conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende traficante com vários produtos destinados a fabricação de droga

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, em ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), realizou a prisão em flagrante de Jonathan Allex dos Reis Timm, 36, na manhã desta terça-feira (22.10), no bairro CPA III, em Cuiabá. Na casa do suspeito, os policiais encontraram diversos produtos destinados a fabricação de cocaína (mistura), além de uma arma de pressão de grande porte.

A prisão do suspeito aconteceu durante cumprimento de mandado de busca e apreensão expedido pela 9ª Vara Criminal de Cuiabá, com base nas investigações da DRE.

Em buscas na casa do investigado, os policiais aprenderam uma arma de pressão, calibre 5.5 com M16R, diversas substancias para preparo de drogas (06 frascos de Efrinalin 1mg, 03 de Epinefrina 1mg, 03 Cloridrato de Petinina 50 mg, 01 sulfato de morfina 10 mg, 11 Hemitartarato de Norepinefrina 2 mg, 01 cloridrato de Dobutamina 12,5 mg), além de R$ 450 em dinheiro e dois aparelhos celulares.

Segundo o delegado da DRE, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, o suspeito é investigado há algum tempo pela especializada, sendo apontado como integrante de facção criminosa envolvida em diversos crimes, entre eles o tráfico de entorpecentes.

Veja Também  Polícia Civil cumpre mandados de prisões contra acusados de estupro e roubo qualificado

“Ele é conhecido por fomentar o tráfico de drogas na região do CPA e possui passagens anteriores pelo crime, sendo apreendido em seu poder vários componentes para fabricação de cocaína. A arma apreendida apesar de ser de pressão, assusta, e pode ser utilizada em ações criminosas”, disse o delegado.

Diante das evidências, o investigado foi conduzido a DRE onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, previsto no artigo 33, parágrafo 1º, § 1 da Lei de drogas, que prevê a possibilidade do suspeito ser flagrado com produtos químicos destinados ao preparo do entorpecente.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Autor de homicídio praticado em Cuiabá há 29 anos é preso em Brasília

Publicado

Assessoria | PJC-MT

O autor de um homicídio praticado há 29 anos teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (11.11), em Brasília (DF), após ter seu paradeiro identificado em investigações da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol). O suspeito, Sátiro Leôncio de Arruda Filho, 50, estava com a ordem de prisão por condenação, decretada por homicídio qualificado que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima.

A prisão do suspeito foi realizada pela equipe da Gepol com apoio da Divisão Anti Sequestro (DAS) da Polícia Civil do Distrito Federal. Réu confesso, Sátiro Leôncio, foi condenado a 12 anos e 06 meses de reclusão em regime fechado e estava com a ordem de prisão pendente de cumprimento expedida pela 1ª Vara Criminal de Cuiabá.

O homicídio brutal praticado pelo suspeito ocorreu no dia 04 de novembro de 1990, no bairro Dom Aquino em Cuiabá, tendo como vítima Augsuto César dos Santos. Na ocasião, o suspeito acompanhado de um comparsa desferiu vários golpes de faca contra a vítima, que era filho de um policial militar aposentado.

Veja Também  NOTA DE FALECIMENTO

O crime foi praticado em frente a irmã da vítima, na época de apenas 10 anos de idade. Mesmo ferida, a vítima tentou fugir dos agressores, mas foi perseguida e executada a facadas. Após receber a ordem de prisão contra o foragido, os policiais do Núcleo de Inteligência (NI) iniciaram as diligências investigativas, cartorárias e de campo, visando localizar e prender o suspeito.

Com a informação de que o foragido estava em Brasília, os policiais da Gepol solicitaram apoio da equipe do DAS conseguindo realizar a prisão do suspeito, no Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos, na cidade-satélite de Brasilândia, onde ele atuava como terapeuta.

Depois de tomadas as providências de praxe para cumprimento do mandado, o preso será recambiado para Cuiabá onde permanecerá a disposição da Justiça.

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão preventiva de suspeito de violência doméstica na Capital

Publicado

Assessoria/PJC-MT

Equipes da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, cumpriram na manhã desta terça-feira (12.11), em Cuiabá, mandado de prisão preventiva contra E.M.J., 30 anos, suspeito dos crimes de ameaça e lesão corporal, conforme previsão na Lei Maria da Penha. 

O mandado de prisão foi deferido pela 1ª Vara da Violência Doméstica e Familiar da Comarca de Cuiabá. 

Ele foi ouvido no inquérito policial, referente à ocorrência registrada pela vítima no início deste mês, e depois encaminhado para audiência de custódia da Justiça. 

O suspeito responde a outros inquéritos instaurados pela Delegacia da Mulher de Cuiabá.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Também  Polícia Civil prende suspeito com drogas que seriam vendidas em Querência
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana