conecte-se conosco


Entretenimento

Jornalista da RedeTV! soube de sua demissão pela imprensa

Avatar

Publicado

Olga Bongiovanni foi demitida da RedeTV! . Mas o que espantou esta colunista foi que a apresentadora soube que estava fora da emissora na noite de terça-feira (21) pela imprensa. A emissora  só comunicou oficialmente a demissão na manhã desta quarta-feira (22).

Leia também: Diretor da RedeTV! quase perde filho e alega imperícia médica

RedeTV! arrow-options
Divulgação

RedeTV!


Leia também: Jornalista da RedeTV! vira correspondente em NY e acaba demitida pela emissora

A jornalista é uma das profissionais mais respeitadas do meio. Ela fica na RedeTV! até segunda-feira (27). O horário que pertence ao seu programa será ocupado pelo “Tricotando”.

Leia também: Fora do SBT, Leo Dias vira editor-executivo na RedeTV!

Olga Bongiovanni foi contratada da emissora entre 2004 e 2009, quando comandou o “Bom Dia Mulher”. Retornou à RedeTV! no ano passado para capitanear um programa com seu nome.  A coluna procurou a assessoria de imprensa da emissora  para falar sobre a demissão de Olga, mas ninguém retornou até o fechamento desta nota.

Olga Bongiovanni arrow-options
Divulgação

Olga Bongiovanni



Comentários Facebook

Entretenimento

Rainha Elizabeth II cita “tempos de guerra” em pronunciamento sobre Covid-19

Avatar

Publicado


source

Neste domingo (05), a Rainha Elizabeth II, de 93 anos, realizou o quinto pronunciamento especial de seus 68 anos como soberana do Reino Unido . Durante a transmissão, a monarca comparou o isolamento social com o distanciamento das famílias na Segunda Guerra Mundial e convidou os britânicos a refletirem neste momento delicado.

Leia também: Rainha Elizabeth promete pagar R$ 245 mil para quem cuidar de suas redes sociais

Rainha Elizabeth II arrow-options
Reprodução Instagram

Rainha Elizabeth II

Leia também: Gastando demais? Rainha Elizabeth desembolsa mais de R$ 160 mil em presentes

A Rainha Elizabeth II também disse que a situação a fez lembrar de 1940, quando Londres era bombardeada pelos alemães e crianças foram mandadas para outros países da Commonwealth como medida de segurança.

Leia também: Família Real: Imprensa tenta aposentar Rainha Elizabeth II à força

“Ainda há muito o que suportar, mas melhores dias virão: estaremos de novo com nossos amigos, com nossas famílias. Vamos nos reunir outra vez. Todavia, agora nos juntamos a todas as nações do mundo com uma mesma missão, usando os grandes avanços da ciência e nossa compaixão instintiva. Triunfaremos, e essa vitória vai pertencer a cada um de nós”, disse ela.

O governo espera que o comunicado ajude a convencer a população a respeitar as restrições —após várias medidas progressivas, o Reino Unido decretou quarentena no último dia 23. A última vez que a Rainha Elizabeth II fez uma transmissão especial foi em 2012, em comemoração do Jubileu de Diamante, os 60 anos de sua coroação como rainha.

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Repórter do Equador chora ao relatar consequências da Covid-19 no país; assista

Avatar

Publicado


source

Recentemente, o repórter Carlos Julio Gurumendi, contratado da RTS , viralizou na internet ao cair em prantos durante a cobertura da pandemia de Covid-19  – doença causada pelo novo coronavírus  – no Equador. 

Leia também: Corpos de vítimas de Covid-19 tomam conta das ruas do Equador; assista

Repórter do Equador arrow-options
Reprodução

Repórter do Equador

De máscara, luvas e um traje especial, o repórter iria abordar o colapso funerário no Equador devido à Covid-19 . Todavia, em pouco tempo, a voz do profissional ficou trêmula e logo ele assumiu que não conseguiria continuar: “Mil desculpas, mas não dá”. Colocando as mãos no rosto, a câmera focou em uma igreja, que coincidentemente começou a tocar o sino, o que apenas deu mais dramaticidade para o ato do jornalista da RTS .

Leia também: Corpos de vítimas de Covid-19 tomam conta das ruas do Equador; assista

De volta ao estúdio, o apresentador tomou as rédeas da situação. “Carlos teve uma pequena dificuldade e logo estaremos de volta”. Há algum tempo, o Equador chamou atenção da imprensa internacional após mais de 150 pessoas morrerem de Covid-19 dentro de casa. O governo deveria retirar os corpos, mas vídeos de cadáveres jogados nas ruas mostraram o contrário. O país tem 2.758 casos confirmados e 98 mortes. Assista ao vídeo.

Leia também: Sistema funerário do Equador entra em colapso por mortes pela covid-19


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana