor está entre os mais afetados pela crise gerada pela pandemia de covid-19. A estimativa é de liberação de R$ 40 bilhões.

A medida deve beneficiar 1,4 milhão de empresas, atingindo 12,2 milhões de trabalhadores. O crédito será destinado a empresas com faturamento anual entre R$ 360 mil a R$ 10 milhões e vai financiar dois meses da folha de pagamento, com volume de R$ 20 bilhões por mês.

Entrada de estrangeiros no país

Também na sexta-feira, o governo editou uma portaria para proibir temporariamente a entrada de estrangeiros de todas as nacionalidades que chegarem ao Brasil pelos aeroportos. A medida tem validade de 30 dias.

O fechamento da fronteira aérea foi feito a partir de recomendações técnicas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a regra não será aplicada no caso de brasileiros que retornem ao país, imigrantes que moram no Brasil, parentes diretos de brasileiros e estrangeiros que são membros de órgãos internacionais. A norma também libera a entrada de quem estiver em trânsito para outros países, desde que o passageiro fique somente na sala de trânsito dos aeroportos, além de tripulantes de empresas aéreas.

Número de mortes atualizado às 17h52

Edição: Denise Griesinger

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana