conecte-se conosco


Saúde

Bebê com distúrbio raro precisa de cuidados especiais para evitar infecções

Avatar

Publicado

O pequeno Michal Winter, de dois anos de idade, nasceu com ictiose arlequim, um grave distúrbio genético caracterizado pelo espessamento da camada de queratina que forma a pele. As pessoas com essa condição possuem a pele grossa, que tende a repuxar e esticar, causando deformações e feridas no rosto e ao longo do corpo.

Leia também: Mãe se recusa a amamentar filho que nasceu com condição rara

bebê com ictiose arlequim arrow-options
Reprodução/Facebook/Anna Ciesielska

Michal Winter, de dois anos, tem ictiose arlequim, um raro distúrbio genético que o faz precisar de cuidados especiais

Por conta do distúrbio , a mãe, Anna Ciesielska, de 30 anos, que vive no Reino Unido, precisa aplicar hidratante a cada quatro horas no corpo do filho. A condição rara faz com que Winter não ande e prejudicou seu crescimento, deixando-o o menor que o tamanho ideal de uma criança de sua idade.

No geral, cerca de uma a cada 500 mil pessoas nascem com a enfermidade e, nos Estados Unidos, sete nascimentos anuais apresentam a ictiose arlequim , segundo informações da Organização de Doenças Raras do país. Para se ter uma ideia, a taxa de mortalidade depois de três semanas do nascimento é grande e a média de vida é até os três anos de idade.

Leia também: Conheça a bebê que sofre de doença tão rara que nem sequer tem nome

De acordo com a Caters News Agency , por conta de sua aparência, o bebê é constantemente vítima de olhares. “Eu estava em uma loja e alguém veio até nós, olhou para Michal e perguntou se ele era um boneco”, diz Anna, acrescentando que, quando ele começou a se mover, “eles ficaram surpresos por ele ser um menino de verdade.”

A mãe ainda conta que, quando o filho nasceu, os médicos ainda não tinham o diagnóstico final. “Quando o vi pela primeira vez, fiquei muito chateada”, diz. Isso porque a mulher estava preocupada com o fato do bebê sentir dores por conta do distúrbio genético. Hoje, ela explica que, apesar dos desafio diários, a criança é “feliz e amorosa” e a enche de orgulho.

Cuidados especiais

No dia a dia, há vários cuidados necessários para evitar complicações à saúde. Além de utilizar hidratante no filho, a mãe também limita quanto tempo ele fica exposto ao sol e monitora a temperatura dos cômodos, pois ele não consegue regular sua própria temperatura corporal.

Leia também: Adolescente com doença rara se torna “alérgica a quase tudo”

“Ele tem sempre risco de infecção e de ficar doente”, diz. “Temos que ter muito cuidado o tempo todo”, completa. Apesar dos comentários maldosos que recebe de algumas pessoas por conta do distúrbio do filho, ela também recebe ajuda – e aproveita para agradecer. “Felizmente, tivemos apoio”, finaliza. 

Comentários Facebook

Saúde

Rio de Janeiro confirma 178 mil casos e 14 mil mortes da covid-19

Avatar

Publicado


.

O Rio de Janeiro registrou 178.524 casos confirmados e 14.070 mortes de covid-19. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) neste sábado (8). São mais 2.828 casos e 42 óbitos a mais nas últimas 24 horas. Há outros 1.005 óbitos em investigação e 159.372 pacientes se recuperaram da doença.

A capital lidera o número de casos, com 74.403 pessoas infectadas. Entre os demais municípios com maior número de casos, aparecem São Gonçalo (9.295), Niterói (9.290), Duque de Caxias (6.582), Macaé (6.149), Nova Iguaçu (4.437), Angra dos Reis (4.077), Volta Redonda (4.036), Itaboraí (3.495), Belford Roxo (3.323), Campos dos Goytacazes (3.273), Teresópolis (2.885), Magé (2.605), São João de Meriti (2.458), Maricá (2.392), Queimados (2.073) e Itaperuna (2.008).

A liderança no número de mortes também é da capital, com 8.606 casos. Entre os demais municípios com maior número de óbitos, aparecem São Gonçalo (601), Duque de Caxias (593), Nova Iguaçu (451), São João de Meriti (335), Niterói (310), Campos dos Goytacazes (228), Belford Roxo (223), Itaboraí (173), Magé (166), Petrópolis (147), Mesquita (144), Volta Redonda (134), Nilópolis (132), Angra dos Reis (124), Macaé (121), Itaguaí (97), Teresópolis (94) e Cabo Frio (89).

Edição: Mario Toledo

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Saúde

Pazuello lamenta mortes por covid- 19 e destaca tratamento precoce

Avatar

Publicado


.

Em nota divulgada neste sábado pelo Ministério da Saúde, o ministro interino  Eduardo Pazuello lamentou a marca de mais 100 mil mortes por covid-19. “Não se trata de números, planilhas ou estatísticas, mas de vidas perdidas que afetam famílias, amigos e atingem o entorno do convívio social”.

O documento diz ainda que o ministério permanece trabalhando durante 24 horas, em parceria com estados e municípios, para garantir que não faltem recursos, leitos, medicamentos e apoio às equipes de saúde.

Pazuello lembra que, a qualquer sinal ou sintoma da doença, as pessoas procurem imediatamente a Unidade Básica de Saúde mais próxima de sua casa. “A ida ao médico, o diagnóstico precoce e o início imediato do tratamento, com a prescrição do medicamento mais adequado a cada caso, é o que pode sim fazer a diferença”, disse.

O ministro agradece ainda “o empenho, dedicação e altruísmo” dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do enfrentamento à Covid-19 com o firme propósito de salvar vidas e afirma que Brasil ocupa o primeiro lugar no mundo em número de pacientes recuperados com mais de dois milhões de brasileiros curados.

 

Edição: Aécio Amado

Fonte: EBC Saúde

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana