conecte-se conosco


Carros

Novo Mercedes-Benz GLA estreia mais espaçoso e tecnológico

Avatar

Publicado

source

Motor Show

Mercedes-Benz GLA arrow-options
Divulgação

Mercedes-Benz GLA ganha sistema de inteligência artificial MBUX em sua nova geração

A Mercedes-Benz apresentou oficialmente nesta quarta-feira (11) o novo GLA. A nova geração do menor SUV da marca alemã chega trazendo novas tecnologias e dimensões mais generosas.

LEIA MAIS: Veja 5 modelos inéditos que vão estrear no Brasil em 2020

Embora seja 14 mm mais curto do que o GLA atualmente no mercado (4,410 m), o SUV de nova geração ficou 30 mm mais largo (1,834 m), 104 mm mais alto (1,611 m) e ganhou 30 mm no entre-eixos (2,729 m). De acordo com a montadora, além do maior espaço para a cabeça nos bancos dianteiros, a área para as pernas dos passageiros do banco traseiro também aumentou.

Junto do sistema multimídia inteligente MBUX, já visto no Brasil em modelos como o novo Classe A (com o qual compartilha a plataforma), o GLA ganhou também novos sistemas autônomos de assistência ao motoristas, permitindo ao veículo, por exemplo, executar manobras evasivas para evitar acidentes.

Outra novidade é o modo “Lava Rápido”, lançado inicialmente no irmão maior GLS. Com um comando, o veículo dobra os retrovisores, fecha o teto-solar, o limpador de para-brisa é desligado e o sistema de recirculação de ar é acionado. Já o sistema multimídia passa a exibir as imagens da câmera dianteira.

LEIA MAIS: Alfa Romeo Tonale é o primeiro SUV eletrificado da marca italiana

As vendas na Europa estão marcadas para começar até o fim do 1º semestre de 2020. Mas a marca já divulgou as motorizações a gasolina para o modelo. A versão inicial do SUV é a GLA 200, que traz um motor 1.3 turbo de quatro cilindros e 163 cv. Combinado a um câmbio automatizado de sete marchas e dupla embreagem, permite ao GLA acelerar de 0-100 km/h em 8,7 segundos e atingir os 210 km/h de velocidade máxima.

LEIA MAIS: Chevrolet Tracker aparece sem camuflagem. Estreia acontecerá em 2020

Já a versão AMG é a GLA 35 4Matic. Equipada traçãi integral e um motor 2.0 turbo de quatro cilindros e 306 cv, acelera de 0-100 km/h em 5,1 segundos e atinge 250 km/h de velocidade máxima (limitada eletronicamente).

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook

Carros

Fiat Mobi fica mais caro e Renault Kwid passa a ser novo carro mais barato

Avatar

Publicado

source
Fiat Mobi arrow-options
Divulgação

Fiat Mobi Drive também teve seus preços reajustados na oferta de equipamentos e opcionais

Com a virada para a linha 2020, o Fiat Mobi ficou mais caro em todas as versões e, agora, não ostenta mais o título de carro mais em conta do Brasil. Com o reajuste de R$ 1,5 mil em sua versão de entrada, ele passou a custar R$ 34.990, e perdeu o posto para o Renault Kwid Life, de R$ 34.790. A versão que mais encareceu foi a intermediária Like, que após aumento de R$ 1.700, agora sai por R$ 43.690.

LEIA MAIS: Renault Kwid enfrenta o rival Fiat Mobi, mas não tem vida fácil

Outro ponto foi o encarecimento dos opcionais do Fiat Mobi . O pacote chamado de Kit Funcional agora sai por R$ 2.240 (aumento de R$ 40), oferecendo travas elétricas, pré-disposição para rádio, limpador e lavador do vidro traseiro, desembaçador traseiro e vidros elétricos dianteiros com função um toque. Um agregado entre os opcionais é o desembaçador dianteiro com ar quente, com preço de R$ 690.

As cores, por sua vez, foram outro item a subir de preço, com os tons sólidos Vermelho Monte Carlo e Branco Banchisa que antes saíam por R$ 500, e agora custam para R$ 700. Por fim, o câmbio GSR não é mais oferecido no Mobi. Com isso, apenas Argo e Cronos ainda contam com a transmissão automatizada. No mais, tanto a versão Easy Comfort (R$ 39.340), quanto a Way (R$ 43.840) e a Drive (R$ 46.340), sofreram aumento de R$ 350.

Enquanto aguarda nova geração, Kwid ainda não teve reajuste

Kwid arrow-options
Divulgação

Por R$ 200 de diferença ante o Fiat Mobi, Renault Kwid se torna o carro mais em conta do Brasil

O subcompacto da Renault, já vendido no modelo 2020, ainda não viu um aumento de preços mais recente. Na versão Life, por R$ 34.790, o Kwid conta somente com os quatro airbags (laterais e frontais), ISOFIX, predisposição para rádio, rodas de 14 polegadas e indicador de troca de marcha.

LEIA MAIS: Saiba o valor do seguro dos carros mais vendidos do Brasil

A versão acima, Zen, custa R$ 40.390 e adiciona direção elétrica, ar-condicionado, travas e vidros elétricos dianteiros, além do opcional rádio com Bluetooth e USB. Antes da versão de Outsider (R$ 45.390) — que adiciona adereços aventureiros — está o Intense (R$ 42.890), com retrovisores elétricos, faróis de neblina cromados, central multimídia Media Nav 2.0, câmera de ré, abertura elétrica do porta-malas, rodas de liga leve e chave canivete.

Vale lembrar que a nova geração do Renault Kwid já foi lançada na Índia, país de origem do projeto. Por fora, a principal novidade é a dianteira totalmente renovada, que agora traz luzes diurnas de LED em um conjunto separado dos faróis principais. Na traseira, os para-choques foram redesenhados e as lanternas ganharam luzes de LED.

Assim como o carro brasileiro, o Renault Kwid indiano passa a contar com rodas de 14 polegadas. O visual do carro das imagens será aplicado ao Kwid Outsider no Brasil.

LEIA MAIS: VW Up! Connect 170 TSI: pequeno notável, mas precisa ganhar apelo

No interior do Renault Kwid , o painel central agora conta com comandos dos vidros elétricos em posição mais alta (idênticos ao brasileiro) e um quadro de instrumentos digital com conta-giros. Já o sistema multimídia passa a ser compatível com Android Auto e Apple CarPlay. A Renault mexeu ainda nos bancos dianteiros do hatch compacto , que ganharam espumas mais altas. Já o conjunto mecânico do hatch subcompacto segue sem alterações, com os motores 0.8 e 1.0 de três cilindros e a opção de câmbio automatizado de cinco marchas.

Veja abaixo os preços da linha 2020 dos Fiat Mobi e Renault Kwid:

Fiat Mobi

Easy: R$ 34.990 (aumento de R$ 1.500)
Easy Comfort: R$ 39.340 (aumento de R$ 350)
Like: R$ 43.690 (aumento de R$ 1.700)
Way: R$ 43.840 (aumento de R$ 350)
Drive: R$ 46.340 (aumento de R$ 350)

Renault Kwid

Life: R$ 34.790
Zen: R$ 40.390
Intense: R$ 42.890
Outsider: R$ 45.390

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Carros

BMW começa a vender a nova versão esportiva M135i xDrive no Brasil

Avatar

Publicado

source
BMW M135i M azul arrow-options
Divulgação

BMW M135i XDrive: esportivo é capaz de acelera de 0 a 100 km/h em apenas 4,9 segundos, conforme os números da fabricante

A BMW traz a versão esportiva M135 xDrive (R$ 269.950) ao Brasil para encarar o  Mercedes A35 AMG (R$ 279.900), ou seja, R$ 10 mil a menos. Na comparação com as demais versões o Série 1 topo de linha vem com itens como pacote M aerodinâmico, que inclui os novos para-choques, spoiler traseiro, retrovisores revestidos e o novo design das rodas de 18 polegadas.

LEIA MAIS: Aceleramos os novos BMW Z4 e M850i no Autódromo de Interlagos

Por dentro, o carro também conta com itens exclusivos, como o acabamento que combina aço escovado com couro e Alcântara, além de bancos dianteiros esportivos, soleiras das portas e cintos de segurança da divisão M Sport. Outro destaque fica por conta do sistema de som de alta-fidelidade Harman Kardon, com 16 alto-falantes e do sistema que estaciona o carro sozinho.

BMW M135i arrow-options
Divulgação

Duas saídas de escape na traseira deixam claro que o hatch esportivo não é de brincadeira, com seus 306 cv de potência

 O sistema multimídia tem tela de 10,25 polegadas e pode funcionar com comando de voz e pode ser configurada de acordo com as preferências pessoais do usuário inclui, entre outras informações, dados do sistema de navegação e preparação para o Apple Car Play. Além disso, o sistema é capaz de aprender os hábitos do motorista e adaptar suas funções, como por exemplo, ligar automaticamente o aquecimento dos bancos em certa temperatura.

O multimídia é conectado à internet por meio de um um SIM Card que permite ter informações sobre condições de trânsito em tempo real, bem como receber alertas sobre a necessidade de manutenção de componentes, pontos de interesse, programações de salas de cinema, recomendações de restaurantes, efetuar reservas e poder acionar os serviços de emergência em caso de acidente.

BMW M135i arrow-options
Divulgação

Interior é bem moderno e tem vários recursos interessantes, como o multimídia conectado à internet e o cluster configurável

Com 4,319 metros de comprimento, a nova geração é 5 milímetros mais curta que seu antecessor. Em termos de largura, agora com 1,799 m, o novo modelo cresceu 34 mm, enquanto a altura, de 1,434 m, aumentou 13 mm. A distância entre-eixos de 2,670 m, por sua vez, é 20 mm mais curta que a da geração anterior

 LEIA MAIS: BMW X2: SUV se mostra um contraponto em um mundo cada vez mais chato

O conjunto mecânico vem com motor 2.0 turbo, de 306 cv e 45,9 kgfm de torque entre 1.750 rpm e 4.500 rpm, números para acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 4,7 segundos e atingir 250 km/h. E na transmissão, o câmbio é  automático, de oito marchas, Para se adequar ao bom fôlego do trem de força, tanto suspensão quanto freios contam com ajustes com aval da  M Sport.

Fonte: IG Carros
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana