conecte-se conosco


Política Nacional

Especialistas apontam formas sustentáveis para a preservação do Pantanal

Publicado

Política Nacional

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Márcio Yule disse que somente no mês de outubro mais de 518 mil hectares do Pantanal pegaram fogo

Doze de novembro é o Dia do Pantanal. A data é comemorada desde 2015 para lembrar de Francisco Anselmo de Barros, ambientalista que ateou fogo ao próprio corpo para protestar contra as ameaças sofridas pelo bioma.

De lá para cá, o Pantanal vem sofrendo com a ocupação desordenada de seu entorno, e atualmente está ameaçado pela revogação do decreto que delimita as áreas de plantio de cana-de-açúcar.

O presidente da Comissão de Meio Ambiente, que realizou seminário nesta terça-feira (12) para discutir o tema, deputado Rodrigo Agostinho (PSB-SP), destacou que a Câmara já discute uma proposta para reverter essa revogação.

“Foi um erro do governo revogar o decreto. A cana produz álcool, é um combustível limpo, mas a gente não quer ver a cana incentivando o desmatamento, incentivando o assoreamento dos rios do Pantanal”, disse o deputado.

Assoreamento O coordenador do programa Cerrado Pantanal da Ong WWF, Júlio César Sampaio, afirmou que atualmente uma das principais preocupações em torno do Pantanal diz respeito justamente à dinâmica de uso e de sua ocupação.

Veja Também  Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de "santinhos" em MT

“O caso emblemático do Pantanal é o rio Taquari, um rio que foi totalmente assoreado em função do mau uso das suas cabeceiras. Todo o sedimento desceu para a planície pantaneira, então esse rio mudou a sua conformação e hoje terras, que eram produtivas no passado, fazenda de pecuaristas, hoje estão completamente embaixo d’água. Então, além do impacto ambiental, do assoreamento desse rio, a mudança nessa dinâmica também é um impacto econômico nas atividades que eram desenvolvidas ali”, disse.

Turismo A gerente de Pesquisa e Meio Ambiente do Sesc Pantanal, Cristina Neves, destacou que, anualmente, o Sesc recebe 30 mil turistas que movimentam a economia no Pantanal de forma sustentável, mas ela alerta que esse turismo só é possível se houver preservação ambiental.

“A proteção da biodiversidade é uma ação humana, é o uso dessa área não é a proteção da natureza intocada. E são muitos os pantanais, acho que somos muitos os pantaneiros. Nós somos hoje aqui a voz daqueles que não têm voz”, disse.

Veja Também  Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de "santinhos" em MT

Incêndios O coordenador estadual do Mato Grosso do Centro de Combate aos Incêndios Florestais (PrevFogo), Márcio Yule, destacou que, em 2019, a brigada apagou dois incêndios por dia e, desse total, 99% foram causados por mãos humanas.

Segundo dados do PrevFogo, com a estiagem prolongada deste ano, somente no mês de outubro 518 mil e 800 hectares do Pantanal pegaram fogo, destruindo a flora e matando os animais da região.

Reportagem – Karla Alessandra
Edição – Roberto Seabra

Comentários Facebook

Política

Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de “santinhos” em MT

Kayan Henrique

Publicado

Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de “santinhos” em MT

or conta do atual cenário de pandemia algumas medidas deverão ser tomadas pelos partidos e candidatos na corrida eleitoral deste ano. As recomendações que foram assinadas pelo procurador regional eleitoral, Erich Masson e pelo procurador-geral de Justiça, José Antônio Borges Pereira, vão da proibição de distribuição dos populares “santinhos” até a recomendação de que não sejam feitos comícios e outros tipo de eventos.
As recomendações determinadas pelos juízes começam já daqui há alguns dias quando se inicia o período de propaganda eleitoral gratuita, assim é pedido por eles que sejam evitados qualquer tipo de evento político como exemplo, passeatas, caminhadas, comícios, entre outros, entrevistas coletivas. Isso porque essas situações são típicas de aglomerações.
Se por ventura os candidatos venham a realizar algum tipo de reunião é solicitado ainda que todos acompanhem e respeitem as restrições impostas para realização de eventos de cada município, como distanciamento social e uso de máscara. Já que cada local tem sua sanção e pareceres técnicos emitidos.
Diferentemente dos outros anos onde os “santinhos” sempre são distribuídos, neste pleito é pedido para que os partidos políticos não façam uso dele como de outros meios, como jornais e afins.
No dia da votação é reiterado ainda pelos juízes que os candidatos evitem qualquer tipo de contato físico com os eleitores e também proíbem a entrega de qualquer material impresso, já prevista anteriormente na Lei 9.504-1997. Além da obrigatoriedade do uso das máscaras.
Todas as determinações deverão ser passadas as siglas por meio de um arquivo complementar elaborado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) denominado “Plano de Segurança Sanitária – Eleições Municipais de 2020”.
As eleições para a escolha de vereadores e prefeitos, além da suplementar para senador, deverão ser realizadas no dia 15 de novembro e 29 do mesmo mês caso haja segundo turno.

Comentários Facebook
Veja Também  Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de "santinhos" em MT
Continue lendo

Curiosidades

O partido PSL do município de nova Ubiratã confirma data para convenção municipal, que será no dia 16/09/2020

Kayan Henrique

Publicado

O partido PSL do município de nova Ubiratã confirma data para convenção municipal, que será no dia 16/09/2020 com início às 9:00 hrs.

A Comissão Provisória do Partido Social Liberal – PSL do Município de Nova Ubiratã /MT, por seu Presidente abaixo assinado, vem, na forma da Legislação Eleitoral vigente e do Estatuto desta Agremiação Partidária, CONVOCAR os Convencionais devidamente habilitados ao exercício do voto, para comparecerem à Convenção Municipal do Partido Social Liberal – PSL do Município de Nova Ubiratã /MT, a ser realizada no dia 16 de setembro de 2020 (Quarta-feira ), com início às 09:00 horas, e término às 14:00 horas, na Rua Rua Rio Grande do Sul, 1570, desta cidade, para deliberação da seguinte.
ORDEM DO DIA:
* Escolha dos candidatos do Partido Social Liberal – PSL do Município de Nova Ubiratã MT. aos cargos de Prefeito e Vice-Prefeito, nas eleições majoritárias do próximo dia 15 de novembro;
* Escolha dos candidatos do Partido Social Liberal – PSL do Município de Nova Ubiratã MT., ao cargo de Vereador nas eleições proporcionais do próximo dia 15 de novembro;
* Deliberação sobre propostas de coligações com outras agremiações partidárias;
* Sorteio dos respectivos números para os candidatos a Vereador Partido Social Liberal – PSL do Município de Nova Ubiratã MT.
* Delegação de poderes ao respectivo órgão municipal do Partido Social Liberal – PSI- do Município de Nova Ubiratã MT., conforme os termos do artigo 12, III, do Estatuto do Partido Social Liberal – PSL;
* Outros assuntos de interesse partidário e eleitoral.

Comentários Facebook
Veja Também  Por conta da pandemia, MP proíbe distribuição de "santinhos" em MT
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana