conecte-se conosco


Meu Pet

Hidroterapia ajuda na recuperação de cães e gatos; saiba como

Avatar

Publicado

source

Com o grande crescimento do mercado pet – setor faturou 20 bilhões em 2018 – a medicina veterinária tem se desenvolvido muito. Entre os serviços oferidos está a hidroterapia, técninca que ajuda a solucionar vários problemas de saúde de cães e gatos. Doenças ortopédicas, neurológicas,  obesidade e artrofia muscular são alguns deles. 

cachorro fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia está sendo muito utilizada pela medicina veterinária

A hidroterapia, como o próprio nome diz, se baseia em exercícios realizados na água. A flutuabilidade ajuda a diminuir o peso corporal e facilita o exercício. Além disso, a resistência da água dificulta a movimentação, auxiliando o ganho de massa muscular. Rodrigo Posso, veterinário franqueado da Petland, afirma que esses fatores “contribuem para melhora clínica sem os efeitos das atividades no solo, como cansaço, aumento da pressão arterial e impacto nas articulações”. 

Exatamente por isso os casos mais recomendados são de animais que necessitam de um exercício para fortalecimento muscular e não podem sofrer sobrecarga em articulações devido a artroses e outros problemas osteoarticulares. A técnica terapêutica também é muito indicada para os pets que precisam perder peso com o propósito de perda de gordura e ganho de massa muscular.

gato fazendo hidroterapia arrow-options
Divulgação

A hidroterapia ajuda na recuperação de muitos animais

Para os animais que sentem dor a atividade pode até se tornar prazerosa, já que a pressão hidrostática da água morna sobre os membros serve como uma massagem e proporciona conforto. 

Leia também: Como saber se o gato gordo está obeso ou apenas acima do peso?

“Os benefícios da terapia são percebidos após 15 ou 30 dias do início das sessões. Entre eles estão maior equilíbrio e coordenação, fortalecimento e ganho de massa muscular, melhora das articulações e da circulação sanguínea, da pressão arterial e do condicionamento físico, além da parte cardiorrespiratória, diminuição do peso e alívio das dores”, finaliza Rodrigo. 

Fonte: Canal do Pet
Comentários Facebook

Meu Pet

Cachorro ciumento derruba e quebra celular de dona como vingança

Avatar

Publicado

source

O cão Goose não demonstrou um pingo de culpa depois de quebrar o celular de sua dona Megan Sabljakovic. A expressão em seu rosto, na verdade, parece dizer “você mereceu, mãe”. O cachorro ciumento percebeu que Megan estava com outro cão e não gostou nada disso. 

Leia também: Husky com aparência diferente faz sucesso na internet e ganha lar

cachorro arrow-options
Facebook/ Megan Sabljakovic

Cão fofo de três quilos que fez Megan “trair” seu cachorro


“Sou uma pessoa horrível. Traí meu cachorro com esse outro peludinho de três quilos”, escreveu no Facebook. “Quando ele descobriu minha transgressão, veio direto no meu bolso, derrubando meu celular no chão. A tela não sobreviveu, nem o aparelho em si”, desabafou a norte-americana. 

cachorro e celular arrow-options
Facebook/ Megan Sabljakovic

Cachorro ciumento que quebrou celular de dona e prova do crime


Ela teve que arcar com um prejuízo de US$200, definitivamente um gasto que não estava esperando ter. “Karma é real e acontece mesmo”, finalizou.

Fonte: Canal do Pet
Comentários Facebook
Continue lendo

Meu Pet

Cachorro fareja tumor na perna de dona e salva sua vida

Avatar

Publicado

source

Durante sete meses o cão Dave ficou cavando e farejando a perna de sua dona Danielle King, até que ela se desse conta de que tinha algo errado. O cachorro da raça staffordshire bull terrier foi responsável por evitar que a dona morresse com um tumor do tamanho de uma bola de rugby que estava crescendo em sua coxa. 

Leia também: Reação de cachorro ao ver coiote se divertindo com seus brinquedos viraliza

Cachorro fareja tumor em sua dona arrow-options
shutterstock

Cachorro fareja tumor em sua dona


Um dia Danielle, que mora no Reino Unido, começou a sentir muita dor vindo do lugar que Dave ficava “batendo”. Ela decidiu ir ao médico e o resultado foi ter que passar por uma cirurgia de oito horas e meia para a remoção do tumor que media 20cm x 15cm x 10cm. Ela foi diagnosticada com um tipo raro de câncer que causa tumores nos ossos.

“Sempre direi que meu cachorro salvou minha vida, quem sabe o que teria acontecido comigo se eu esperasse mais algumas semanas para ir ao médico”, contou em entrevista ao site Metro UK. “Sempre que eu me sentava ou deitava ele ficava uivando e cavando na minha perna, e eu não entendia.” Agora, a inglesa está saudável novamente, graças aos sinais de seu cão Dave. 

Fonte: Canal do Pet
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana