conecte-se conosco


Entretenimento

Cantora protesta no Grammy Latino: “No Chile, torturam, estupram e matam”

Avatar

Publicado

O Grammy Latino aconteceu na noite da última quinta-feira (14), em Las Vegas, nos Estados Unidos, e um protesto chamou atenção de quem passou pelo tapete vermelho. A cantora chilena Mon Laferte mostrou os seios com a mensagem: “No Chile, torturam, estupram e matam”. Ela estava indicada ao prêmio de Canção do Ano por Amarrame , gravada em parceria com Juanes.

Leia também: A eterna esnobada do pop! Katy Perry segue sem vencer o Grammy

Mon Laferte arrow-options
Reprodução/Instagram/@monlaferte

Mon Laferte fez protesto no Grammy Latino


Com apresentações de Alicia Keys, Anitta, Alejandro Sanz, Fito Páez e Luis Fonsi, a 20ª edição do Grammy Latino  aconteceu na MGM Grand Garden Arena. A edição comemorativa contou com números de cerca de 50 artistas de vários países, incluindo a brasileira Paula Fernandes. A cerimônia começou por volta das 22h (horário de Brasília) e foi comandada por Ricky Martin e pelas atrizes Roselyn Sánchez e Paz Vega.

Leia também: Confira todos os vencedores e performances do Grammy 2019

Entre os brasileiros que concorreram em categorias gerais (não só as específicas para a música em português) estavam: Anitta, Tiago Iorc, Criolo, Nego do Borel, o pianista André Marques e o trio instrumental formado por Edu Ribeiro, Fábio Peron e Toninho Ferragutti.

Anitta (que postou no Instagram uma propaganda do prêmio com seu rosto na Times Square, em Nova York) concorreu na categoria Melhor Álbum de música urbana por “Kisses”, mas quem levou o prêmio foi a Bad Bunny com “X 100PRE”. Tiago Iorc venceu ao prêmio de Canção do Ano com Desconstrução e Marília Mendonça levou o prêmio de Melhor Álbum Sertanejo por “Em Todos os Cantos”. 

Leia também: “Nenhum sistema vai nos calar”, diz Fernanda Montenegro ao lançar livro

Confira os vencedores nas categorias em língua portuguesa:

Álbum pop

  • “O tempo é agora”, Anavitória (VENCEDOR)
  • “Tarântula”, As bahias e a cozinha mineira
  • “Todxs”, Ana Caãas
  • “Para dias ruins”, Mahmundi
  • “Selfie”, Jair Oliveira

Sertanejo

  • “Hora certa”, Paula Fernandes
  • “Francis e Felipe”, Francis e Felipe
  • “Em todos os cantos”, Marília Mendonça (VENCEDOR)
  • “Live móvel”, Luan Santana
  • “Ao vivo em São Paulo”, Mano Walter

MPB

  • “O amor no caos”, Zeca Baleiro
  • “Canta Tito Madi”, Nana Caymmi
  • “Tudo é um”, Zélia Duncan
  • “Tempo mínimo”, Delia Fischer
  • “Ok ok ok”, Gilberto Gil (VENCEDOR)
  • “Besta fera”, Jards Macalé

Rock

  • “Vulcão”, The Baggios
  • “O futuro não demora”, BaianaSystem (VENCEDOR)
  • “O céu sobre a cabeça”, Chal
  • “Goela abaixo”, Liniker e os Caramelos
  • “Matriz”, Pitty

Samba/pagode

  • “Canta sereno e moa”, Nego Álvaro
  • “Mart’nália canta Vinicius de Moraes”, Mart’nália (VENCEDOR)
  • “De todos os tempos”, Monarco
  • “Em sua direção”, Péricles
Comentários Facebook

Entretenimento

Mariana Rios fala sobre aborto espontâneo: “Eu sabia que seria assim”

Avatar

Publicado


source
Mariana Rios
Reprodução/Instagram

Mariana Rios


Mariana Rios fez um vídeo emocionante nesta segunda-feira (13) para agradecer as centenas mensagens que recebeu de várias pessoas e, principalmente, de mulheres que assim como ela sofreram aborto espontâneo no início da gravidez.

A atriz começou revelando que dois meses atrás tinha sonhado com um irmão falecido aos dois anos de idade, quando ela tinha quatro anos. Mariana conta que sempre pediu para sonhar e teve um sonho muito emocionante. Ao acordar, tinha certeza que estava grávida, o que foi comprovado através de exames.

“Por que eu estou contando isso pra vocês? Porque lá no fundo do meu coração, eu sabia que seria assim. Ele iria chegar, iria ficar um pouquinho, escancarar todos os meus sorrisos e iria partir porque precisava”, explicou.


Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Dubladora de Moana, Any Gabrielly fala sobre processo para o Now United

Avatar

Publicado


source
Any Gabrielly fará live às 17h com o iG
Reprodução/Instagram

Any Gabrielly fará live às 17h com o iG


Quem participou de um  bate-papo com o iG  nesta segunda-feira (13) foi a cantora Any Gabrielly . Conhecida por dublar a Moana na versão brasileira do filme da Disney, a artista falou também sobre o processo para participar do grupo musical Now United, formado por vários jovens, cada um de um país.

Sobre a  dublagem de Moana, uma das poucas princesas pretas da Disney, ela disse que foi escolhida através de um teste e, na época, tinha apenas 13 anos. Mesmo sendo uma das candidatas mais jovens, ela se saiu muito bem ao cantar as músicas do filme e foi a escolhida. 

Já para entrar no Now United, Any conta que foi um processo bem longo e complicado. “Eu estava na minha escola de dança e chegou um folhetinho do Now United, e queriam meninas de 16 a 19 anos e eu tinha 14 na época. Chegou a primeira audição e eu dei minha cara a tapa”, disse Any, que não tinha muitas esperanças de passar pelo primeiro teste e pensou em desistir.

Now United
Reprodução/Instagram

Now United


Mesmo não estando dentro da idade desejada, Any foi ao teste escolheu a música Valerie, de Amy Winehouse. Uma das juradas era Yonta Taiwo, que ficou muito emocionada com a apresentação. “A Yonta chorou. Ela disse que tava muito emocionada, muito feliz, disse que tinha achado a brasileira”, conta Any.

Ao todo, foram três audições. “Depois disso, fui para Los Angeles. Fui eu e mais uma menina brasileira e mais pessoas de vários outros países e tivemos uma semana de testes. Era muito intenso, era tudo analisado! O tempo inteiro entrevista, com câmera gravando (…) Teve uma parte do teste que o Sion [Fuller] resolveu aparecer e ele queria ver a gente fazendo um número cantando e um número dançando e eu falei assim: ‘E agora?’ Tivemos 45 minutos para se arrumar, preparar um número de canto e preparar um número de dança”. Mas, felizmente, após todo este aperto, deu tudo certo e hoje Any Gabrielly representa o Brasil no Now United!

Fonte: IG GENTE

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana