conecte-se conosco


Nova Ubiratã

Família de menino desaparecido em MT há 30 dias faz apelo nas redes sociais

Daniel da Silva

Publicado

Família de menino desaparecido em MT há 30 dias faz apelo nas redes sócias (Foto: Reprodução/Facebook)

Família de menino desaparecido há 30 dias, faz apelo nas redes sociais para encontrar o parente de 10 anos que sumiu após sair para brincar no distrito de Entre Rios, no município de Nova Ubiratã, a 503 km da capital, Cuiabá.

O garoto desapareceu no dia 15 de dezembro, logo após sair da sua residência com destino a casa do irmão que reside na mesma comunidade.

De acordo com o delegado da Policia Civil de Nova Ubiratã, Nilson Farias, muitos mistérios rondam o caso, já que a família só registrou o boletim de ocorrência referente o desaparecimento 4 dias após o ocorrido. Além disso, os familiares do menino resistiram em comparecer na delegacia para prestar depoimento. “Ele morava com a mãe e o padrasto. O pai é de Sinop e não conseguimos localizá-lo”. Disse Delegado.

Diante disso, foi desencadeada um operação integrada entre as forças de segurança pública, com auxílio do cão farejador Luke do corpo de bombeiros de Sorriso, helicóptero do Centro integrado de operações aéreas (Ciopaer), Polícia Militar, e Polícia Civil. Foram realizadas buscas por toda região mais até o momento não foi possível localizar o paradeiro de Claudemir Ramos Quintino, de 10 anos.

Delegado Nilson Farias informou que como a cidade onde o menino sumiu conta apenas com 3 investigadores, o investigação fica de responsabilidade da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Sorriso (420 km ao norte).

Familiares do menino desaparecido estão fazendo apelo, através das redes sociais, no intuito de obter informações do paradeiro do menino. A família está confiante que o caso seja solucionado em breve e que o pequeno Claudemir seja encontrado com vida.

Fonte: Daniel Da Silva/Site Lapada

Comentários Facebook

Nova Ubiratã

Cidade no interior de MT fica mais de 5 horas sem energia; Veja vídeo

Daniel da Silva

Publicado

Empresários e moradores reclamam da falta de energia elétrica no município de Nova Ubiratã, a 502 km da capital, Cuiabá.

Neste sábado (18), o município referido ficou cerca de 5 horas sem energia elétrica, conforme apurado por esta reportagem. Por volta das 15h00, foi desligada a rede de energia, sendo restabelecida as 19h10.

As interrupções no fornecimento de energia elétrica podem afetar os eletrodomésticos, principalmente computadores, geladeiras e TVs, aparelhos muito sensíveis e que podem queimar com as quedas bruscas de energia. Com isso empresários da sede do município e distritos reclamam das quedas e falta de energia e também o aumento no valor da tarifa no final do mês.

O aumento na tarifa deixou a população indignada e cobrou das autoridades uma intervenção junto aos órgãos competentes, para que a empresa, explique o porquê desse aumento exorbitante. Contudo as autoridades públicas e políticas de Nova Ubiratã, a poucos meses fizeram um abaixo assinado desfavor da empresa energisa, por mal atendimento e preço abusivo na conta de energia.

A falta de energia nesta tarde de sábado, deixou o município sem sinal de celular, dificultando a comunicação entre as pessoas.

Empresários do município questionam a irresponsabilidade da empresa responsável por não comunicar o desligamento da rede de energia elétrica. E ainda ressalta o mal atendimento, preço abusivo no valor da conta de energia e demora em realizar a manutenção da rede.

De acordo com as informações apuradas, foi desligada a linha de transmissão de rede de energia, para manutenção de cabos de energia que foram rompidos. Foi tentado contato com a empresa energisa através da assessoria de imprensa, mais não tivemos resposta.

DIREITOS:
O consumidor que sofrer com a falta de luz em um período de até quatro horas deve ter um desconto na conta de energia, segundo exigência da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Segundo a advogada especialista em direito do consumidor Andréia Gomes, o cliente não precisa solicitar este benefício.

“As próprias distribuidoras calculam automaticamente o valor a partir das interrupções de fornecimento que registram. O desconto é concedito na conta de luz dois meses após o problema”, afirma a advogada.

Fonte: Daniel Da Silva/Site Lapada

Comentários Facebook
Continue lendo

Nova Ubiratã

Homem é morto a facadas na sua própria casa no interior de MT

Daniel da Silva

Publicado

Homem é morto a facadas na sua própria casa no distrito de Entre Rios (Foto:Site Lapada)

Cláudio Gomes Ribeiro de 46 anos, foi morto a facadas no distrito de Entre Rios, no município de Nova Ubiratã, a 502 km da capital do estado.

O corpo de Cláudio foi encontrado na manhã desta quarta feira (15), jogado sobre uma rede de balançar na sua própria residência.

Preliminarmente foi possível concluir, que a vítima foi morta por arma branca, do tipo faca. A Polícia Militar esteve no local e realizou rondas pela comunidade no intuito de tentar encontrar o suspeito do crime, mais não obteve sucesso.

O corpo foi recolhido encaminhado ao instituto médico legal (IML), paras exames de necropsia.

Mais informações em instantes.

FONTE: Daniel Da Silva/ Site Lapada Ubiratã

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana