conecte-se conosco


Carros

Toyota Yaris da linha 2020 ganha nova versão com motor 1.5 no lugar do 1.3

Avatar

Publicado

Motor Show

Toyota Yaris arrow-options
Divulgação

Toyota Yaris chega mais equipado na configuração pensada para os que procuram mais itens de tecnologia

Apenas três meses após apresentar a linha 2020 do Toyota Yaris (que até então trazia como única novidade o sistema multimídia com Android Auto e Apple CarPlay), a Toyota decidiu mexer novamente no modelo, que sem avançar para a linha 2021 agora traz como novidade principal a nova configuração XL Plus Connect.

LEIA MAIS: Toyota Yaris terá pelo menos uma versão híbrida no Brasil

Disponível para as carroceria hatch e sedã, a nova versão substitui a XL Plus Tech e traz o motor 1.5 no lugar do 1.3. A Toyota mexeu ainda na nomenclatura das versões. A básica XL passa a ser chamada de Yaris XL Live e as configurações restantes ganham o nome Toyota Yaris Connect.

LEIA MAIS:  Toyota Yaris XL Plus 1.5: um sedãzinho eficiente

Na lista de equipamentos, a topo de linha Yaris XLS Connect agora passa a sair de fábrica com as luzes diurnas de LED. Item que até então era oferecido apenas como acessório de concessionária para o modelo. Os preços do Toyota Yaris seguem os mesmos divulgados em agosto para a linha 2020, com a versão XL Live partindo de R$ 66.490 (hatch) e o R$ 68.490 (sedã).

Veja Também  Como é andar em um caminhão da Mercedes com mais de 30 toneladas

LEIA MAIS: Toyota Yaris da linha 2020 estreia multimídia com Android Auto

Confira abaixo a tabela completa:

YARIS HATCH
1.5L
XLS CONNECT
CVT
R$ 83.990
X WAY CONNECT
R$ 81.990
XS CONNECT
R$ 77.990
XL PLUS CONNECT
R$ 71.990
1.3L
XL LIVE
R$ 68.590
MT
R$ 66.490
YARIS SEDÃ
1.5L
XLS CONNECT
CVT
R$ 85.990
XS CONNECT
R$ 80.990
XL PLUS CONNECT
R$ 75.190
XL LIVE
R$ 69.990
MT
R$ 68.490
Comentários Facebook

Carros

Segunda via da CNH pode ser pedida pela internet sem sair de casa

Avatar

Publicado


source
CNH
Divulgação

Aplicativo para celular vai permitir acessar a CNH em todo o Brasil sem precisar ir ao Detran

Aqueles que perderam ou tiveram a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) roubada ou furtada neste período da pandemia do Covid-19 têm a opção de pedir uma segunda via digital do documento, que é acessada por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito e tem o mesmo valor da via de papel.

A opção é válida desde o mês passado mesmo para as habilitações emitidas antes de maio de 2017, que não contavam com o QR Code anteriormente necessário para a ativação do serviço. Para obter a segunda via digital, é preciso que a CNH não esteja nem suspensa e nem cassada, ou que não haja a necessidade de alteração de dados pessoas como sobrenome, endereço e a inclusão do exercício de atividade remunerada.

CNH
Divulgação

Com a nova medida os motoristas vão economizar tempo para conseguir uma segunda via da CNH

Depois de fazer o pagamento da taxa de emissão da segunda via na rede bancária, que em São Paulo é de R$ 45,56, é necessário fazer um cadastro no Portal de Serviços Denatran, para onde até o dia seguinte do pagamento da taxa será enviado para o e-mail cadastrado um código para acessar a CNH digital.

Veja Também  Aceleramos a nova linha Audi RS e R8 até o limite e a exaustão

É possível ainda o pagamento da taxa de envio da CNH impressa pelos Correios. A promessa do Detran.SP é que a via impressa do documento será enviada para o endereço de cadastro após a normalização dos atendimentos presenciais.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Carros

Nova Harley-Davidson feita em parceria com chineses é revelada

Avatar

Publicado


source
Harley-Davidson 350 cc
Divulgação

Harley-Davidson 350 cc vai competir no mercado da Z300 e da MT-03, que compõem o segmento das nakeds esportivas de entrada

Depois de revelar as intenções de desenvolvimento da nova Harley-Davidson HD350, modelo de entrada da marca, agora são divulgados o motor e o chassi da novidade. Seu acordo com o Qianjiang Group, os proprietários da Benelli estão por trás do projeto.

Nas imagens é possível ver um modelo QJMotor QJ350-13, uma marca pertencente à Qianjiang, com o design e desenvolvimento do chassi e do motor baseados na Benelli 302S, mas com pequenas mudanças técnicas para receber o emblema Harley-Davidson .

Harley
Divulgação

Seu visual une o arrojo das esportivas com o perfil das urbanas, com rabeta curta, tanque elevado e pára-lamas traseiro alongado

Essa estratégia permite conter os custos durante a criação dos modelos derivados, como no caso dessa Harley-Davidson de entrada, que competirá em um mercado onde os preços são mais baixos. Ainda assim, todas as motos conseguem ter seu próprio design e estilo. No caso da Harley, será alinhada ao estilo tradicional da marca, que poderá se assemelhar à naked Bronx , mas com traços da QJ350-13.

Harley-Davidson
Divulgação

Ainda assim, a própria Harley-Davidson irá modificar suas linhas para que entre em conformidade com sua identidade visual

Conforme os documentos de aprovação, a capacidade volumétrica de 353 cc, e uma potência máxima de 36 cv, dois cavalos a menos que a Benelli 302S, mas se levar em conta o peril de comportamento das tradicionais, terá mais entrega de torque do que a chinesa, bem como níveis de emissão que já atendam ao Euro5.

Harley
Divulgação

Primeira da marca a explorar o segmento das esportivas de baixo custo terá visual mais próximo a essa projeção do modelo conceitual

Ainda não há confirmação sobre sua chegada, e nada sobre o Brasil também. Mas deverá ser lançada em meados de 2021, e uma vez confirmada ao mercado nacional, é muito provável que veremos nas concessionárias no segundo semestre do ano que vem.

Veja Também  Nova Harley-Davidson feita em parceria com chineses é revelada

A Harley-Davidson revelou planos de cortar 30% de sua gama de modelos em um plano de racionalização para se concentrar fortemente em seus modelos e mercados mais importantes. E a nova Harley de 350 cc competirá em um mercado de bastante volume.

Fonte: IG CARROS

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana