conecte-se conosco


Diárias de Mercado

SOJA/CEPEA: Baixa umidade pode levar ao replantio em algumas regiões do País

Publicado

Cepea, 21/10/2019 – Parte dos produtores consultados pelo Cepea indica ter necessidade de fazer replantio em áreas do Paraná e de Mato Grosso, especialmente nas regiões do oeste e norte desses estados. Muitos agricultores de Mato Grosso estão preocupados, tendo em vista que têm contratos fixados de algodão, cultivado após a soja. O desafio desses produtores será repassar o maior custo da produção ao preço final da oleaginosa. Muitos insumos encareceram nesta temporada (especialmente fertilizantes) e, agora, alguns produtores terão mais custos com sementes, com o possível replantio. Colaboradores consultados pelo Cepea indicam que o semeio de soja está em torno de 30% em Mato Grosso. No norte e oeste do Paraná, o semeio está em torno de 60%, segundo indicam agentes consultados pelo Cepea – neste mesmo período do ano passado, o semeio já estava concluído nessas regiões. Em Goiás e em Mato Grosso do Sul, o semeio está em torno de 20%, enquanto em São Paulo e Minas Gerais, a semeadura não chegou ainda nos 10% – no caso paulista, a maior parte dessa área já semeada é irrigada. Em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul o cultivo de soja também teve início. Produtores relatam que, mesmo com a ocorrência de chuvas nos últimos dias, a umidade do solo ainda é baixa. No geral, não há grandes preocupações nestas regiões, visto que o semeio é mais tardio. O lado bom é que há previsão de chuva para todo o Brasil nos próximos dias. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  CITROS/CEPEA: Menor qualidade e redução da colheita impulsionam cotações da laranja

Diárias de Mercado

CAFÉ/CEPEA: Preço do arábica sobe quase 20 Reais/sc em 7 dias

Publicado

Cepea, 13/11/2019 – As cotações do café arábica registraram elevação expressiva na semana passada. Segundo pesquisadores do Cepea, o aumento esteve atrelado à valorização do dólar frente ao Real e à recuperação dos futuros da variedade, além da maior demanda, especialmente para cafés de qualidade superior. A alta dos preços não permitiu negociações apenas no físico, mas também no mercado futuro, com negócios para 2020 fechando em patamares próximos dos R$ 500/sc. Apesar da queda dos valores nessa segunda-feira e da estabilidade na terça, no balanço dos últimos sete dias (entre 5 e 12 de novembro), o Indicador CEPEA/ESALQ do café tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, registrou alta de 18,7 Reais por saca de 60 kg (4,2%), fechando a R$ 464,57/saca de 60 kg no dia 12. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  MELANCIA/CEPEA: Baixa oferta e demanda firme garantem alta nos preços
Continue lendo

Diárias de Mercado

ALGODÃO/CEPEA: Vendedor firme eleva Indicador em quase 2% na parcial do mês

Publicado

Cepea, 13/11/2019 – Os preços do algodão em pluma estão em alta no mercado interno. Entre 31 de outubro e 12 de novembro, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, aumentou 1,82%, fechando a R$ 2,5575/lp nessa terça-feira, 12. Segundo pesquisadores do Cepea, a alta do dólar frente ao Real neste início de novembro e o atual patamar elevado dos preços internacionais têm deixado vendedores, especialmente tradings, firmes nos valores pedidos. Alguns vendedores estão com boa parte da produção comprometida e, neste momento, cumprem contratos já realizados. Por outro lado, algumas indústrias e comerciantes com necessidade de lotes com melhor qualidade até se dispuseram a pagar mais pela pluma, mas sinalizam dificuldades em obter lotes disponíveis. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

Fonte: Diárias de Mercado
Comentários Facebook
Veja Também  ALGODÃO/CEPEA: Vendedor firme eleva Indicador em quase 2% na parcial do mês
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana