conecte-se conosco


Policial

Maior é preso e menor apreendido por roubo a residência em Várzea Grande

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Dois jovens, um deles menor de idade, identificados como autores de um roubo a residência em Várzea Grande foram detidos pela Polícia Judiciária Civil, poucas horas após o crime, durante trabalho investigativo da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF-VG).

O assalto a mão armada ocorreu na manhã de domingo (12.01), quando dois suspeitos em posse de um revólver calibre 38, invadiram a residência no bairro Paiaguás em Várzea Grande. Para entrar na casa, os criminosos renderam o filho do casal no portão e em seguida pularam o muro da residência.

A família foi feita refém e ameaçada de morte, enquanto os suspeitos subtraíam diversos objetos da casa, como aparelhos celulares, televisões, notebook, joias e dinheiro. O crime contou ainda com a participação de um terceiro, que ficou em um veículo do lado de fora da casa, para dar apoio a fuga dos criminosos.

Assim que os policiais da DERF-VG foram acionados do crime, iniciaram as diligências conseguindo informações que levaram a identificação de dois suspeitos, um deles menor de idade, como autores do crime. Com base nos levantamentos, os suspeitos foram detidos  e encaminhados a DERF-VG. Parte dos objetos roubados foram recuperados e restituídos à família.

Na delegacia, eles foram seguramente reconhecidos pelas vítimas como os envolvidos na ação criminosa. Interrogados, pelo delegado Afonso Monteiro da Silva Junior, os dois suspeitos confessaram a atuação no assalto e o menor de idade, contou ainda que pegou o carro do pai que estava dormindo para praticar o roubo.

Diante dos fatos, o suspeito maior de idade foi autuado em flagrante pelos crimes de roubo majorado e corrupção de menores, sendo posteriormente encaminhado para Penitenciária Central do Estado (PCE). O menor infrator, após ser ouvido, foi conduzido a Delegacia Especializada do Adolescente (DEA) para as providências cabíveis.

 

Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil prende suspeitos de furto de caixa eletrônico de supermercado da capital

Avatar

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Dois homens identificados como autores da tentativa de furto qualificado de um caixa eletrônico em um supermercado da Capital foram presos em flagrante nesta segunda-feira (13.07), em ação realizada pela Gerência de Combate ao Crime Organizado da Polícia Civil.

O furto ocorreu na madrugada desta segunda-feira quando os criminosos utilizado artefato explosivo tentaram subtrair valores do caixa 24 horas, localizado dentro do supermercado no bairro Jardim Califórnia. Na ação, os suspeitos não conseguiram levar o dinheiro do caixa, porém subtraíram fardos de cerveja do estabelecimento.

Assim que foi acionada, a equipe da GCCO realizou atendimento no local dos fatos e com apoio do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar retirou o artefato utilizado pelos suspeitos, que ainda estava no caixa eletrônico.

Durante as diligências, os policiais da GCCO conseguiram identificar um dos envolvidos no crime, que foi localizado em sua residência no bairro Areão. Questionado, inicialmente o suspeito negou que tivesse saído de casa durante a noite, porém com ele foi encontrado um simulacro de arma de fogo e uma sacola com as roupas utilizadas na ação criminosa.

Diante das evidências, o investigado confessou a autoria dos fatos e também identificou seu primo como comparsa no crime.  Diante da informação, os policiais foram até a casa do segundo suspeito, localizada no mesmo bairro.

Ao perceber a presença da equipe, ele tentou fugir pelos fundos da casa, porém foi detido por policiais que monitoravam o local. Além das duas prisões, com um dos suspeitos foram apreendidas três chaves de veículos importados, subtraídas junto a outros objetos de uma concessionária de Cuiabá no início do mês de junho.

Segundo a delegada da GCCO, Juliana Chiquito Palhares, pelas imagens é possível perceber que ao menos três suspeitos participaram da ação criminosa, sendo realização a prisão em flagrante de dois deles e identificação do terceiro.

 “Os três suspeitos ostentam passagens criminais, desta foram foi realizada a prisão em flagrante dos dois detidos pelo crime de furto qualificado pelo emprego de artefato explosivo e representado pela prisão preventiva do terceiro comparsa, ainda não localizado”, disse a delegada.

 

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

CAAPORA III: PRF apreende mais de 800 m³ de madeira ilegal em Mato Grosso

Avatar

Publicado


.

Além do combate ao transporte irregular de produto florestal, equipes realizaram fiscalização de emissão de poluentes

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deflagrou, entre os dias 2 e 8 de julho, a terceira etapa da Operação Caapora. Em mais uma ação de combate aos crimes ambientais com foco na fiscalização de produto florestal a PRF apreendeu 842 m³ de madeira e carvão vegetal. Foram também registradas 14 ocorrências envolvendo cometimento de crime de poluição.

As fiscalizações ocorreram na BR-174, em Comodoro/MT e contaram com uma equipe de aproximadamente 16 PRFs. O INDEA (Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso) também participou das fiscalizações com 2 servidores, além de militares do Exército Brasileiro.

As cargas de madeira necessitam ser acompanhadas de nota fiscal e documento de origem florestal ou guia florestal. Qualquer irregularidade entre os documentos ou entre eles e a carga, tornam os documentos inválidos e a carga ilegal.

Com relação aos crimes de poluição, as ocorrências foram por irregularidades com ARLA 32, que é o Agente Redutor Líquido de Óxido de Nitrogênio Automotivo. Trata-se de um reagente utilizado juntamente com o Sistema de Redução Catalítica (SRC) para reduzir a emissão de óxido de nitrogênio nos gases de escape de veículos à diesel.

Confira os resultados da Operação em Mato Grosso:

Veículos fiscalizados 629
Veículos apreendidos 39
Ocorrências 41
Madeira apreendida 842 m³
Pessoas detidas e encaminhadas 41

No ano de 2019, Mato Grosso foi o estado que mais apreendeu madeira no país, totalizando 7.000 m³. Em 2020 (de 01 de janeiro à 08 de julho), os números já somam 5.840 m³, mais que o dobro em relação ao mesmo período em 2019 (2.340 m³).

Mesmo em tempos de pandemia, a PRF vem atuando fortemente no combate aos crimes ambientais afim de garantir um meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum e direito de todos, previsto constitucionalmente.

SECOM PRF MT

 

 

 

 

Fonte: PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana