conecte-se conosco


Mato Grosso

Governador lamenta morte do pai do presidente da Assembleia Legislativa

Publicado

Mato Grosso

O governador Mauro Mendes lamentou a morte de Benedito Caetano Botelho, pai do presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Eduardo Botelho, nesta sexta-feira (17.01).

“Foi com profundo pesar que recebemos essa notícia. Quero externar meus sentimentos ao presidente da Assembleia e a toda a família, desejando força nesse momento difícil da passagem do patriarca”, disse Mauro Mendes.

Conhecido em Santo Antônio de Leverger como Seo Chinhô, tinha 95 anos e lutava contra um câncer.

O velório está previsto para esta sexta-feira (17.01), a partir das 16h30, na funerária Capela Jardins, sala Orquídeas, em Cuiabá.

Comentários Facebook
Veja Também  Educadores e estudantes de Escola Estadual de Alta Floresta participam de mutirão de purificação de córrego

Mato Grosso

Educadores e estudantes de Escola Estadual de Alta Floresta participam de mutirão de purificação de córrego

Avatar

Publicado


.

O Dia Mundial da Limpeza, comemorado em 19 de setembro, não passou em branco na Escola Estadual 19 de Maio, localizada no município de Alta Floresta (a 803 quilômetros ao norte da Capital). Profissionais da educação da escola e alunos participaram de um mutirão de limpeza conhecido como “Ação pelas Nascentes”.

O ato, que ocorreu no mundo todo, visa promover a mobilização de voluntários para a limpeza dos espaços públicos nas cidades.  O tema da campanha em 2020 no Brasil é “Cada um limpa o seu quadrado”.

Além da diretora Elaine Vaz, participaram o professor José Alessandro, o vigia Rogério e dois estudantes estiveram no local – respeitando a segurança e cuidados com a prevenção da Covid-19, evitando aglomerações – e puderam participar da limpeza e recolhimento do lixo, ali depositado. 

“Foi de grande valia a iniciativa, um gesto pequeno, mas muito valioso e essas pequenas atitudes fazem grandes transformações, pois isto demonstra o cuidado que devemos ter com o meio ambiente que é também a nossa casa” assinala a gestora.

Veja Também  Governador anuncia que salários dos servidores voltam a ser pagos dentro do mês trabalhado

Em Alta Floresta foram escolhidos sete locais onde estão as nascentes e margens de rios que estão sendo cuidados no município, por meio dos seus Padrinhos e Adotantes, que fazem voluntariamente parte do Programa Adote uma Nascente. O foco da campanha no município é “Ação Alta Floresta, pelas suas nascentes”.

A gestora destaca que o foco do trabalho de limpeza foi a sensibilização da educação ambiental que visou conscientizar a sociedade para um problema maior como o descarte irregular de resíduos sólidos urbanos. Além da limpeza e também promover a recuperação da vegetação nativa de áreas de preservação permanente (APPs).

“É o caso desta nascente, onde limpar e cuidar da nascente adotada é responsabilidade nossa como adotante”, exemplifica.

A ação, em parceria com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Alta Floresta, teve a participação de membros da instituição Amigos da Paz e funcionários da empresa HBM Solaris, ligada ao meio-ambiente.

A escola participa de um projeto desde o ano passado com a adoção de um nascente bem próxima a instituição. Através deste projeto os alunos participaram de oficinas de aprendizagem, na qual cada aluno pode entender a importância do equilíbrio ecológico bem como as suas consequências.

Veja Também  Educadores e estudantes de Escola Estadual de Alta Floresta participam de mutirão de purificação de córrego

“Fizemos também o plantio de aproximadamente 200 mudas de árvores nativas e frutíferas. Os estudantes que participaram desta formação receberam certificados do ‘Tree for Climate Justice’, (Embaixadores da Justiça Climática). A cerimônia ocorreu no dia a 30 de janeiro deste ano, quando a nascente foi adotada dentro do programa municipal Adote uma Nascente” salienta Elaine.

 

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Pesquisa epidemiológica da Covid-19 será prorrogada em Mato Grosso

Avatar

Publicado


.

A pesquisa soroepidemiológica do Governo de Mato Grosso, que tem o objetivo de monitorar a infecção pela Covid-19 no Estado, será prorrogada até o dia 30 de setembro. A coleta de dados estava prevista para terminar nesta quarta-feira (23.09), mas o término precisou ser adiado para que os municípios consigam alcançar a meta estabelecida.

Dos 10 municípios que participam da pesquisa, Juína e Tangará da Serra já alcançaram mais de 80% da meta prevista; Cuiabá e Rondonópolis ocupam o último lugar, com 0% de alcance. 

Conforme dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), o município de Água Boa já está com 50% dos trabalhos realizados, seguido de Barra do Garças (40%), Várzea Grande (30%), Alta Floresta (30%), Cáceres (20%) e Sinop (10%). A redação final dos resultados deve ser divulgada em outubro, após alinhamento com os municípios.

O trabalho é coordenado pela equipe técnica da SES, da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), e conta com o apoio dos Escritórios Regionais e Secretarias Municipais de Saúde dos municípios envolvidos no estudo. 

Veja Também  Escolas estaduais de Cuiabá têm notas do Ideb superiores à média nacional

A metodologia utilizada é estratégia quantitativa e transversal. A realização do exame é por meio de teste de sangue. As análises são feitas exclusivamente pelo o Laboratório Central do Estado (Lacen); já as coletas são feitas por agentes de saúde, por meio das Secretarias Municipais.

Os municípios selecionados terão amostras coletadas de 250 a 700 pessoas, de acordo com o número populacional. O setor censitário testado será sorteado, bem como a casa e o morador do domicílio.

Fonte: GOV MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana