conecte-se conosco


Policial

Homens têm papel fundamental no combate à violência contra a mulher

Avatar

Publicado

Nara Assis | Sesp-MT

Projeto é realizado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande desde 2014 – Foto por: Tchélo Figueiredo / Secom-MT

Posse e domínio. Na maioria dos casos de violência doméstica praticados contra mulheres, este é o sentimento que predomina como motivação. E é justamente isso que o projeto Papo: De Homem para Homem tenta desconstruir. Idealizada pelo titular da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso (DEDMCI) de Várzea Grande, Cláudio Álvares Sant’Ana, a iniciativa visa conscientizar os homens com relação ao combate da violência contra a mulher.

Só em 2019, o projeto alcançou cerca de mil pessoas. A ideia surgiu quando ele assumiu a DEDMCI, em junho de 2014, ao perceber que além da Lei Maria da Penha (11.340/06), que oferece proteção às vítimas, era necessário também desenvolver um trabalho preventivo junto ao público masculino. Segundo o delegado, a legislação é considerada a terceira melhor do mundo, mas o Brasil ainda é o 5º país com maior número de homicídios de mulheres, segundo o Mapa da Violência 2015.

“É uma questão cultural, o comportamento machista está arraigado na nossa sociedade. Pensando nisso, além das conversas com os homens nas empresas e órgãos públicos, fazemos palestras nas escolas também, trabalhando na base da educação dos jovens a importância de respeitar as mulheres, e entender que elas têm autonomia sobre a própria vida e o próprio corpo”, ressalta Cláudio Álvares.

Veja Também  Polícia Civil recupera caminhão furtado em Araputanga

O projeto ganhou força em 2018, conforme a iniciativa foi sendo divulgada e estruturada. “Fazemos a conscientização sobre os desgastes e o sofrimento que isso gera, não só para a mulher, mas para o homem também, e toda a família. Eu costumo dizer que a violência física dói muito, é traumática, mas as palavras, as humilhações e os gestos agressivos são difíceis de superar, é algo que machuca profundamente”.

A importância do envolvimento masculino nesta luta é o foco do Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres, celebrado nesta sexta-feira (06.12). Mas o delegado frisa que é preciso adotar esta postura diariamente, na contramão dos números. Só a DEDMCI de Várzea Grande teve 1.650 inquéritos instaurados este ano e 1.690 concluídos (o número é maior porque inclui investigações iniciadas em 2018). Também em 2019, foram efetuadas cerca de 40 prisões pela unidade.

Sobre a data

O Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres foi oficializado por meio do Decreto de Lei nº 11.489, de 20 de junho de 2007. A data remete a um caso de violência contra as mulheres que chocou o mundo. Em 06 de dezembro de 1989, Marc Lepine, um jovem canadense de 25 anos, invadiu uma sala de aula da Escola Politécnica de Montreal (Canadá) e ordenou que todos os homens abandonassem o local, para que pudesse assassinar todas as mulheres daquela turma.

Veja Também  Policiais civis cumprem mandado de prisão contra foragido de SP

Logo após o ato hediondo, Marc suicidou-se, e deixou uma carta explicando os motivos que o levaram a isso. Ele não admitia que mulheres frequentassem o curso de Engenharia, uma área tradicionalmente masculina, segundo Marc. Comovidos e chocados com este caso, um grupo de homens canadenses criou a Campanha do Laço Branco (White Ribbin Campaign), um movimento que visa fomentar a igualdade de gêneros e uma nova visão sobre a masculinidade.

Assim, o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres nasceu da Campanha Laço Branco, que no Brasil é coordenada pela Rede de Homens pela Equidade de Gênero (RHEG).

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil apreende mala com 10 tabletes de maconha dentro de ônibus

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma mala carregada com 10 tabletes de maconha foi apreendida pela Polícia Judiciária Civil de Barra do Garças (502 km ao Leste de Cuiabá), na segunda-feira (13.01), no município de Canarana (823 km ao Leste da Capital). A ação resultou na apreensão de um adolescente, flagrado no momento em que tentava retirar a bagagem junto a empresa de ônibus.

Antes da apreensão do menor, uma jovem foi apreendida pela Polícia Militar, transportando 15 tabletes de maconha no mesmo ônibus. A adolescente foi conduzida a Central de Flagrantes, ocasião em que foi descoberto que ela trazia outra mala no ônibus com mais drogas.

Com base nas informações, os policiais civis saíram em diligências, conseguindo localizar a mala com mais 10 tabletes de maconha já na cidade de Canarana. Diante das evidências, os policiais de Barra do Garças acionaram os investigadores de Canarana que realizaram a apreensão da droga.

O menor infrator foi detido no guichê da empresa na cidade de Barra do Garças, quando tentava receber a mala com a droga. Segundo o delegado, Wilyney Santana Borges, responsável pela lavratura do ato infracional, a apreensão do adolescente foi possível graças a perspicácia dos escrivães e investigadores que trabalharam no caso, assim como a ação rápida dos policiais de Canarana.

Veja Também  Policiais civis cumprem mandado de prisão contra foragido de SP

“O trabalho bem desenvolvido contou com a colaboração do escrivão de polícia Gilvan, que ajudou no esclarecimento dos fatos, bem como os investigadores Adão, Abel e Gleimater, que verificaram as informações, que levaram a apreensão do menor e da mala de entorpecentes”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil apreende adolescente suspeito de roubo a loja no interior do estado

Avatar

Publicado

Assessoria/PJC-MT

Polícia Civil de Guarantã do Norte (715 km ao norte de Cuiabá) apreenderam nesta quinta-feira (16.01) um adolescente suspeito pelo roubo a uma lan house na cidade. O crime ocorreu na noite de quarta-feira quando o suspeito entrou na loja, anunciou o roubo pedindo para entregar dinheiro do caixa e fugiu levando também celulares das vítimas.

Após comunicada do roubo, a Polícia Civil iniciou diligências e na tarde desta quinta-feira, os investigadores conseguiram identificar, localizar e apreender o adolescente e recuperar um dos celulares roubados.

O adolescente possui outras passagens pela polícia, tendo inclusive cumprido medida de internação provisória, determinada pela justiça, no Sistema Socioeducativo do estado.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Também  Policiais civis cumprem mandado de prisão contra foragido de SP
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana