conecte-se conosco


Esportes

Seleção masculina de handebol estreia no Torneio Centro Sul-Americano

Publicado

Esportes

Ainda sem vaga garantida nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, a seleção masculina brasileira de handebol estreia nesta terça (21) contra o Paraguai, na 19ª edição do Campeonato Centro Sul-Americano, na cidade de Maringá, no Paraná. O Brasil entra em quadra às 19h, no Ginásio do Parque do Japão. O torneio garante três vagas para o Mundial de Handebol no Egito, em 2021.

Além do Brasil, estão na briga as seleções do Chile, Bolívia, Paraguai, Argentina e Uruguai. Todos os times jogam contra todos e os três melhores se classificam para o Mundial. O torneio termina no próximo sábado (25).

Comandados pelo técnico espanhol Daniel Gordo, 20 atletas da seleção brasileira vêm treinando desde o início deste mês. O torneio será um bom termômetro da preparação da equipe com vistas à última chance de classificação para Tóquio 2020, que ocorrerá no torneio Pré-Olímpico, entre 19 e 22 de março. Mas essa chance só existirá se o Egito vencer o Campeonato Africano, ainda em curso. Em caso de vitória da seleção egípcia, o país africano garante uma vaga direta em Tóquio 2020, abrindo possibilidade para o Brasil disputar o Pré-Olímpico.  

Veja Também  CBF marca reunião para tratar de retorno de público a estádios

Confira abaixo o cronograma de jogos do Brasil:

• 21/01 – 19h – Brasil x Paraguai – Ginásio Parque do Japão
• 22/01 – 19h –  Bolívia x Brasil – Ginásio Parque do Japão
• 23/01 – 19h – Brasil x Chile – Ginásio Chico Neto
• 24/01 – 19h – Uruguai x Brasil – Ginásio Chico Neto
• 25/01 – 19h – Brasil X Argentina – Ginásio Chico Neto

 
Edição: Guilherme Neto
Comentários Facebook

Esportes

Copa do Brasil: América-MG vence Ponte Preta e avança

Avatar

Publicado


.

Após empate em 2 a 2 no jogo de ida, o América-MG derrotou a Ponte Preta, nesta terça (22) por 3 a 1 no Independência, e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. O Coelho foi superior durante todo o primeiro tempo e apenas administrou o resultado na segunda etapa.

América sufoca Ponte Preta na etapa inicial

O América-MG precisou de apenas 30 segundos para levar perigo ao gol da Ponte Preta. Rodolfo recebeu lançamento pela direita e tentou o cruzamento, Ivan espalmou para o meio da área. A bola sobrou para Alê, que, sozinho, isolou. Aos dois minutos, o Coelho teve nova chance de abrir o placar. A Ponte Preta saiu jogando errado, o América recuperou e o cruzamento da direita encontrou Léo Passos, que finalizou para fora.

Aos 23 minutos, Felipe Azevedo recebeu na entrada da grande área e arriscou de perna direita. A bola explodiu na trave do goleiro Ivan. A pressão deu resultado e o Coelho abriu o placar aos 31 minutos. Juninho cruzou na cabeça de Felipe Azevedo, que concluiu sem chances para Ivan. O América continuou sufocando a Ponte Preta e ampliou aos 35 minutos. Depois de bela troca de passes, Alê apareceu sozinho para chutar rasteiro e fazer o segundo.

Ouça na Rádio Nacional

Veja Também  Flamengo supera Barcelona e desfalques pela covid-19 na Libertadores

Com 2 a 0 no placar, o Coelho voltou para o segundo tempo esperando a Ponte Preta, mas a Macaca não ameaçava. Aos 17 minutos, o América-MG decretou a classificação. Bruno Reis derrubou Diego Ferreira dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Rodolfo cobrou com precisão e marcou o terceiro.

A Ponte Preta teve duas oportunidades de diminuir o placar. Aos 30 minutos, Matheus Peixoto tentou de cabeça, por cima do gol. Dois minutos depois, Bruno Rodrigues chutou colocado, mas Cavichioli espalmou. A Macaca conseguiu descontar apenas aos 47 minutos, com um belo gol de Apodi. No fim, vitória do Coelho por 3 a 1 e vaga garantida na próxima fase da Copa do Brasil.

Veja tabela atualizada da Copa do Brasil.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

São Paulo perde para LDU e se complica na Libertadores

Avatar

Publicado


.

Jogando na altitude de mais de 2.800 metros de Quito, a LDU derrotou o São Paulo por 4 a 2 no estádio Casa Blanca e disparou na liderança do Grupo D da Libertadores da América, com 9 pontos. O Tricolor permanece com 4 pontos, na terceira posição, e viu o River Plate chegar a 7 pontos, já que o time argentino goleou o Binacional por 6 a 0.

Primeiro tempo define resultado

O São Paulo até tentou surpreender no início, mas não segurou a LDU. Aos cinco minutos, Pablo teve a única chance do Tricolor no primeiro tempo, após cruzamento de Reinaldo que o atacante cabeceou para fora. Depois do lance, só o time equatoriano criou oportunidades, e aproveitou bem.

Aos 20 minutos, a LDU chegou com facilidade no setor ofensivo. Cruz apareceu pela direita e cruzou na cabeça de Martínez Borja, que encobriu Volpi e abriu o placar. Os donos da casa quase ampliaram aos 31 minutos. Zunino recebeu, limpou Reinaldo, mas na hora de finalizar acabou mandando para fora.

Veja Também  Série B: Operário e Cuiabá empatam em 1 a 1 na abertura da 11ª rodada

A LDU marcou o segundo em um erro de saída do São Paulo. Volpi tocou para Igor Gomes, que tentou passar para Hernanes. O volante não conseguiu o domínio e a bola sobrou para Jhojan Julio, que ajeitou e chutou de direita para ampliar. A situação piorou. Aos 45 minutos, quando o Tricolor tentava se lançar ao ataque, o contragolpe foi fatal. Piovi passou para Zunino, que encontrou Jhojan Julio sozinho para marcar o terceiro.

A segunda etapa começou com a LDU perdendo boa oportunidade, com Borja. O camisa 19 chutou forte para boa defesa de Tiago Volpi. O São Paulo respondeu no lance seguinte. Gabriel Sara arriscou de fora da área, e Gabbarini jogou para escanteio. O meio-campista ganhou confiança. Aos 4 minutos, ele soltou a bomba de longe e a bola explodiu na trave esquerda do gol da LDU.

A pressão do Tricolor deu resultado. Depois de troca de passes no campo de ataque, Paulinho Bóia cruzou na área e Brenner apareceu sozinho, na segunda trave, para concluir e diminuir a vantagem adversária.

Veja Também  CBF marca reunião para tratar de retorno de público a estádios

Quando o São Paulo parecia que ia causar mais problemas à LDU, o time equatoriano marcou o quarto gol. Billy Arce recebeu a bola, dominou e soltou um foguete no ângulo de Tiago Volpi. Um golaço. O Tricolor não desistiu e diminuiu novamente. Brenner passou para Tréllez, que tocou por baixo das pernas de Guerra e finalizou no canto direito de Gabbarini, fechando o placar. 4 a 2 para a LDU.

Na próxima rodada, a LDU enfrenta o Binacional, na terça-feira (29), às 21h30, no estádio Casa Blanca. O São Paulo pega o River Plate, na quarta-feira (30), às 21h30, em Avellaneda.

Veja a classificação atualizada da Copa Libertadores.

Edição: Fábio Lisboa

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana