conecte-se conosco


Policial

Projeto aproxima instituição e moradores da região do São João Del Rey

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Ultrapassando a expectativa, o projeto “Polícia Civil em Cidadania”, promovido no sábado (19.10), em Cuiabá, realizou 1,5 mil atendimentos em vários serviços, como saúde, bem-estar, cidadania, jurídico, social, entre outros, voltados para pessoas carentes.

Organizada pela primeira vez na Academia de Polícia da PJC-MT (Acadepol), a ação social idealizada pela Coordenadoria de Polícia Comunitária e colaboradores, proporcionou para toda comunidade dos bairros São João Del Rey, Pedra 90 e região, uma manhã repleta de atividades focadas no bem-estar social.
 

O evento “Polícia Civil em Cidadania” visando aproximar da sociedade, reuniu moradores das adjacências e várias faixas etárias, que foram beneficiados com serviços de emissão de documentos, exames de saúde, estética, brincadeiras e pinturas para as crianças. Houve também a distribuição de 400 mudas de diferentes árvores frutíferas e nativas, distribuição de roupas, brinquedos, kits de higiene bucal, atendimentos com psicólogos, nutricionistas, esmalteria, corte de cabelo, penteados, orientações jurídicas e muito mais.

Durante a abertura das atividades, o delegado-geral Mário Dermeval Aravechia de Resende, agradeceu os voluntários e representantes das instituições e empresas parceiras. “Postura interessante de imersão da comunidade no ambiente policial. A função da Polícia Civil é agregar e com muita satisfação, cumprimento as pessoas envolvidas nesse evento de tamanha grandeza”, enalteceu Mario Dermeval.

Veja Também  Operação cumpre 16 mandados contra alvos suspeitos de roubos a propriedades agrícolas

O diretor da Acadepol, Welber Batista Franco, destacou o esforço da Coordenadoria de Polícia Comunitária em realizar o evento e de forma inédita, utilizando da estrutura da academia para recepcionar e receber a comunidade. “A Polícia Civil está caminhando em passos largos, e a Acadepol agradece a parceria com os Órgãos presentes, transformando e fazendo acontecer, assim driblando as dificuldades”, disse Welber Franco.

Para a dona de casa Ivone Salomão, de 79 anos, residente no bairro São João Del Rey, a alegria de poder de forma fácil conseguir retirar a segunda via do documento de identidade (RG), sem precisar sair para longe de sua casa, estampava o sorriso no rosto da idosa.

“Por morar num local longe, quando soube do mutirão resolvi trazer toda família. Minha nora também veio tirar identidade, e meus netos estão aproveitando tudo que tem de bom por aqui”, contou a senhora Ivone Salomão.
 

A ação social contou com a participação de mais 70 voluntários, que abrilhantaram a manhã de sábado, levando cidadania, lazer e muito diversão para a comunidade.

Veja Também  Polícia Civil identifica e prende autor de homicídio em Sorriso

São parceiros na realização do projeto a Assembleia Legislativa, por meio do programa Assembleia Social, Politec, Prefeitura de Cuiabá por meio da Secretaria Municipal de Saúde; Defensoria Pública, Procon-MT, Tribunal de Justiça por meio do Juizado Volante Ambiental, Sesc Pantanal, Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, projeto VG em Ação, projeto Verde Novo, Sine, Setas, Energia, Unic, Univag, Conselhos Comunitários de Segurança dos bairros e outros colaboradores.
 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Autor de homicídio praticado em Cuiabá há 29 anos é preso em Brasília

Publicado

Assessoria | PJC-MT

O autor de um homicídio praticado há 29 anos teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (11.11), em Brasília (DF), após ter seu paradeiro identificado em investigações da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol). O suspeito, Sátiro Leôncio de Arruda Filho, 50, estava com a ordem de prisão por condenação, decretada por homicídio qualificado que dificultou ou impossibilitou a defesa da vítima.

A prisão do suspeito foi realizada pela equipe da Gepol com apoio da Divisão Anti Sequestro (DAS) da Polícia Civil do Distrito Federal. Réu confesso, Sátiro Leôncio, foi condenado a 12 anos e 06 meses de reclusão em regime fechado e estava com a ordem de prisão pendente de cumprimento expedida pela 1ª Vara Criminal de Cuiabá.

O homicídio brutal praticado pelo suspeito ocorreu no dia 04 de novembro de 1990, no bairro Dom Aquino em Cuiabá, tendo como vítima Augsuto César dos Santos. Na ocasião, o suspeito acompanhado de um comparsa desferiu vários golpes de faca contra a vítima, que era filho de um policial militar aposentado.

Veja Também  Policia Civil cumpre mandado de prisão contra suspeito de latrocínio tentado

O crime foi praticado em frente a irmã da vítima, na época de apenas 10 anos de idade. Mesmo ferida, a vítima tentou fugir dos agressores, mas foi perseguida e executada a facadas. Após receber a ordem de prisão contra o foragido, os policiais do Núcleo de Inteligência (NI) iniciaram as diligências investigativas, cartorárias e de campo, visando localizar e prender o suspeito.

Com a informação de que o foragido estava em Brasília, os policiais da Gepol solicitaram apoio da equipe do DAS conseguindo realizar a prisão do suspeito, no Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos, na cidade-satélite de Brasilândia, onde ele atuava como terapeuta.

Depois de tomadas as providências de praxe para cumprimento do mandado, o preso será recambiado para Cuiabá onde permanecerá a disposição da Justiça.

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão preventiva de suspeito de violência doméstica na Capital

Publicado

Assessoria/PJC-MT

Equipes da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, cumpriram na manhã desta terça-feira (12.11), em Cuiabá, mandado de prisão preventiva contra E.M.J., 30 anos, suspeito dos crimes de ameaça e lesão corporal, conforme previsão na Lei Maria da Penha. 

O mandado de prisão foi deferido pela 1ª Vara da Violência Doméstica e Familiar da Comarca de Cuiabá. 

Ele foi ouvido no inquérito policial, referente à ocorrência registrada pela vítima no início deste mês, e depois encaminhado para audiência de custódia da Justiça. 

O suspeito responde a outros inquéritos instaurados pela Delegacia da Mulher de Cuiabá.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Veja Também  Homem é encaminhado com mercadorias de procedência chinesa em Primavera do Leste/MT
Continue lendo

Destaques

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana