conecte-se conosco


Policial

Funcionário de prefeitura é preso após usar cartão de pessoa morta para fazer empréstimo

Avatar

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um funcionário da Prefeitura de Alta Floresta, acusado de usar o cartão de uma pessoa morta para fazer empréstimo e saques bancários, foi identificado e preso pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (04.11). O servidor municipal estava cedido à Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e aproveitou da função para praticar o crime.

O suspeito foi autuado em flagrante pelo crime de posse ilegal de munições, durante cumprimento de mandado de busca e apreensão em sua residência, no bairro Boa Nova III, em Alta Floresta. O funcionário público também responderá em inquérito policial pelos crimes de peculato e estelionato. 

A vítima foi encaminhada ao Hospital Regional de Alta Floresta no dia 26 de julho com quadro de agressão física. No dia 30, a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar sendo o corpo encaminhado à Politec, para verificação da causa da morte.

No dia 31 de julho, os funcionários da agência bancária do Sicredi de Paranaíta, onde a vítima possuía conta conrrente, perceberam uma movimentação estranha, referente a um empréstimo pessoal no valor de R$ 5.250, além de saques no valor de R$ 2,5 mil. Todas as transações foram realizadas em caixas eletrônicos da agência de Alta Floresta.

Assim que foi notificada da situação, a Polícia Civil de Alta Floresta iniciou as investigações e por meio de imagens de circuito interno de segurança conseguiu identificar o autor da fraude. Segundo o delegado, Pablo Carneiro, o suspeito se valeu da condição de servidor público para subtrair o cartão bancário da vítima quando o corpo foi encaminhado a Politec para o exame de necrópsia.

“Como a conta da vítima não tinha saldo, o suspeito contrato um empréstimo para posteriormente realizar os saques dos valores”, explicou o delegado.

Diante das evidências, o delegado representou pelo mandado de busca e apreensão na residência do suspeito, o qual foi decretado pela Justiça e cumprido na segunda-feira (04). Na casa do investigado, os policiais apreenderam 9 munições, sendo 8 calibre 38 e 1 calibre 32. Questionado, o suspeito disse que já havia destruído o cartão da vítima.

O  servidor foi conduzido à Delegacia de Alta Floresta, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante por posse ilegal de munições. O delegado arbitrou fiança no valor de R$ 1 mil e o suspeito responderá em liberdade pelos inquéritos pelo de posse ilegal, estelionato e peculato.

Comentários Facebook

Policial

PM intercepta suspeito e apreende grande carregamento de maconha que seria vendida em Sinop

Avatar

Publicado


.

Policiais militares de Sinop (a 500 km de Cuiabá) prenderam na noite desta terça-feira (02.06), um homem por tráfico de droga, no bairro Jardim das Oliveiras.

Conforme o boletim de ocorrência, a informação apontava que um suspeito estaria guardando uma grande quantidade de droga que seria de uma organização criminosa. O local apontado seria uma boate. Em monitoramento, o denunciado foi abordado e os policiais encontraram três porções de maconha prontas para venda.

Questionado, o homem confirmou a denúncia e ainda apontou mais dois homens que seriam os donos da droga, sendo um deles o líder da facção em Sinop. Ele ainda descreveu que dos 50 quilos de maconha, 25 quilos já tinham sido distribuídos em vários pontos da cidade, sendo que o restante ainda estava em sua casa.  

No imóvel, os policiais encontraram 19 barras de maconha – 18 quilos, mais sete quilos divididas em porções menores, um total de 607 porções, além de três balanças e R$ 1,3 mil em dinheiro.

Durante a vistoria na casa, os policiais encontraram o documento pessoal de uma mulher que seria a responsável pela distribuição do entorpecente. Ela não foi localizada.

O homem detido estava com uma motocicleta Honda YBR 125 vermelha, que foi apreendida.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Quadrilha é detida em flagrante com módulos de caminhões furtados em Lucas do Rio Verde e Sorriso

Avatar

Publicado


.

Policiais militares da 12ª Companhia de Barra do Bugres (a 168 km de Cuiabá) prenderam no sábado (30.05), três homens por furto e receptação, na área central da cidade.

Conforme o boletim de ocorrência, os agentes realizavam ronda quando iniciaram a abordagem no grupo que estava em veículo GM Onix. Na vistoria no carro, os policiais encontraram uma porção de maconha e uma mochila com sete módulos de caminhão.

Dois dos suspeitos confessaram que tinham furtado as peças na região das cidades de Sorriso e Lucas do Rio Verde e levariam para Cuiabá para serem negociadas.

Contaram ainda que um deles era o responsável em retirar as peças, o outro seria o olheiro monitorando a presença de pessoas e o terceiro o motorista.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

 

Fonte: PM MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana